Universidade Federal Fluminense



Baixar 1.22 Mb.
Página285/334
Encontro27.05.2018
Tamanho1.22 Mb.
1   ...   281   282   283   284   285   286   287   288   ...   334
Relato de experiência

Concordarmos com Saviani (1995), ao defender que o método deve vincular educação e sociedade, conceituando a Educação como " uma atividade mediadora no seio da prática social global." Deste modo, com fundamentação e amparo na "pedagogia histórico-crítica", as experiências aqui relatadas, buscam através de um plano de ação, sair da prática social e à ela retornar, possibilitando aos alunos a construção de uma síntese superior. Sendo que a prática pedagógica é intencionalmente organizada a fim de lançar aos alunos uma problemática que relacione o conteúdo à realidade social e, ao mesmo tempo, motive os alunos em busca da instrumentalização necessária para solução deste problema.

O conteúdo desenvolvido visou através de uma prática crítico-reflexiva, fornecer instrumentos para construção de conceitos e compreensão acerca de problemáticas envolvidas a este tema da cultura corporal de movimento. O trabalho foi desenvolvido em duas escolas da rede Estadual de Juiz de Fora, nos meses de Agosto à Outubro de 2002.

O tema jogos e brincadeiras foi sistematizado em uma unidade intitulada: "Jogos e brincadeiras populares: um resgate da cultura lúdica popular". Num primeiro momento, a fim de partir da realidade concreta dos alunos, foram realizadas pesquisas e entrevistas com os alunos, pais e pessoas mais velhas da comunidade. Ainda nesta fase inicial foi lançada a questão problemática que visava analisar os fatores responsáveis pelo esquecimento destas práticas corporais em nossa sociedade atual.

A partir de um resgate dos jogos e brincadeiras presentes na cultura brasileira e alguns de outras culturas, passou-se para a fase de instrumentalização, por meio da experimentação, estudo acerca das origens e variações regionais destas práticas. Os jogos e brincadeiras foram escolhidos de acordo com as possibilidades materiais, interesse dos alunos e importância para a compreensão acerca da realidade destes elementos da cultura.

Após esta fase de instrumentalização, passou-se à reflexão acerca do esquecimento destes jogos e brincadeiras. Aqui foram levantados pontos como a sua substituição por jogos eletrônicos e interne, a falta de espaços para estas atividades, a falta de tempo, entre outras. Em prosseguimento, buscou-se construir, com base nas experiência de aula, conceitos acerca dos jogos populares, sendo aplicada, logo em seguida, uma avaliação a fim de constatar as construções elaboradas pelos alunos. Por fim, volta-se à prática social, pensando em possibilidades de manter na memória lúdica da comunidade a presença deste jogos e brincadeiras estudados e experimentados na escola, através da construção de um arquivo.

Este exemplo não pretende ser um modelo ou receita de prática pedagógica de EF e nem de dar conta de solucionar a velha e complicada relação teoria e prática neste componente curricular, mas apenas servir como meio de reflexão coletiva acerca das possibilidades de construção de uma práxis pedagógica em EF escolar.

5- Conclusão

Assim, a partir da consideração da EF enquanto disciplina escolar, vislumbramos uma justificativa para a EF no interior da escola, como uma práxis pedagógica comprometida com uma ação acompanhada de uma reflexão crítica a respeito desta, construindo a unidade fundamental das aulas de EF. Como já relatado acima, este estudo pretende apenas contribuir com a reflexão de um coletivo de professores comprometidos com o desenvolvimento de uma prática pedagógica transformadora que só será concretizada no dia-a-dia e no interior da escola.

As autoras, Janaína Vital Rezende e Renata Aparecida Alves Landim são professoras de EF da rede rede Estadual de MG , a última também professora substituta da FACED/ (UFJF)



Baixar 1.22 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   281   282   283   284   285   286   287   288   ...   334




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual