Universidade Federal Fluminense



Baixar 1.22 Mb.
Página202/334
Encontro27.05.2018
Tamanho1.22 Mb.
1   ...   198   199   200   201   202   203   204   205   ...   334
2. Analisando a abordagem

Essa abordagem, além de definir a EF em outras bases filosófica, ético-política e pedagógica, garantiu a mesma uma articulação com a função da escola, através da definição do campo de conhecimento (cultura corporal) e o objeto de estudo (o movimento enquanto linguagem).

A definição de ensino defendida pelos autores supera a forma verticalizada e descontextualizada dos modelos que se baseiam na fórmula restrita de transferir conhecimentos e desenvolver habilidades. Para a abordagem, o ensino é a atividade docente responsável pela transmissão/mediação do conhecimento, através de uma lógica, de uma pedagogia, da apresentação do saber elaborado e criação de possibilidades que permitam ao aluno a assimilação do conhecimento. Por sua vez, o conteúdo da EF, denominado cultura corporal, é necessário para a compreensão do mundo a partir da especificidade dos processos de transformação das atividades corporais e seus significados. A concepção de currículo, que representa o caminho pelo qual se dá o processo de escolarização do homem, criando possibilidade para uma reflexão pedagógica do aluno, permite desenvolver uma leitura da realidade, dentro da perspectiva da lógica dialética, a partir da constatação, interpretação, compreensão e explicação da realidade social, comprometido com os interesses populares.

A abordagem possui alguns princípios curriculares que ajudam a organizar, selecionar e sistematizar os conteúdos a serem ensinados, garantindo por sua vez uma ligação com significados sociais. Essa orientação destaca dois princípios curriculares importantes que se articulam: o da relevância social do conteúdo, que garante ao aluno a explicação da realidade social possibilitando-o lutar pelos seus interesses de classe e a contemporaneidade do conteúdo, que implica em manter a atualização dos conhecimentos referentes aos acontecimentos modernos (científicos e tecnológicos) assim como o que é considerado clássico. Um outro princípio indicado resgata a necessidade de adequação às possibilidades sócio-culturais de entendimento do aluno, o que significa criar condições para o aprender. Todos são requisitos fundamentais para a seleção dos conteúdos a serem transmitidos/assimilados. Para o seu tratamento e organização, dois princípios são determinantes: o da simultaneidade e a espiralidade. No primeiro, os dados da realidade não se transmitem isoladamente, confrontando com as idéias do currículo conservador (etapismo) e o segundo rompe com a linearidade com que é tratado o conhecimento, assegurando ao aluno uma organização mais ampla do mesmo. Por fim, a provisoriedade garante que o conteúdo de estudo seja visto sempre como algo inacabado, em construção.

Quanto à linha metodológica, a Abordagem Crítico-Superadora – inspirada na Teoria Histórico-Crítica de Saviani (1995) – define os seguintes procedimentos: identificação do conteúdo na prática social, que significa estabelecer as relações entre conteúdo/sociedade e vivência dos alunos. O segundo é caracterizado pela definição de problemas pedagógicos, de relevância social, que vai orientar toda perspectiva de ensino e aprendizagem, articulada com a totalidade. O terceiro consiste na transferência das ferramentas culturais (conteúdos) necessárias para a solução dos problemas pedagógicos. Este procedimento denomina-se de instrumentalização. Por último, procura-se elaborar uma síntese superior, permitindo um salto de qualidade. Isso significa retornar aos problemas pedagógicos e sua contextualização na prática social, a partir da aproximação de novos conhecimentos na busca de novas respostas pedagógicas e sociais.



Baixar 1.22 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   198   199   200   201   202   203   204   205   ...   334




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual