Um pouco de história: o despertar para a questão



Baixar 2.56 Mb.
Página28/83
Encontro27.05.2018
Tamanho2.56 Mb.
1   ...   24   25   26   27   28   29   30   31   ...   83
(Fragmento das discussões do Grupo Focal Reflexivo realizada no dia 21 de maio de 2007 – Grupo 01).
Mirella: Por que Pedagogia? Como vocês chegaram à escolha desse curso? Por que vocês pensaram em fazer Pedagogia?

(...)

Norma: Eu também decidi fazer no primeiro ano do PISM. A minha mãe fez magistério, a minha tia é formada em Pedagogia, então sempre vi elas conversarem... eu sempre me interessei. Eu também faço conservatório, eu vou formar no final do ano agora, doze anos lá. Eu queria fazer Música, só que aqui não tem, e para eu ir embora, largar o conservatório... sendo que os meus pais não iam deixar eu ir, eu juntei as duas coisas. Porque eu gosto de ensinar, eu gosto de estar ali com a pessoa. E poder juntar essa parte de educar com a música que eu também gosto... por isso que eu escolhi.

(...)

Mirella: E você já dá aula de música?

Norma: Já dei em casa, para preparar para a prova do conservatório.

Vanessa: Desde pequena sempre gostei de criança, sempre fui uma criança que gostava de criança. Eu ia para a casa dos meus vizinhos para cuidar dos filhos. Pequenininha brincava, mas elas tinham confiança em mim, às vezes eu ficava mesmo com as crianças. E eu sempre brinquei de dar aula, eu acho que toda criança... ganhei um quadro uma vez e fiquei super feliz, aí dava aula até para as paredes (...) E quando eu tinha doze anos a minha mãe ficou grávida. Então eu cuidei dele [do irmão bebê] e tive a experiência de lidar com a educação dele desde o começo até hoje. E também, há dois anos atrás um filho de uma amiga da minha mãe precisou de ajuda em Matemática e eu tive que dar aula para ele. Foram coisas que foram me incentivando.

(...)

Mônica: Eu sempre gostei de criança, sempre dei aula particular em casa (...) minha maior referência é a minha mãe. Ela é uma pessoa que não fez Pedagogia, mas eu a considero uma verdadeira Pedagoga. Sempre me interessou o jeito dela cativar as crianças (...) E os próprios professores que passavam por mim, no Ensino Fundamental e no Ensino Médio, falavam que eu tinha muita didática quando eu apresentava trabalho. Então isso foi me influenciando muito. Eu fiz técnico em Informática e o “boom” mesmo para eu decidir se era mesmo Pedagogia, foi o primeiro estágio que eu fiz numa escola de Informática, que eu dava aula de informática (...) Mas foi quando eu comecei a fazer estágio nessa escola de Informática, que eu comecei a ver os resultados dos alunos, em termos de conhecimento, que eu fui ver que realmente era isso que eu queria, que era a parte de ser professora.

(Fragmento das discussões do Grupo Focal Reflexivo realizada no dia 25 de maio de 2007 – Grupo 02).

Esse contato anterior com a educação faz com que os alunos saibam o que podem encontrar no curso de Pedagogia, estejam mais convictos da decisão que tomaram e, por isso, sintam-se mais satisfeitos com o curso. Apesar da maioria estar no primeiro período e, por isso, não conseguirem ter uma visão mais ampla a respeito do curso de Pedagogia e de suas possíveis áreas de trabalho, pensam inicialmente em ser professores:



Mirella: Vocês gostam do curso de Pedagogia? O que vocês acham dele?

Daniele: (...) Eu gosto (...) Mas eu acho que assim, para mim atende, porque eu estou fazendo ele para dar aula. Agora, quem faz para atuar na área de gestão, eu acho que não atende.

Mirella: O seu objetivo é ser professora?

Daniele: O meu é ser professora. Eu gosto mesmo, mas quem está pensando em trabalhar numa área de secretaria, alguma coisa, acho que tem que pegar alguma coisa extra, porque eu acho que a faculdade já não dá uma base boa não.

(...)

Isadora: (...) Inicialmente eu pretendo ser professora, mas não sei. Tem algumas áreas que eu estou descobrindo agora também que são interessantes, como a parte da pedagogia hospitalar que eu já pesquisei algumas coisas sobre isso, que eu achei legal.


Catálogo: ppge -> files -> 2010
ppge -> Ata da ducentésima octogésima sexta reunião ordinária do colegiado delegado do programa de pós-graduaçÃo em educaçÃO/ced/ufsc
files -> Faculdade de educaçÃo programa de Pós-Graduação em Educação edital processo seletivo 2014 o programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora faz saber a todos quantos virem o presente
files -> Maria fernanda van erven
files -> O interessante é que o próprio Estevam de Oliveira em seus escritos não utilizou apenas uma denominação quando se referia às escolas graduadas
2010 -> Um labirinto
2010 -> Universidade federal do pampa
files -> Universidade federal de juiz de fora faculdade de educaçÃo programa de pós-graduaçÃo em educaçÃo quadro de disciplinas para 2018/3

Baixar 2.56 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   24   25   26   27   28   29   30   31   ...   83




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual