Um pouco de história: o despertar para a questão


Infocentro: em busca da inclusão digital



Baixar 2.56 Mb.
Página11/83
Encontro27.05.2018
Tamanho2.56 Mb.
1   ...   7   8   9   10   11   12   13   14   ...   83
4.2.1. Infocentro: em busca da inclusão digital
A importância do acesso ao computador/internet é destacada pela professora Fernanda Campos, por Diogo Carneiro e até mesmo pelo professor Fernando Fiorese41, principalmente pela nova realidade que se configura para o acesso à Universidade, agora pelo sistema de cotas:
Diogo Carneiro: O principal objetivo, bem prático, desse projeto, foi trazer aos alunos, porque muitos deles não têm computador ou não têm acesso à internet, trazer aos alunos uma coisa que já é extremamente atual. Assim, é impossível hoje você realizar uma atividade acadêmica sem acesso à internet. Ela deixou de ser uma coisa que anos atrás era um luxo, para ser uma coisa que é uma necessidade. E a proposta do infocentro é trazer isso ao aluno, permitir que ele tenha, dentro do ambiente onde ele tem a instrução acadêmica, o acesso à internet para complementar essa instrução. Então eu acho que é uma idéia riquíssima. Ela abre um leque de possibilidades para quem não tinha... é sobretudo um passo de inclusão digital (...) o infocentro chega dentro do meio acadêmico para suprir isso, para que você tenha profissionais que vão sair da Universidade competentes no uso de internet, competentes no uso de uma pesquisa digital... esse tipo de coisa!

(Fragmento da entrevista individual realizada no dia 11 de abril de 2006).
Fernanda Campos: Nós temos agora os alunos cotistas, então nós temos que dar esse tipo de atendimento especial ao aluno que não teve oportunidade de trabalhar antes [com o computador].

(Fragmento da entrevista individual realizada no dia 24 de maio de 2006).

Fernando Fiorese: E uma coisa que foi complementada posteriormente, era exatamente que os alunos que entrariam pela cota, como eles têm um poder aquisitivo mais baixo, eles teriam uma possibilidade de ter uma ferramenta informacional que normalmente eles não teriam disponível em casa.

(Fragmento da entrevista individual realizada no dia 12 de fevereiro de 2007).

Entre os alunos do curso de Pedagogia da UFJF também é possível notar a importância que atribuem ao infocentro, principalmente para aqueles discentes que não têm o acesso em ambiente domiciliar:


Mirella: E o que vocês pensam sobre o infocentro? Fala um pouquinho para mim da visão que vocês têm dele.

Daniele: Eu acho muito importante, principalmente para quem não tem computador em casa. Porque o que a gente tem aqui, igual ele (Gilberto) falou: é o básico. Você tem que buscar, qualquer trabalho que a gente faz por fora, a gente tem que buscar alguma coisa, pelo menos para você ter uma direção. Eu acho que é muito importante. Me ajuda muito mesmo. Essa trabalhada que a gente tem para fazer aqui na faculdade... Ajuda muito.

(Fragmento das discussões do Grupo Focal Reflexivo realizada no dia 21 de maio de 2007 – Grupo 01).
Nara: Eu acho importante o computador, a internet na formação do professor. E depois quando você fala do Infocentro, eu acho também o Infocentro um elemento a mais aqui na Universidade, acho muito importante o Infocentro.

Mirella: Por que ele é um elemento a mais? O que ele traz de diferente?

Nara: Eu acho que quem não tem computador em casa, quem não tem acesso, o Infocentro ajuda essas pessoas a ter o acesso.

(Fragmento das discussões do Grupo Focal Reflexivo realizada no dia 25 de maio de 2007 – Grupo 02).
Mônica: (...) É importante o Infocentro. Igual no meu caso, eu moro numa república e não tem computador. Eu digito, acesso a internet... é tudo aqui. Eu acho de grande importância ter o Infocentro, mas para isso eu tenho que praticamente sair da aula e ir [para o infocentro].

(Fragmento das discussões do Grupo Focal Reflexivo realizada no dia 25 de maio de 2007 – Grupo 02).
A necessidade do acesso, portanto, é clara não apenas entre coordenadores do infocentro e professor entrevistado. Esta é uma questão que permeia também a fala dos alunos participantes da pesquisa, que tentam iniciar uma discussão sobre a inclusão digital:

Catálogo: ppge -> files -> 2010
ppge -> Ata da ducentésima octogésima sexta reunião ordinária do colegiado delegado do programa de pós-graduaçÃo em educaçÃO/ced/ufsc
files -> Faculdade de educaçÃo programa de Pós-Graduação em Educação edital processo seletivo 2014 o programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora faz saber a todos quantos virem o presente
files -> Maria fernanda van erven
files -> O interessante é que o próprio Estevam de Oliveira em seus escritos não utilizou apenas uma denominação quando se referia às escolas graduadas
2010 -> Um labirinto
2010 -> Universidade federal do pampa
files -> Universidade federal de juiz de fora faculdade de educaçÃo programa de pós-graduaçÃo em educaçÃo quadro de disciplinas para 2018/3

Baixar 2.56 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   7   8   9   10   11   12   13   14   ...   83




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual