Trabalhos Apresentados IV senabraille


QUADRO TEÓRICO-METODOLÓGICO



Baixar 0.61 Mb.
Página20/42
Encontro27.05.2018
Tamanho0.61 Mb.
1   ...   16   17   18   19   20   21   22   23   ...   42
QUADRO TEÓRICO-METODOLÓGICO
O Braille Virtual é um produto inovador, baseado em animações gráficas, pretendendo proporcionar um aprendizado de maneira lúdica e interativa. As pessoas que vêm não precisam do tato para ler em Braille. Com o aprendizado do código composto por 63 símbolos formados pela combinação de seis pontos em uma célula, o indivíduo que vê pode ler textos em Braille apenas substituindo as letras comuns pela nova simbologia Com os símbolos divididos em grupos de 10, o usuário poderá perceber primeiramente quais pontos formam cada letra Braille. Num segundo momento há a repetição de cada letra, no intuito de facilitar a memorização. Terminada a animação, o usuário pode clicar em cada célula Braille disposta para repetir o aprendizado. A partir do segundo grupo de letras, ao se acrescentar ou retirar apenas um ponto do grupo anterior, é formado um novo grupo de letras, acelerando-se o processo.
O projeto do software garante que cópias gratuitas baixadas em disquete possam ser distribuídas livremente e que tanto a versão on-line como a off-line são utilizadas por computadores antigos e com poucos recursos, garantindo acessibilidade aos usuários brasileiros. A nova logística de acesso e distribuição gratuita por Internet foi adotada ao constatar-se que a política pública não viabiliza recursos suficientes para atender às necessidades de formação continuada de professores e acaba em ações de pouco impacto e de pouca eficiência no plano do atendimento à população com deficiência.

Neste campo, segundo a Declaração de Salamanca, "o maior desafio consiste em organizar formação-em-serviço para todos os professores, tendo em consideração as diversas e, muitas vezes, difíceis condições em que trabalham. A formação-em-serviço deverá realizar-se, sempre que possível, ao nível da escola, através da interação com orientadores e apoiado pela formação à distância e outras formas de auto-formação" (Salamanca:1994) Por isso, foi adotada a filosofia do OpenCourseWare do Massachussets Institute of Technology (MIT:2005), idealizando-se um curso aberto, que não exige inscrição e certificação, ao mesmo tempo em que não impõe limites à quantidade de usuários do programa.



Com a aprendizagem do Braille por parte dos familiares, colegas e professores da classe regular, serão minimizadas as dificuldades que os alunos cegos encontram em sua trajetória escolar. Por exemplo, na área de alfabetização, a motivação para a leitura tem um papel fundamental. Geralmente as crianças videntes tem grande interesse em aprender a ler, o que está ligado ao seu acesso, muito cedo, ao mundo letrado. Desde os primeiros anos de vida a criança vê ao seu redor muitos cartazes estimulantes onde lêem palavras ou descobrem o significado (Coca-Cola); em sua casa está rodeada de livros de literatura infantil ilustrados, a TV onde aparecem e desaparecem legendas constantemente. Assim, as crianças videntes vão tomando consciência do propósito da leitura, despertando nelas uma motivação clara para aprender a ler.
Esse processo natural nas crianças videntes não acontece com as crianças cegas que entram em contato com o mundo letrado na época em que ingressam na escola, quando conhecem o Braille e, através desse, a leitura tátil. A demora da criança cega em conhecer o mundo letrado se deve ao fato do Sistema Braille diferir inteiramente da escrita comum, enquanto código e quanto à sua apresentação, sendo dominado por um grupo muito restrito, levando pais, professores, assim como a comunidade infantil da criança não apenas a uma desvalorização, como também a um não reconhecimento como sistema de leitura escrita, ignorando, muitas vezes, a própria aprendizagem da criança. Os pais, professores, colegas de classe e o próprio estudante deverão ser levados a perceber e reconhecer que, embora o sistema Braille seja diferente da escrita comum, quanto ao código e à apresentação, ele substitui satisfatoriamente a leitura escrita em negro.


Baixar 0.61 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   16   17   18   19   20   21   22   23   ...   42




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual