Projeto Málaga



Baixar 0.69 Mb.
Página35/50
Encontro06.04.2018
Tamanho0.69 Mb.
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   50
NÚCLEOS

1o Ciclo de ESO

3o Ciclo de P.

2o Ciclo de P.

ALIMENTOS

* água ( presa ao limoeiro ) 8o EG B *o morango ( plantação ) 1o ESO

* abacate tropical, plantação *Açúcar ( Málaga )

*Leite ( Vaqueria ) *Azeite (Benagalbón )

CORPO HUMANO

audição, ruído, rádio. 1o ESO *o olho, a luz, a tv (Canal Sul ) 8o EGB.

*O animal inventado (funções dos seres vivos ) *O corpo e suas funções

*O sistema locomotor *A . Reprodutor.

ECOSISTEMAS

*Arroio Gálica (ecosistema rio ) 1o ESO; *Rocha do corvo (ecosistema praia ) 8o EGB; *O Monte San Antón (ecosistema monte ) 1o e 8o

* A desembocadura do Guadalhorce; *O Parque de Málaga.

* O Arroio Gálica; * La Playa del Dedo.

MEIO SOCIAL

--------------------

*Andalucía (física, alimentação, costumes...); *Minha cidade: Málaga (Museu de Artes Populares); *A história de meus antepassados Andalucía; *A história de meus antepassados. Espanha.

*O Bairro: El Palo (Candado e Pelusa); *A população: Benamocarra; *A história de minha família; *A história de Málaga.

TRANSPORTES

--------------------

*O avião

*A bicicleta



*O ônibus

*O trem


COMÉRCIO IMPACTOS

*Os imaturos. (Pesca) 1o ESO; *Os vasilhames. (Supermercado) 1o ESO; *As sujeiras (Terreno abandonado) 8o EGB.

*Eroski

*Um quiosque



*Mercado (El Palo)

*Supermercado (Aldi)



ASTRONÔMIA

*O sol, sistema solar (Planetário) 1o ESO;

*A via Láctea



*O Universo e suas partes;

*Estações. Relógio Solar.



*Dia e Noite;

*Satélites e Planetas.



TECNOLOGIA

---------------------

*Um carro de jogo manual;

*Carrossel.



*Os Patins;

*A Bicicleta.



FÍSICA E QUÍMICA DA VIDA


*O cimento, as pedras (P. de cimento) 8o EGB;

*Os detergentes e s química (P. de Lejía) 8o EGB;

*Os aparelhos elétricos da casa (E. Solar) 1o ESO


*Ar;

*Solo.


-----------------------

*Água

*Ar.


----------------------




*Sevilla (consumo e câmbio)

*Granada. Parque T.

*Benamocarra




SAÍDAS COMPRIDAS

*Granada ( jardim e tecnologia)

*Acampada.

*Acampada.

*Alhama de Granda.

5 - Partes do Contrato




  1. A apresentação do contrato - A Responsabilidade.

O professorado pode esbanjar imaginação neste momento tão importante, sendo fundamental que explique ao alunado:



  • A justificação do porquê da escolha desse contrato e não outro;

  • A utilidade que tem (funcionalidade do conteúdo);

  • O que se pretende;

  • Abertura às sugestões e contribuições.




  1. Motivação.

Despertar a curiosidade e a vontade de conhecer dependerão da motivação intrínseca própria que podem criar no alunado. A maior quantidade de expectativas, a ilusão de trabalhar e de dar com o que desperta curiosidade e interesses será maior, e como conseqüência a responsabilidade e co - responsabilidade com a tarefa. Se o que se vai trabalhar é útil de verdade para o que aprende, e, serve para elaborar e construir o pensamento, a motivação está garantida.




  1. A negociação.

A negociação é vital para o trabalho por contratos, pois é uma forma de comunicação e de respeito à tarefa coletiva. Donde se aceita outro modo de estabelecer a tarefa.


O contrato deve ser algo vivo, dinâmico e propriedade da pessoa que o trabalho e o grupo. Chegar a senti-lo como algo próprio, quero dizer que é de sua própria elaboração e não do professorado que o coordena. É um grande salto no protagonismo do alunado em sua própria aprendizagem e o aumento de sua responsabilidade no itinerário acadêmico e de crescimento pessoal.
O que se negocia? O tempo de duração, as saídas, os critérios de avaliação dos alunos, professores e processos, as fontes de informação, os critérios de agrupamento.
Na negociação tem muito que ver os critérios de avaliação, pois, se é o professorado quem põe a nota e a única pessoa que tem algo a dizer sobre a avaliação, automaticamente, o contrato passa a ser considerado propriedade do professorado.


  1. Detecção das idéias prévias.

Outro momento importante e a base da aprendizagem é partir do que já se sabe. O como se aprende, ou seja, tem que partir da base do conhecimento e da experiência de cada pessoa, ativando o que já sabe, que normalmente é muito:



  • Pergunta sobre as idéias chaves do tema e da área (chuva de idéias);

  • Ordenar, classificar e organizar (mapa conceitual) as idéias prévias;

  • Discussão comum em pequeno grupo.




  1. Desenho da Investigação.

Tendo em conta o que se sabe e as expectativas que possuem, os passos a realizar seriam os seguintes:

# Despertam a curiosidade por saber e querem conhecer;

# Escolhem o que quer investigar ou trabalhar. Planejamento de um problema e sua explicação (individual);

# Chegam a partir dos trabalhos individuais, em acordo no grupo sobre o que se quer investigar (pequeno grupo);

# Discussão comum de todos os projetos de investigação dos grupos (grande grupo);

# Buscam informação: no cantinho do Conhecimento do Meio, na biblioteca, em volta, casa, vídeos, fichas, pesquisas... (pequeno grupo);

# Dividem o trabalho e preparam a parte que escolheram (individual);

# Trabalham a documentação que contribui ao professorado (saídas, conferências, máquinas,...).
f) Conferência.
É uma estratégia para compartilhar a informação. É um momento de grande solenidade. A classe se coloca em forma de U e o grupo que dá a conferência, fecha o U.
As partes seriam:


  • Preparar a conferência individual e pequeno grupo. Mapa conceitual de cada parte, suporte gráfico (mural, transparência, vídeo, teatro,... (pequeno grupo).

  • Dar a conferência (grande grupo ou ciclo).

  • Colher as anotações do grupo que dá a conferência.

  • Proposta de intervenção (pessoal, familiar, centro, cidade).




  1. Apresentação do Contrato = Pessoal =.

Organizar o trabalho (página de rosto, índice, introdução, fichas, investigações, conferências, trabalho livre, avaliação e conclusão).


Em nossa prática temos podido comprovar que o gosto e satisfação que os alunos sentem por seu trabalho e o que se esmera por ele é grande e as pessoas com dificuldades ou que levam outro ritmo bem abaixo ou bem acima se entusiasma da mesma forma.
h) AVALIAÇÃO e as informações.
A avaliação é uma aprendizagem, portanto, avaliamos para refletir sobre o que se tem feito, o que sabemos e o que precisamos melhorar. Por outro lado, se temos em conta, que o verdadeiro protagonista da aprendizagem é o aluno, e queremos que se responsabilize de seu itinerário acadêmico e do crescimento pessoal, é de suma importância a auto - avaliação. Uma auto - avaliação que não prejudique a auto - estima da pessoa, que não se compara com as demais, não compete, e sim valoriza os próprios avanços e retrocessos e que atua em conseqüência.
Sabemos que a competição não melhora o rendimento nem motiva a aprendizagem.
Talvez o mais importante na avaliação seja chegar a alguns critérios comuns sobre o que, o quando, quem, para quê e o como avaliar. Nossa tradição avaliadora no sistema educativo se limita a examinar os alunos com todo tipo de provas para averiguar se sabiam do que o livro dizia, os apontamentos e/ ou algum personagem deste livro. Em seguida, a informação era a única nota do conteúdo acadêmico que naquele momento do exame era o que se possuía.
Isto nos tem levado a um modelo de informe onde se avalia todo o processo dos contratos e onde a avaliação se converte num sistema de aprendizagem ( reflexo sobre o que temos feito, como o temos feito e o que tenho aprendido ).
As provas de auto - controle são meros instrumentos de uns dos aspectos da avaliação.
Os critérios de avaliação e os indicadores serão apresentados e negociados com clareza.
Haverá um tipo de informação que varia de acordo com a pessoa que é dirigido: Alunos, Famílias, Professores ou Administração.
Modelo de informação de auto - avaliação da área de ciências Naturais.
COOPERATIVA COLÉGIO PLATERO
AUTO - AVALIAÇÃO DO CONTRATO DA VELA CIÊNCIAS DA

NATUREZA.




INFORME DE......................................... CURSO......................


CONTRATOS




Tenho preparadas todas as fichas




Está organizada, limpa e decorada




Entreguei-a a tempo




Tenho feito trabalho livre







TRABALHO EM GRUPO




Tenho exercido o cargo de ( Co., Se., Ma., Po. )




Tenho me responsabilizado sobre meu cargo.




Tenho trabalhado com segurança com a vela.





Baixar 0.69 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   31   32   33   34   35   36   37   38   ...   50




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual