Nota sobre a autora


Vivenciar as inteligências múltiplas na intervenção psicopedagógica



Baixar 0.5 Mb.
Página40/48
Encontro04.03.2018
Tamanho0.5 Mb.
1   ...   36   37   38   39   40   41   42   43   ...   48
4.3.3 Vivenciar as inteligências múltiplas
na intervenção psicopedagógica

Apresentaremos a seguir uma proposta interventiva que objetiva desenvolver as diferentes competências cognitivas – as inteligências múltiplas –, possibilitando não só a potencialização das áreas mais exigidas no contexto escolar – linguística e lógico-matemática, erroneamente relacionadas com a capacidade de aprender –, mas todo potencial modular do funcionamento cognitivo.

Segundo Veiga e Garcia28, durante muitos anos pensou-se que a inteligência era imutável, estável e mensurável por meio de um coeficiente numérico. A evolução, trazida por diferentes teorias, mostra a possibilidade de desenvolvimento de diferentes programas de intervenção cognitiva cujas atividades exercitam operações ou funções cognitivas que podem ser utilizadas por educadores nos seus planejamentos pedagógicos. Essas atividades têm como pressuposto uma intervenção sistemática que possibilita a modificabilidade de funções não desenvolvidas em funções satisfatoriamente eficientes, produzindo uma mudança na estrutura cognitiva do sujeito.

Esses programas de intervenção, citados na sequência (ver Quadro 4.2), possibilitam também a superação de um conceito de inteligência baseado somente no sucesso institucionalizado, bem como o reconhecimento das diferentes competências mentais de modo a favorecer um perfil de acordo com a visão pluralista da mente. É importante mencionar que esses programas interventivos possibilitam a criação e efetivação de estratégias cognitivas e metacognitivas que passam a fazer parte do repertório para resolução de problemas tanto na vida escolar como na vida social e familiar, levando o sujeito a ter mais autonomia intelectual e moral.



Quadro 4.2 – Vivenciar as inteligências múltiplas

Inteligências

Atividades

Materiais

Estratégias

instrucionais

Linguística

Palestras, discussões, jogos de palavras, narração de histórias, leituras em coral, redação de diário ou jornal.

Livros, gravadores, computadores, impressoras, jornais,
revistas.

Ler sobre determinado tema, escrever sobre ele, falar sobre ele etc.

Lógico-matemática

Enigmas, solução de problemas, experimentos científicos, cálculos mentais, jogos numéricos, pensamento crítico.

Livros matemáticos, calculadoras, manipulativos matemáticos, equipamento de ciências, jogos matemáticos.

Quantificar um tema, pensar criticamente sobre ele, colocá-lo em uma estrutura lógica, experimentá-lo.

Espacial

Apresentações visuais, atividades artísticas, jogos de imaginação, mapeamento mental, metáforas, visualização.

Gráficos, mapas, vídeo, conjunto de Lego, materiais de artes, ilusões óticas, câmeras, biblioteca de quadros.

Escolher um tema, desenhá-lo, visualizá-lo, colori-lo, mapeá-lo mentalmente.

Corporal- sinestésica

Aprendizagem prática, teatro, dança, esportes que ensinam atividades táteis, exercícios de relaxamento.

Instrumentos de construção, argila, equipamentos esportivos, manipulativos, recursos de aprendizagem táteis.

Escolher um tema, atuar sobre ele , tocá-lo, senti-lo, dançá-lo, dramatizá-lo.

Musical

Aprendizagem rítmica, rapping, músicas que ensinam.

Instrumentos musicais, tocar CDs, coleções de CDs.

Cantar uma música, fazer um rap com ela, escutá-la.

Intrapessoal

Instrução individualizada, estudo independente, opções em curso de estudo, ­desenvolvimento da autoestima.

Materiais de autoavaliação, diários, materiais para projetos.

Relacionar um tema a sua vida pessoal, fazer escolhas em relação a esse tema.

Interpessoal

Aprendizagem cooperativa, tutoramento de colegas, envolvimento na comunidade, reuniões sociais, simulações.

Jogos de tabuleiro, materiais para festas, acessórios para teatro.

Escolher um tema, prever como colaborar com esse tema, propor ações interativas com o tema.

Naturalística

Estudo da natureza, consciência ecológica, cuidado com animais e plantas.

Plantas, animais, instrumentos para o estudo das plantas e animais, instrumentos de jardinagem.

Relacionar um tema com os fenômenos naturais, construir classificações a partir desse tema.

Fonte: Adaptado de Veiga; Garcia, 2006.



Baixar 0.5 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   36   37   38   39   40   41   42   43   ...   48




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual