Histórico do curso



Baixar 291.5 Kb.
Página1/6
Encontro16.11.2019
Tamanho291.5 Kb.
  1   2   3   4   5   6

SÚMULA DO PROJETO PEDAGÓGICO

CURSO SUPERIOR

DE

TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA


UNIDADE DE CIANORTE
2012
1. HISTÓRICO DO CURSO
O Curso Superior de Tecnologia em Design de Moda foi implantado a partir da verificação da necessidade de se proporcionar à comunidade da área de abrangência da Universidade Paranaense - UNIPAR, Unidade de Cianorte, a possibilidade de contar na esfera do Ensino Superior com um curso que pudesse formar profissionais competentes na área da criação e desenvolvimento de produtos do vestuário. Devido à necessidade de mão de obra qualificada para atender as indústrias de confecção de Cianorte e região foi que Universidade Paranaense – UNIPAR implantou no ano de 2002 o curso de Design de Moda. Na sua implantação o curso recebeu o nome de Tecnologia em Gestão de Moda e Estilo, em 2005 diante a possibilidade de flexibilização passou a denominação de Curso Superior de Tecnologia em Moda e Estilo, com o surgimento do Catálogo Nacional dos Cursos de Tecnologia no ano de 2006 foi acoplado à área de Design de Moda, passando a denominar-se Curso Superior de Tecnologia em Design de Moda.

Referência no mercado de moda no Brasil, Cianorte vem, há quase três décadas, ancorando sua economia em torno das indústrias de confecção. Foram anos de luta e investimentos em prol do desenvolvimento de um setor para o qual a cidade descobriu ter uma vocação inata. De um lado o governo municipal, que sempre incentivou a instalação das fábricas, concedendo terrenos e serviços como terraplanagem e construção de vias de acessos, além da isenção de impostos; e de outro, os empresários que buscaram qualificação e diversidade para oferecer produtos de qualidade inquestionável.

Foi justamente essa característica que atraiu marcas famosas do Brasil e do exterior, que passaram a transferir para as confecções cianortenses a produção de suas peças. As grifes locais, aos poucos, também foram se expandindo e conquistando espaço no competitivo mercado nacional, projetando Cianorte como forte pólo de moda, a ponto de ser reconhecida como a Capital do Vestuário. Cianorte, hoje, é responsável por 20% de todo jeans comercializado no país, o que representa 12 milhões de peças por mês. Mais de 450 indústrias de confecções, que ultrapassam mais de 600 grifes, formam o pólo de Cianorte. O setor gera 15 mil empregos diretos e aproximadamente 30 mil indiretos em toda a região.

A cada cinco cianortenses, três trabalham nas confecções, o que significa que mais da metade da população economicamente ativa tem sua renda proveniente da fabricação e venda de roupas e acessórios. Não é por menos que Cianorte está entre os dez municípios que mais geram emprego no Paraná. Em 2008, a taxa de crescimento do nível do emprego registrada na cidade foi de 7,17%, a quarta maior do Estado. Como capital do vestuário, Cianorte tem uma estrutura funcional e organizada para atender aos compradores atacadistas que chegam de todas as partes do Brasil com conforto e eficiência. Sua rede de atendimento oferece translado gratuito, que interliga seis shoppings atacadistas e a Rua da Moda. Microônibus circulam das 7h30 às 18 horas, ininterruptamente (mesmo no horário do almoço), levando compradores com total segurança de uma loja a outra, num raio de dois quilômetros. Hotéis, pousadas, bares, restaurantes e centros de eventos dão suporte e complementam a rede atacadista do município.  O Curso Superior de Tecnologia em Design de Moda da UNIPAR, cumprindo seu papel na construção do conhecimento e na busca pela transformação econômica e social tem mostrado seu potencial através da presença constante de tecnólogos graduados pelo curso, sendo responsáveis pela criação e desenvolvimento de produtos de grandes marcas da indústria de confecção de Cianorte e região. A classificação em concursos de moda a nível estadual e nacional tem colocado os acadêmicos do Curso de Tecnologia em Design de Moda da Universidade Paranaense – UNIPAR em constante destaque no cenário nacional da moda, favorecendo a credibilidade com relação à qualidade de ensino oferecido por esta instituição.

O Curso atende o disposto pelo Decreto n.º 5.626, de 22 de dezembro de 2005 que regulamenta a Lei n.º 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras, como disciplina optativa a todos os cursos superiores de graduação, e o art. 18 da Lei n.º 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Assim o Curso Superior de Tecnologia em Design de Moda inseriu a disciplina de Língua Brasileira de Sinais - LIBRAS como disciplina optativa.

No Projeto Pedagógico do Curso Superior de Tecnologia em Design de Moda, além dos conteúdos estabelecidos na Legislação descrita acima, os alunos compartilham uma formação transversal de conteúdos referentes às Políticas de Educação Ambiental (Lei n.º 9.795, de 27 de abril de 1999 e Decreto n.º 4.281/2002), Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena, contidas na Lei n.º 11.645, de 10 de março de 2008 e Resolução CNE/CP n.º 01, de 17 de junho de 2004, de forma disciplinar obrigatória, e de enriquecimento curricular ou de projetos de ensino, pesquisa e extensão universitária.





Baixar 291.5 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
Processo seletivo
ensino médio
oficial prefeitura
minas gerais
terapia intensiva
Conselho nacional
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
Conselho regional
ciências humanas
ensino aprendizagem
outras providências
secretaria municipal
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
Dispõe sobre
catarina prefeitura
Colégio estadual
recursos humanos
Conselho municipal
consentimento livre
ministério público
conselho estadual
público federal
psicologia programa
Serviço público