Diretoria de pesquisa



Baixar 1.03 Mb.
Página3/8
Encontro04.03.2018
Tamanho1.03 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8
JUSTIFICATIVA

Segundo Rosenbaum (2007) "a paralisia cerebral é um grupo de desordens permanentes do desenvolvimento, da postura e do movimento, que causam limitações da atividade atribuídas a distúrbios não progressivos que ocorrem no desenvolvimento fetal ou no cérebro infantil. As desordens motoras são frequentemente acompanhadas por alterações sensoriais, cognitivas, perceptivas, de comunicação e de comportamento; além de epilepsia e problemas musculoesqueléticos secundários".

A descrição topográfica da paralisia cerebral se dá a partir de três formas. A primeira é a hemiparesia que consiste no acometimento de apenas um hemicorpo e, frequentemente, há presença de pés em padrão equinovaro (Baladi, Castro & Morais Filho, 2007). Geralmente estes casos são evidenciados a partir do quarto/quinto mês quando a criança começa a manipular objetos. A diparesia compreende no comprometimento dos membros inferiores em detrimento dos superiores, ocasionado pela espasticidade da musculatura extensora e adutora das pernas, Seus sintomas ficam evidentes a partir do sexto mês quando a criança passa a utilizar bem os membros superiores, mas não consegue andar (Gianni, 2003; Mancini, 2004).

Por fim, a tetraparesia, possui características que podem ser observadas nos primeiros meses de vida, vindo a comprometer tanto os membros superiores quanto os inferiores de forma assimétrica, acentuando-se progressivamente a partir do momento em que a criança vai se desenvolvendo, sendo assim a forma mais grave da PC (Baladi, Castro & Morais Filho, 2007).

A classificação clinica de PC se dá de quatro maneiras, atetósica, atáxica, espástica e mista. A PC atetósica, é conchecida também como discinética, que ocasiona dificuldades da criança em manter a postura, executar movimentos voluntários e coordenar movimentos automáticos. A PC atáxica caracteriza-se pela manifestação clínica de ataxia quando na posição sentada, hipotonia, presença de incoordenação motora, tremor intencional e dismetria, as lesões são causadas no cerebelo ou vias cerebelares, (Araujo& Galvão, 2007). Na PC espástica, a hipertonia muscular é a principal manifestação, ocorre em 75% dos casos e é caracterizada por uma síndrome deficitária de liberação piramidal com exacerbação dos reflexos tendinosos profundos, clono e sinal de Babinski (Gianni, 2003; Mancini, 2004). A combinação das três formas anteriores é a PC mista.

As limitações motores decorrentes da paralisia cerebral requerem cuidados específicos com as crianças, que dependem de seus cuidadores para serem atendidas em suas necessidades básicas. Os cuidados relacionados à uma criança com PC requerem de seu cuidador tempo, dedicação, habilidades, dentre outros, que nem sempre os cuidadores dispões o que pode, associado a situações adversas vivenciadas no cotidiano, gerar o estresse parental.

O estresse parental se dá a partir do momento em que a soma de diversos fatores se apresentam, tais como as características da criança, o grau de deficiência, nivel de dependência, necessidades de manejo, problemas de comportamento e a limitação na comunicação (Ali e colaboradores, 1994; Shapiro, Blacher & Lopez, 1998).

Segundo Minnes (1998), as características distintas que marcam os diferentes tipos de deficiência geram níveis variados de impacto sobre os cuidadores, sobrecarregando-os de cuidados peculiares a criança. Essa sobrecarga, por sua vez, pode estar relacionada aos sentimentos de ansiedade e incerteza quanto às questões de sobrevivência da criança, de seu desenvolvimento, de um compromisso de cuidado prolongado ou, mesmo, do próprio impacto desse cuidado sobre a vida pessoal da mãe, impondo-lhe um senso de limitação e restrição.





Baixar 1.03 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual