Boletim de serviço nº 021 de 29/05/2007 – assessoria de comunicaçÃO


§ 2º - A representação externa deverá ser indicada por órgãos de classe, abrindo-se o convite público para as vagas disponíveis. Art. 2º



Baixar 0.92 Mb.
Página75/81
Encontro27.05.2018
Tamanho0.92 Mb.
1   ...   71   72   73   74   75   76   77   78   ...   81
§ 2º - A representação externa deverá ser indicada por órgãos de classe, abrindo-se o convite público para as vagas disponíveis.

Art. 2º - A Comissão Própria de Avaliação é órgão de representação acadêmica, constituída para um mandato de dois anos, com renovação de 50% dos membros, prevalecendo em sua constituição a competência técnica, o exercício da pesquisa e os seguintes princípios matriciais quanto ao processo avaliativo:

  1. Utilidade: capacidade de trazer informações que os próprios interessados considerem relevantes;

  2. Representativo: significa tratar o alcance dos interessados em função de um maior número de segmentos presentes nos quesitos pesquisados;

  3. Abrangente: trabalhar com o maior número de dados e informações, do ponto de vista das questões avaliativas;

  4. Legitimo: o trabalho da avaliação se reporta, sempre, a validação da audiência melhorando as chances de responsividade;

  5. Participativo: que envolve mecanismos coletivos de construção e implantação do processo avaliativo, envolvendo os interessados em todas as etapas.

Art. 3º - Cabe a comissão de avaliação:

  1. Coordenar o processo de avaliação institucional, a cada dois anos mediante a realização do seminário de avaliação institucional.

  2. Proceder estudos e pesquisas auxiliares á tomada de decisão quanto a ações institucionais de ensino, pesquisa e extensão bem como estudos sobre a eficácia e efetividade dos processos administrativos e pedagógicos desenvolvidos na UNIR.

  3. Assessorar os diversos setores na UNIR quando da apresentação do relatório de gestão institucional.

  4. Proceder, anualmente, levantamento e estudo dos níveis de satisfação do usuário da UNIR, em conformidade com dispositivo do Ministério da Educação e Tribunal de Contas da UNIR.

  5. Emitir parecer técnico quanto aos indicadores de desenvolvimento institucional, com vistas a reflexão sobre os padrões de qualidade efetivamente atendidos.

  6. Outros que o Conselho Superior lhe atribuir em razão de situações que julgue pertinente estabelecer um processo institucional que tenha por base a avaliação.


Art. 4º - Considerar para os efeitos dessa Resolução para os servidores da UNIR, as atividades desenvolvidas na CPAV como atividades acadêmicas e funcionais, conferindo-lhe, para os devidos registros acadêmicos a carga horária de 15 horas semanais, que devem ser levadas em conta quando da distribuição de atividades de ensino na graduação ou laborais, quando servidor.



Baixar 0.92 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   71   72   73   74   75   76   77   78   ...   81




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual