Aspectos históricos da psicologia do desenvolvimento



Baixar 87.48 Kb.
Página38/77
Encontro04.03.2018
Tamanho87.48 Kb.
1   ...   34   35   36   37   38   39   40   41   ...   77
1º ESTAGIO SENSO – MOTOR

Inicia-se ao nascimento e segue ao longo dos dois primeiros anos. Nesse período as crianças terão uma inteligência pratica centrada na percepção e no motor. A consciência começa por um egocentrismo (Percebemos, portanto, que nessa etapa, o individuo está, paulatinamente, trabalhando na formação da noção do eu e na diferenciação dos objetos. Dessa forma, a criança dá início à construção dos esquemas sensório-motores a partir de alguns poucos reflexos hereditários) até que os progressos da inteligência sensório motor levem a construção de um universo objetivo, onde o corpo aparece como um elemento. Ela dá inicio a construção de esquemas sensórios motores a partir de reflexos, logo é importante nesta fase a criança ser estimulada a interagir com diferentes objetos/brinquedos.

Nessa fase as crianças gostam de realizar movimentos repetitivos  *reações circulares*. O desenvolvimento é apoiado nos exercícios dos aparelhos reflexos e a principal característica é a inteligência pratica. O instrumento da inteligência é a percepção. No fim dessa fase começa o aparecimento da função simbólica.

A partir da construção dos esquemas pela transformação da sua atividade sobre o meio, a criança vai construindo e organizando noções, organizando a realidade. Isso se deve, em parte, pela conquista da noção da permanência do objeto. Por isso, é muito importante que nessa fase a criança seja estimulada a reconhecer

e interagir com diferentes objetos no seu entorno. É preciso que o bebê conviva com diferentes brinquedos, com objetos, para que possa pegar sacudir, morder e beliscar. Geralmente, nesse período, as crianças gostam de executar exercícios repetitivos, o que Piaget denomina de reações circulares. O bebê bate rias vezes no móbile do berço para observar a mudança do seu movimento. Outro aspecto que também é possível evidenciar está nas diferentes maneiras com que a criança atrai os brinquedos para si e também suas diferentes maneiras

de encontrá-los. Esse processo ocorre quando ela possui a noção do objeto permanente. Nessa fase, a criança procura objetos escondidos e manifesta curiosidade em deixar objetos caírem no chão para observar a queda.





Baixar 87.48 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   34   35   36   37   38   39   40   41   ...   77




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
ensino médio
Processo seletivo
minas gerais
oficial prefeitura
terapia intensiva
Conselho nacional
Curriculum vitae
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
saúde mental
educaçÃo infantil
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
Excelentíssimo senhor
assistência social
ciências humanas
Atividade estruturada
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
políticas públicas
outras providências
secretaria municipal
Dispõe sobre
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
consentimento livre
conselho estadual
psicologia programa
ministério público
público federal