Ana maria candido de menezes raguazi



Baixar 0.54 Mb.
Página2/15
Encontro04.03.2018
Tamanho0.54 Mb.
#156
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   15
ROCHEDO

2011
RESUMO

Este trabalho é resultado do projeto de intervenção de educação em saúde quanto ao consumo de bebida alcoólica, realizado com os estudantes do ensino médio no município de Rochedo - MS. O projeto teve por objetivos prevenir o uso de álcool entre os jovens, trabalhar a autoestima desses jovens com atividades educativas; levar informações, ouvir a opinião e dúvidas dos jovens em relação ao consumo de bebida alcoólica, assim como interagir com a família dos adolescentes, mostrando a importância da influência que esta exerce. O projeto de intervenção teve duas etapas, a primeira no mês de fevereiro de 2011, em que 106 alunos do ensino médio responderam inicialmente um questionário e após participaram de atividades educativas através de materiais áudio visuais, panfletos e rodas de conversa. Com o objetivo de avaliar o projeto, um mesmo questionário foi respondido pelos alunos participantes no início e encerramento do projeto. A segunda etapa do projeto foi realizada com a presença de 108 alunos do ensino médio, no mês de agosto de 2011, onde duas peças teatrais foram apresentadas pelos alunos do 2º ano do ensino médio aos alunos e docentes. Após as peças foi reservado um momento de reflexão com rodas de conversa em cada sala de aula, e os alunos responderam o questionário. Em fevereiro houve ligeiro predomínio do sexo masculino (50,95%) e em agosto houve predomínio do sexo feminino (51,85%). Na primeira etapa do projeto houve um equilíbrio entre as faixas etárias de 13-15 anos (44,34%) e 16-18 anos (45,28%), mas na segunda etapa destacou-se a faixa etária de 16-18 anos (60,19%). O conhecimento sobre o tema teve um acréscimo, pois em fevereiro 55,67% dos jovens acertaram mais de 5 questões e esse número em agosto foi de 68,49%. Apesar disso, aumentou o consumo de bebida alcoólica, pois inicialmente 77 jovens nunca bebiam álcool e em agosto esse número foi de 66; quanto aos que fazem uso do álcool durante os finais de semana aumentou de 25 para 36. No mês de fevereiro 37 jovens responderam que nenhuma pessoa bebia em sua casa, já em agosto esse número diminuiu para 25, assim como aumentou de 16 para 28 jovens que responderam ter mais de 3 pessoas em suas casas ingerindo a bebida alcoólica. Os resultados mostram que os jovens adquiriram mais conhecimentos sobre o tema com a atividade desenvolvida, mas é preciso maior investimento em ações educativas sobre o consumo de álcool entre os jovens para que mortes provocadas por jovens embriagados ao volante não façam parte da realidade do município de Rochedo-MS.




Baixar 0.54 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   15




©psicod.org 2022
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
conselho nacional
concurso público
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
ensino médio
minas gerais
seletivo simplificado
Conselho nacional
oficial prefeitura
terapia intensiva
Curriculum vitae
Boletim oficial
direitos humanos
Concurso público
Universidade estadual
saúde mental
educaçÃo infantil
educaçÃo física
saúde conselho
Centro universitário
Conselho regional
Poder judiciário
assistência social
santa maria
Excelentíssimo senhor
ciências humanas
Atividade estruturada
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
Colégio estadual
Dispõe sobre
ensino aprendizagem
recursos humanos
outras providências
Conselho municipal
secretaria municipal
catarina prefeitura
público federal
educaçÃo universidade
psicologia programa
Serviço público
Componente curricular
Corte interamericana