A educaçÃo para o trânsito



Baixar 33.83 Kb.
Página2/8
Encontro27.05.2018
Tamanho33.83 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8
PALAVRAS-CHAVE: Violência no trânsito; Educação; Agressividade.
INTRODUÇÃO
Trata-se de um estágio com infratores de trânsito, realizado no Instituto Paz no Trânsito (IPTRAN) cujos objetivos foram despertar nos participantes o interesse pela educação no trânsito, mostrar a responsabilidade como elemento participante do trânsito, mostrar a importância da prática correta das regras fundamentais do trânsito, fazer uma reflexão junto aos participantes sobre alguns temas como (1) Para que servem as leis de trânsito; (2) Relacionamento no trânsito e como praticar a boa convivência entre veículos e pedestres e (3) Reflexão sobre a violência e agressividade no trânsito, conscientização e respeito às Leis de trânsito.

Estes foram colocadas em prática, através de dinâmicas, conversas sobre o tema. Este trabalho justifica-se pela importância da conscientização e prevenção a agressividade no trânsito, a qual já se tornou um problema social, tendo em vista a falta de segurança que traz a todos que fazem parte do trânsito. Segundo Vasconcelos (1998), a agressividade está presente no trânsito através dos diversos comportamentos desempenhados pelos condutores, tornando-se agressivos na maneira com que se apropriam desse espaço público que deveria ser com educação, respeito, tolerância e sem agressividade. Está implícita a liberdade que temos com um veículo nem sempre é utilizada de forma correta.

O desrespeito às regras de trânsito falta de paciência no trânsito e as possíveis causas da agressividade de modo geral, têm causado preocupações à população com relação à falta de segurança, pois diariamente ocorrem inúmeros acidentes, deixando pessoas mortas ou feridas, evidenciando um grande índice de pessoas vítimas desta violência.

Dentro dos fatores que favorecem a ocorrência de um número elevado de acidentes, aparece o fator humano como o principal, pois sem ele o trânsito não existiria. Porém o ser humano não pode ser analisado separadamente. O homem tem sua história, personalidade, interesses, necessidades e busca satisfazê-los, gerando conflitos também no trânsito, pois interpreta as regras estabelecidas conforme sua visão de mundo. Nesse processo, alguns condutores agem de acordo com a lei, outros não. Alguns deles optam por tomar atitudes para seu benefício próprio e na busca por essa satisfação, ocorrem atitudes e, comportamentos que colocam em risco a segurança no trânsito. Foram questionados estes assuntos com os infratores de trânsito. Por serem infratores, é sabido que todos cometeram algum crime de trânsito e o presente trabalho procurou apontar a gravidade deste fato, dentro de cada assunto abordado.


MÉTODO

Foram realizados quatro encontros, sendo que o primeiro encontro o objetivo foi conhecer o local para melhor entendimento da necessidade do Instituto Paz no Trânsito (IPTRAN). Nos demais encontros foram realizados palestras e dinâmicas, conforme o disposto a seguir:



  • Dinâmica “Quebra gelo”: tempo aproximado de 30 minutos.

  • Dinâmica das figuras: tempo aproximado 50 minutos;

  • Roda de conversa sobre a dinâmica das figuras;

  • Conversa sobre violência e agressividade no transito: tempo aproximado de 1h;

  • Dinâmica “Siga em frente”: tempo aproximado de 1h;

  • Dinâmica “Concordo/Discordo”: tempo aproximado de 1h;

  • Vídeo: “Um transito gentil” e discussão sobre o assunto;



Catálogo: enepe -> wp-content -> uploads -> 2014
2014 -> Afetividade no ensino-aprendizagem: a perspectiva de estudantes da educaçÃo superior
2014 -> O desenvolvimento da criança com a família vivendo em área de invasão no bairro caximba em curitiba
2014 -> Fatores de riscos e proteçÃo para doenças crônicas não transmissíveis na percepçÃo dos acadêmicos da área da saúDE
2014 -> Um relato de aprendizagem com deficientes mentais leve e moderados
2014 -> A importância do apoio psicológico no processo de terminalidade
2014 -> A cleptomania segundo a psicologia
2014 -> O "EU" e o mundo: uma perspectiva infantil
2014 -> Psicopatia ¹Anelize Kelly Pereira ¹Esthefani Oliveira da Silva ¹Fernanda de Chaves Pedrozo ²Leide da Conceição Sanches resumo
2014 -> Enjaulados (detetion/learning curve): o uso de filmes como recurso didático no ensino da análise do comportamento

Baixar 33.83 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino médio
ensino fundamental
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
Boletim oficial
Curriculum vitae
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
ciências humanas
Conselho regional
ensino aprendizagem
Colégio estadual
Dispõe sobre
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Componente curricular
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
conselho estadual