Teses e dissertações em análise do comportamento e educação no Brasil – 1970 a 1985



Baixar 158,62 Kb.
Página3/5
Encontro30.11.2019
Tamanho158,62 Kb.
1   2   3   4   5
Resultados e Discussão
Das dissertações e teses analisadas no período selecionado (1970-2005), foram encontradas 110 (80% dissertações e 2º% teses), com distribuição desigual entre os anos e picos de produção nos anos de 1975, 1976, 1980 e 1981.

Os orientadores que mais orientaram trabalhos ao longo do período foram os Professores Doutores Geraldina Porto Witter (28,18%), Carolina Martuscelli Bori (24,54%) e Sergio Luna (9,09%). Houve uma dispersão no número de orientadores, chegando a vinte e um nomes em apenas quatro instituições (USP SP, PUC SP, UFSCAR SP e UFRGs RS) situadas em dois estados (SP e RS).

A instituição de ensino superior em que foram encontrados mais trabalhos defendidos com temática educacional foi a USP SP (73 de 110 ou 66,36%), mais especificamente nos programas de psicologia experimental (34,54%) e psicologia escolar (25,45%).

A maior parte dos trabalhos defendidos concentra-se na região Sudeste, nas cidades de São Paulo e São Carlos. O único estado fora de São Paulo onde se encontraram alguns trabalhos na abordagem foi o RS, com 14 trabalhos (12,72%) defendidos no programa de educação na UFRGS. Miraldo Castells e Botomé (2006) já haviam identificado a mesma tendência de concentração no Sudeste do mesmo tipo de produção.

Quanto à natureza do trabalho a maior parte das teses e dissertações defendidas é empírica se encontrando na categoria “Experimental” (55,66%), seguida dos trabalhos “Descritivos” (24,52%), totalizando 80,18% dos trabalhos analisados em que existia a informação. A predominância dos trabalhos empíricos apresenta tendência semelhante à de estudos mais recentes como os de Nicolino e Zanotto (2011).

Dos trabalhos experimentais 15,09% se constituem em trabalhos realizados com metodologia própria da área, a de sujeito único, pela qual o comportamento do sujeito é pesquisado em comparação com ele mesmo, em oposição à análise estatística. A maior parte dos trabalhos experimentais foi realizada, no entanto, com delineamento de grupo (17,92%), o que demonstra que nesse período histórico os estudos não eram sempre realizados com metodologia própria da área.

Dentre os que mencionam settting o mais comum é a situação escolar (41,5%), sendo que destes, 28,3% se realizam em situação de sala de aula. Esses dados apresentam concordância com Northup, Volmer e Serret (1993) que analisaram as tendências da Análise Aplicada do Comportamento (JABA) no período de 1968-1992.

Dentre os temas mais escolhidos encontram-se “Comportamentos ou habilidades acadêmicas” (16,36%) e “Investigação sobre metodologia de ensino ou procedimentos de ensino-aprendizagem” (16,36%). Encontramos similaridade entre nossos dados e os dos trabalhos de Sulzer-Azaroff e Gillat (1990) e Marmo (2002), que analisaram publicações da área da educação publicadas no JABA entre 1968 a1987.

A modalidade de ensino mais contemplada nos estudos é a Educação Fundamental (27,27%), seguida de Educação Infantil (21,21%) e Educação Superior (16,66%). Os dados demonstram que, no período, os autores de teses e dissertações se preocuparam mais com educação regular do que com educação especial, algum interesse em educação superior, e nenhum interesse em ensino médio. A tendência desse período é semelhante à da encontrada em periódicos brasileiros (Nicolino e Zanotto, 2011) cuja modalidade de educação mais frequentemente encontrada foi a educação regular.


: eventos
eventos -> Psicologia no caps: as atividades vivenciadas em estágio relato de experiência
eventos -> Carolina Frattini Moura Curriculum Vitae Outubro/2016 Carolina Frattini Moura
eventos -> Perfil e formação doS tUtores de uma universidade pública da região centro-oeste 1
eventos -> Libro de resúmenes de plenarias, minicursos, ponencias y mesas redondas XII congreso de Lingüística Sistémico-Funcional de América Latina (alsfal) Asociación de Lingüística Sistémico-Funcional de América Latina
eventos -> A importância da atuaçÃo da fisioterapia dentro do núcleo de apoio à saúde da família. Ana Karine C. B. de Paula Gomes¹
eventos -> Título do trabalho
eventos -> Adolescência, sexualidade e autoconhecimento: um relato de experiência do pibid – psicologia ventura, Jaqueline Souza¹; fernandes, Ronan Carlos da Cunha²; costa, Jaqueline Batista de Oliveira³


Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal