Tabagismo notrt 3 ª Região diagnóstico de uma realidade



Baixar 206 Kb.
Página1/7
Encontro09.08.2018
Tamanho206 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7

Tabagismo no T R T – 3 ª Região



diagnóstico de uma realidade

Belo Horizonte



2 0 0 8

Introdução
O tabagismo tornou-se, mundialmente, uma das principais causas de mortes precoces e incapacidades. O tabaco, em todas as suas formas, aumenta o risco de mortes prematuras e limitações físicas por doença coronariana, hipertensão arterial, acidente vascular encefálico, bronquite, enfisema e câncer. Entre os tipos de câncer relacionados ao uso do tabaco incluem-se os de pulmão, boca, laringe, faringe, esôfago, estômago, fígado, pâncreas, bexiga, rim e colo de útero.
Não havendo uma mudança de curso da exposição mundial ao tabagismo, a OMS estima que o número de fumantes passará do ano 2000 a 2030 de 1,2 para 1,6 bilhão e que o número de mortes anuais atribuíveis ao tabagismo aumentará de 4,9 para 10 milhões, sendo que 70% ocorrerão nos países menos desenvolvidos.
Além das conseqüências à saúde, o tabagismo provoca enormes custos sociais, econômicos e ambientais. Em países desenvolvidos, os custos relacionados aos cuidados com as doenças associadas ao tabagismo consomem de 6% a 15% do gasto total com saúde. Em todas as idades, o custo médio com cuidados à saúde de fumantes supera o de não-fumantes. Quanto aos danos causados ao meio ambiente, destaca-se a poluição por pesticidas e fertilizantes durante o plantio bem como o desflorestamento necessário para a cura da folha de tabaco. Em alguns países em desenvolvimento, o desflorestamento para a cura do tabaco atinge 5% do desmatamento total.
Uma análise do tabagismo como problema de saúde pública deve incluir também os efeitos do tabagismo passivo. A exposição involuntária à fumaça ambiental do cigarro aumenta o risco de câncer de pulmão, doença pulmonar obstrutiva crônica e insuficiência coronariana. Estudos sobre os efeitos na gravidez e feto mostram que o tabagismo passivo aumenta o risco de baixo peso ao nascer e de mortalidade perinatal. Durante a gravidez, o tabagismo está associado ao aumento do risco de descolamento prematuro de placenta e hemorragia no pré-parto.
O Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, atento à realidade mundial e ao compromisso com a saúde do seu quadro de pessoal, implantou, por meio da Portaria nº 35, de 24/3/2008, o Programa de Controle do Tabagismo.
Em cumprimento ao inciso I, do artigo 4º, daquela Portaria, a Diretoria de Saúde realizou pesquisa a fim de diagnosticar a realidade do tabagismo neste Tribunal.
“Art. 4º Caberá à Diretoria da Secretaria de Coordenação Administrativa:
I – Implantar o Programa de Controle do Tabagismo, por meio das áreas de Saúde e de Assistência à Saúde Ocupacional, Assistência Médica e Assistência Psicológica, realizando pesquisas, visando diagnosticar a realidade do tabagismo no TRT-3ª Região, o acompanhamento e a orientação individualizada e/ou por meio de grupo de ajuda mútua aos Servidores e Magistrados fumantes que desejarem parar de fumar.” Grifo nosso.

O objetivo deste trabalho foi diagnosticar a realidade do tabagismo no Tribunal Regional do Trabalho da Terceira Região, estimando sua magnitude segundo as variáveis selecionadas.


Os resultados aqui apresentados servirão de base para a definição das estratégias de intervenção e futuras ações da Diretoria de Saúde.
Cabe ressaltar que a Diretoria de Saúde está treinando seus profissionais, por meio do programa “Orientações para abordagem do fumante pelo profissional de saúde” a fim de orientar e acompanhar os magistrados e servidores que desejarem parar de fumar.
Lembramos, ainda, que a Unimed/BH, prestadora de serviços de saúde contratada por este Regional, possui um programa de tratamento do tabagismo - o Programa de Cessação do Tabagismo – para o qual são encaminhados os magistrados e servidores que desejam parar de fumar.




Baixar 206 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
Processo seletivo
ensino médio
Conselho nacional
minas gerais
terapia intensiva
oficial prefeitura
Curriculum vitae
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
educaçÃo física
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
Conselho regional
ensino aprendizagem
ciências humanas
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Dispõe sobre
ResoluçÃo consepe
Colégio estadual
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
extensão universitária
língua portuguesa