Supervisor escolar e professores que ensinam ciências: contribuiçÕes da análise documental para uma formaçÃo crítica em educaçÃo sexual



Baixar 24,15 Kb.
Página1/6
Encontro13.06.2019
Tamanho24,15 Kb.
  1   2   3   4   5   6


SUPERVISOR ESCOLAR E PROFESSORES QUE ENSINAM CIÊNCIAS: CONTRIBUIÇÕES DA ANÁLISE DOCUMENTAL PARA UMA FORMAÇÃO CRÍTICA EM EDUCAÇÃO SEXUAL

Ediane da Silva1; Dr.ª Yalin Brizola Yared2 (orientadora)



RESUMO:

Pesquisa de mestrado em andamento apresenta a busca do aporte legal para que a supervisão escolar possa desenvolver ações pedagógicas direcionadas para a promoção do pensamento crítico em processos de educação sexual emancipatória na formação continuada de professores que ensinam Ciências. Investiga-se o aporte legal em documentos oficiais sobre a formação crítica em educação sexual e as contribuições do/a supervisor/a escolar na formação continuada destes docentes. A problemática direciona-se em analisar os subsídios legais para a atuação do/a supervisor/a escolar ao promover processos de formação crítica em educação sexual à docentes que ensinam Ciências. Norteado pelo paradigma epistemológico do Materialismo Histórico Dialético. De natureza qualitativa, se configura em uma pesquisa documental que utiliza a análise de conteúdo. Resultados parciais apontam para a possibilidade de que os documentos contribuam para o desenvolvimento de processos de formação crítica em educação sexual e numa perspectiva emancipatória, inclusive na educação infantil.



INTRODUÇÃO:

Os/as professores/as que ensinam Ciências, desde a Educação Infantil até o ensino médio, ao trabalharem com temáticas da educação sexual e sexualidade apresentam, em grande parte das vezes, medo e insegurança, além de ser uma ação permeada por crenças, tabus, mitos e preconceitos. Pesquisas apontam que trabalhos em sexualidade realizados na escola ocorrem fundamentados por paradigmas repressivos, especialmente o médico-biologista. Nessa ótica, percebe-se a necessidade de desenvolver o Pensamento Crítico (PC) na prática docente, visto que é um pensamento problematizador e desafiador ao buscar expressar uma posição sobre um tema, uma questão ou uma ação, pois “o pensamento crítico pode ser definido, de forma resumida, como forma superior de pensamento integrando capacidades, disposições, conhecimentos e normas, aplicável no quotidiano.”, (FRANCO, VIEIRA, SAIZ, 2017, p. 12). Nesse sentido, Yared, Melo e Vieira (2015, p. 237) afirmam que trabalhar “intencionalmente a educação sexual com promoção do PC expande-se como uma via de possível concretização de um paradigma emancipatório.” Logo, a promoção do PC na formação continuada de docentes que ensinam Ciências pode contribuir em sua práxis pedagógica, no que visa possibilitar reconhecer contradições, verdades e mentiras a partir da argumentação exaustiva, racional e consciente; além de promover o autoconhecimento – um processo de reflexão sobre si próprio, do outro e de sua visão de mundo, também como ser humano sempre sexualizado, erotizado e sensualizado. Investiga-se a Proposta Curricular de Santa Catarina (2014), Projeto Político Pedagógico (PPP) de uma escola de um município do Estado de SC (2017). Para evidenciar nos documentos o aporte legal sobre a Educação Sexual Emancipatória elaborou-se indicadores a partir da Declaração do Direitos Sexuais (WAS, 2014) e para evidenciar as contribuições das teorias do PC, os indicadores foram elaborados a partir da tipologia FA2IA, cunhada pelos autores portugueses Tenreiro-Vieira e Vieira (2000) e Vieira e Vieira (2005). Concomitantemente à análise do aporte legal, buscamos compreender a função do/a supervisor/a escolar na sua possibilidade como promotor de formação continuada para professores/as que ensinam Ciências que vislumbre uma formação racional, crítica e emancipatória em sexualidade e educação sexual, contribuindo assim, na realização de práticas didático-pedagógicas inovadoras.



: sistemas -> doc pro
doc pro -> Citrus reticulata
doc pro -> O conceito psicanalítico de inconsciente na obra alice no país das maravilhas
doc pro -> AvaliaçÃo do comportamento relacionado a depressão em camundongos com distrofia muscular de duchenne
doc pro -> O sistema de cáricias presente na relaçÃo entre cuidador/idoso em uma instituiçÃo de abrigamento do sul de santa catarina
doc pro -> Relatório de projeto de pesquisa
doc pro -> Efeito da integraçÃo sensorial no atendimento de crianças com déficit de atençÃo e hiperatividade
doc pro -> Fatores associados à qualidade de vida em adultos com diabetes mellitus tipo 1
doc pro -> AvaliaçÃo do comportamento relacionado a depressão em camundongos com distrofia muscular de duchenne
doc pro -> Força de preensão em pacientes com fibromialgia
doc pro -> Síndrome alienaçÃo parental como instrumento legal para a não concessão da guarda aos filhos de genitor ou genitora alienante


Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal