Sumário código tributário do município de uberaba – mg disposiçÃo preliminar livro primeiro parte especial – dos tributos artigos título I dos impostos


- Cada estabelecimento terá escrituração tributaria própria, vedada sua centralização na matriz ou estabelecimento principal. 6 -



Baixar 1,91 Mb.
Página59/208
Encontro02.12.2019
Tamanho1,91 Mb.
1   ...   55   56   57   58   59   60   61   62   ...   208
5 - Cada estabelecimento terá escrituração tributaria própria, vedada sua centralização na matriz ou estabelecimento principal.
6 - Sendo insatisfatórios os meios normais de fiscalização e tendo em vista a natureza do serviço prestado, o poder executivo poderá decretar, ou a autoridade administrativa, por despacho fundamentado, permitir, complementarmente ou em substituição, a adoção de instrumentos e documentos especiais necessários a perfeita apuração dos serviços prestados, da receita auferida e do imposto devido.
7 - Durante o prazo de 5(cinco) anos dado a fazenda publica para constituir o credito tributário, o lançamento ficara sujeito a revisão, devendo o contribuinte manter a disposição do fisco, dos livros e os documentos de exigência obrigatória.
ART. 70 - Fica autorizado o poder executivo a criar ou aceitar documentação simplificada no caso de contribuinte de rudimentar organização ou micro-empresas.
Art. 70A. Fica o Poder Executivo autorizado a instituir documentos que têm por objetivo o exercício da atividade controlística dos tributos administrados pelo município. (AC) Acrescentado pela Lei Complementar nº 298/03
ART. 71 - O lançamento do imposto não implica reconhecimento ou regularidade do exercício de atividade ou da legalidade das condições referentes a local, instalações, equipamentos ou obras.
ART. 72 - Corrido o prazo de 5 (cinco) anos contados a partir da ocorrência do fato gerador sem que a fazenda publica se tenha pronunciado, considera-se homologado o lançamento e definitivamente extinto o credito, salvo se comprovada a ocorrência de dolo, fraude ou simulação.
Art. 72A. O prazo para utilização de documentos fiscais será de 12 (doze) meses, contados de sua autorização, devendo a data limite constar no documento como indicação impressa tipograficamente podendo, a requerimento do interessado, ser revalidado única vez, a exclusivo juízo da administração tributária e mediante autorização expressa desta, se a regularidade tributária do requerente indicar; (AC) Acrescentado pela Lei Complementar nº 202/2000.
§ 1º. Os documentos fiscais que não forem utilizados no período de validade, deverão ser cancelados pelo próprio contribuinte, que conservará todas as vias dos mesmos, e fará constar o ato no livro de Registro de Utilização de Documentos Fiscais e Termos de Ocorrência; (AC) Acrescentado pela Lei Complementar nº 202/2000.
§ 2º. Os documentos fiscais impressos mediante autorização concedida até a data de 01.01.2000, terão seu prazo de validade expirado em 12 (doze) meses, contados após a publicação desta Lei, e as demais em 90 (noventa) dias, devendo requerer nova autorização.(AC) Acrescentado pela Lei Complementar nº 202/2000.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   55   56   57   58   59   60   61   62   ...   208


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
Conselho nacional
terapia intensiva
ensino médio
oficial prefeitura
Curriculum vitae
minas gerais
Boletim oficial
educaçÃo infantil
Concurso público
seletivo simplificado
saúde mental
Universidade estadual
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
assistência social
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
outras providências
recursos humanos
Dispõe sobre
secretaria municipal
psicologia programa
Conselho municipal
Colégio estadual
consentimento livre
Corte interamericana
Relatório técnico
público federal
Serviço público
língua portuguesa