Sumário código tributário do município de uberaba – mg disposiçÃo preliminar livro primeiro parte especial – dos tributos artigos título I dos impostos



Baixar 1,91 Mb.
Página14/208
Encontro02.12.2019
Tamanho1,91 Mb.
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   208
Art. 12. No cálculo do imposto, a alíquota a ser aplicada sobre o valor venal do imóvel obedecerá aos critérios de setorização, pontuação de construção e tipificação de utilização do imóvel, conforme tabela constante do anexo I-A, desta Lei. (NR) Nova Redação dada pela Lei Complementar nº 202/2000.


Tipo do Imóvel

Setor 1

Setor 2

Setor 3

Aaté

550


Aaté

775


+ +de

775


Aaté

550


Aaté

775


+ +de

775


Aaté

550


Aaté

775


+ +de

775


1-Terreno sem aproveitamento, muro ou cerca:
2 – Demais Terrenos:

3 – Residências:

4 – Comércio e Serviços:

5 – Indústrias

6 – Industria Polidora:

6
4

3
2

1,5
1


00,5
11,1


33,0
55,0

00,9
22,0


33,0
55,0

11,5
22,5


33,0
55,0

00,5
00,9


33,0
55,0

00,8
11,4


33,0
55,0

11,2
11,8


33,0
55,0

00,5
00,7


33,0
55,0

00,7
11,9


33,0
55,0

11,0
11,1


33,0
55,0




1 - Os imóveis situados em vias com calçamento e que não possuam muro e/ou passeio publico sofrerão um acréscimo de 100% (cem por cento) na alíquota aplicada, e sobre esta, progressivamente, o percentual de 50% (cinqüenta por cento) a cada exercício decorrido, ate a conclusão das obras. (NR) Nova redação dada pela Lei Complementar nº 04/91
§ 1º. Para os imóveis situados em vias pavimentadas e que não possuam muro e/ou passeio, serão aplicadas as alíquotas conforme tabela constante do anexo I-A desta Lei. (NR) Nova Redação dada pela Lei Complementar nº 202/2000.
2 - Tratando-se de imóvel residencial cuja área não edificada seja superior a 20 (vinte) vezes a área edificada, aplicar-se-a, sobre seu valor venal, a alíquota correspondente, acrescida de 100% (cem por cento). (NR) Nova redação dada pela Lei Complementar nº 04/91
§ 2º. Os lançamentos decorrentes de novos loteamentos, terão origem no ato de sua aprovação pelo município, sendo individualizado conforme sua composição de quadras e lotes e não terão suas alíquotas diferenciadas por falta de muro e passeio, por um período de 3 (três) exercícios, inclusive o de sua aprovação. (NR) Nova redação dada pela Lei Complementar nº 202/2000.


§2º- Os lançamentos decorrentes de novos loteamentos, terão origem no ato de sua aprovação pelo Município, sendo individualizado conforme sua composição de quadras e lotes e não terão suas alíquotas diferenciadas por falta de muro e passeio, por um período de 06 (seis) exercícios, inclusive o de sua aprovação. (NR) Nova redação dada pela Lei Complementar nº 270/03.
§ 3º - A tabela constante no caput deste artigo terá redução de 75% (setenta e cinco por cento), com prazo mínimo de 5 (cinco) meses para o pagamento sem reajuste, com a reavaliação da planta de valores calculada no ultimo mês de cada ano e a partir de 1990 para 1991.



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   208


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
Processo seletivo
terapia intensiva
Conselho nacional
Curriculum vitae
oficial prefeitura
ensino médio
minas gerais
Boletim oficial
Concurso público
educaçÃo infantil
Universidade estadual
seletivo simplificado
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
Conselho regional
assistência social
ciências humanas
Atividade estruturada
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
Dispõe sobre
outras providências
recursos humanos
secretaria municipal
Conselho municipal
psicologia programa
Colégio estadual
consentimento livre
ResoluçÃo consepe
Relatório técnico
Corte interamericana
público federal
ministério público