Serviço Público Federal Universidade Federal de Santa Catarina Centro Sócio-Econômico Departamento de Ciências da Administração Coordenadoria do Curso de Graduação em Administração Fone: 48 3721-6686 /Fax: 3721-9374 cep: 88



Baixar 87,67 Kb.
Página3/3
Encontro03.03.2018
Tamanho87,67 Kb.
1   2   3
9. BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR:

CHANLAT, Jean-François. O indivíduo na Organização: dimensões esquecidas. Vol I. São Paulo: Atlas, 1992.


CODO, Wanderley; SORATTO, Lucia; VASQUES-MENEZES, Ione. Saúde Mental e Trabalho. In: ZANELLI, José Carlos; BORGES, Jairo; BASTOS, Antonio Virgilio Bittencourt. Psicologia, organizações e trabalho no Brasil. Porto Alegre: Artmed, 2004.
COHEN, Allan R.; FINK, Stephen L. Comportamento organizacional: conceitos e estudos de caso. Rio de Janeiro: Campus, 2003.
CUNHA, Miguel; REGO, Arménio; CUNHA, Rita Campos; CARDOSO, Carlos Cabral. Manual de comportamento organizacional e gestão. 3.ed. Lisboa: RH Editora, 2004.
DAVIDOFF, Linda. Introdução à Psicologia. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil, 1983.
FLEURY, Maria Tereza Leme; OLIVEIRA JUNIOR, Moacir de Miranda. Aprendizagem e gestão do conhecimento. In: FLEURY, M.T.L, As pessoas na organização. São Paulo: Editora Gente, 2002.
HERRNSTEIN, Richard; BORING, Edwin. Textos Básicos de história da psicologia. São Paulo: Herder, 1971.
HUFFMAN, Karen; VERNOY, Mark; VERNOY, Judith. Psicologia. São Paulo: Atlas, 2003.
KOLB, David; RUBIN, Irwin; MCINTYRE, James. Psicologia Organizacional: uma abordagem vivencial. São Paulo: Atlas, 1990.
KOUZES, James; POSNER, Barry. O desafio da liderança. Rio de Janeiro: Campus, 1996.
LANE, Sílvia Tatiana Maurer. O processo grupal. In: LANE, Silvia T.M.; CODO, Wanderley (orgs.). Psicologia Social: o homem em movimento. São Paulo: Brasiliense, 1986 e 2001.
MARIOTTI, Humberto. Organizações de aprendizagem: Educação continuada e a empresa do futuro. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1999.
MARTÍN-BARÓ, Ignacio. Acción e ideología: psicología social desde Centroamérica. El Salvador: UCA, 2001.
RIOS, Izabel Cristina. Humanização e ambiente de trabalho na visão de profissionais da saúde. Saúde e sociedade, São Paulo, v. 17, n. 4, Dec. 2008 . Disponível em: . Acesso em: 22 jun. 2009.
ROBBINS, Stephen. Comportamento Organizacional. Rio de Janeiro: Livros Técnicos, 1999.
______. Fundamentos do Comportamento Organizacional. São Paulo: Prentice Hall, 2004.
SCHEIN, Edgar. Psicologia Organizacional. Rio de Janeiro: Prendtice-Hall, 1982.
SENGE, Peter. La quinta disciplina: el arte y la prática de la organización abierta al aprendizaje. Barcelona: Granica, 1992.
SHINYASHIKI, Gilberto. O processo de socialização organizacional. In: FLEURY, M. As pessoas na organização. São Paulo: Editora Gente, 2002.
SPECTOR, Paul E. Psicologia nas organizações. São Paulo: Saraiva, 2002.
SPERLING, Abraham. Introdução à psicologia. São Paulo: Pioneira, 1999.
STERNBERG, Robert Jeffrey. Psicologia cognitiva. Porto Alegre: Artmed, 2000.
TAYLOR, Frederick. W. Princípios de administração científica. São Paulo: Atlas, 1980. Obra originalmente publicada em 1911.

TOLFO, Suzana da Rosa. Qualidade de vida no trabalho. In: LANER, A.; CRUZ JÚNIOR, J.B. IndivÍduo, organizações e sociedade. Ijuí/RS: Editora UNIJUÍ, 2009.


‑‑‑‑‑‑‑‑‑‑‑‑‑ Diferentes abordagens no estudo da liderança. In: BITENCOURT, C. Gestão Contemporânea de Pessoas. Porto Alegre: Bookmark, 2010.
VECCHIO, Robert P. Comportamento Organizacional: conceitos básicos. São Paulo: Cengage Learning, 2008.
VYGOTSKY, Lev Semenovitch. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1987.
ZANELLI, José Carlos; BORGES, Jairo; BASTOS, Antonio Virgilio Bittencourt. Psicologia, organizações e trabalho no Brasil. Porto Alegre: Artmed, 2004.
ZANELLI, J. C.; SILVA, N. Interação humana e gestão: a construção psicossocial das organizações de trabalho. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2008



Compartilhe com seus amigos:
1   2   3


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal