Saúde integral da crinça e



Baixar 455,91 Kb.
Página2/38
Encontro02.12.2019
Tamanho455,91 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   38


BH- VIVA CRIANÇA




AGENDA DE COMPROMISSOS PELA SAÚDE INTEGRAL

DA CRIANÇA E ADOLESCENTE E


REDUÇÃO DA MORTALIDADE INFANTIL

I- APRESENTAÇÃO:



Os quinze anos do Sistema Único de Saúde – SUS - e no tempo da XII Conferência Nacional de Saúde, nos estimula a algumas reflexões, especialmente aqui em Belo Horizonte, que tem tido a oportunidade de assistir a uma das belas e singulares páginas de construção do SUS neste país.

A primeira é o reconhecimento do muito do que se fez por aqui neste caminhar, especialmente no campo da atenção à criança. Apenas como símbolo e marca, a redução expressiva da mortalidade infantil em mais de 65% de 34,6 em 1993 para 13,1 em 2002. Resultado de ações sustentadas nos vários níveis tecnológicos da atenção: da universalização, do planejamento familiar e do pré-natal de qualidade à ampliação de unidades de terapia intensiva neonatal, passando pela vinculação das gestantes previamente às maternidades, ao controle permanente da qualidade destes serviços, incluindo o fechamento definitivo de cinco maternidades de baixa qualidade, às medidas de controle de grupos especiais como as crianças de risco, os desnutridos e os pequenos chiadores, além da cobertura da imunização e terapia de reidratação oral. Isto nos estimula a continuar nesta trajetória de proteção e defesa da vida e da saúde de nossos mais recentes belorizontinos.



Em segundo lugar, o reconhecimento do muito do que se há ainda por fazer. Para isto, construindo e reconstruindo nossos diagnósticos, dialogando com milhares de trabalhadores e usuários, pesquisando, defendendo teses e inovando, vamos refazendo nossas trilhas da gestão e da assistência. Daí o lançamento, em mais uma parceria que tanto nos orgulha, com a Pastoral da Criança e a Sociedade Mineira de Pediatria, do BH VIVA CRIANÇA, com o viva no duplo sentido da afirmação radical da vida e da comemoração de uma vida feliz! Esta remodelagem atualizada de nossa proposta vem incorporar aos princípios do acolhimento, vinculação, responsabilização, humanização e qualidade da atenção, potencialmente inscritos no formato organizacional saúde da família, a história e o sentido de acúmulo conceitual e operativo já vivenciado na área da atenção à criança, especialmente nos últimos dez anos de gestão democrática e popular na SMSA. O Viva Criança é a face infantil e adolescente do nosso projeto global da assistência BH VIDA: Saúde Integral. Aos poucos tudo vai se juntando e se articulando em nós solidários de uma rede.

Por fim, falando deste simbólico sobrenome de nosso projeto assistencial, o grande desafio de garantir a integralidade verdadeira nos processos de atenção. Tendo como pano de fundo a marca da universalidade, sustentado no pilar do controle social, reconhecido a equidade como síntese de desejos, enfrentando em todos os campos os imensos desafios do financiamento e da gestão da força de trabalho, o jovem SUS de Belo Horizonte aposta na conquista da integralidade como opção política e estratégica de qualificação do sistema. Neste sentido afirmativo, a aposta nas chamadas linhas de cuidado, começa pela saúde das crianças e está reafirmado nesta agenda de compromissos, que são éticos, políticos, de opções metodológicas e tecnológicas contemporâneas, bem dimensionados operacionalmente e em fina sintonia com o conjunto de todas as nossas ações de saúde, no nosso próprio campo e na busca precisa das parcerias intersetoriais das demais políticas públicas. Com tudo isto, lá vamos nós, gestores, trabalhadores, usuários, poder público e parceiros da boa causa, em busca de mais vitórias, defendendo a vida, a começar onde ela estiver mais ameaçada e dando chance a uma Belo Horizonte mais feliz. Feliz por seus pequenos cidadãos vivos e com sáude: BH, viva.....suas crianças!


Helvécio Miranda Magalhães Júnior




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   38


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal