Romantismo 1ª geraçÃO



Baixar 11.02 Kb.
Encontro26.06.2020
Tamanho11.02 Kb.

ROMANTISMO - 1ª GERAÇÃO

Questões sobre I - Juca Pirama (Gonçalves Dias)
Páginas 41 e 42.

1. Explique de que modo o guerreiro Tupi se apresenta aos timbira.

R: O guerreiro apresenta-se como filho da selva, descendente da tribo tupi. Além disso, afirma que é bravo, forte e filho do norte, para intimidar os inimigos. Com isso ele pretende que o ritual antropofágico seja completo e ele possa honrar seus ancestrais.

2. Na sua opinião, há uma contradição entre a forma como o guerreiro Tupi se apresenta e o pedido que faz ao chefe Timbira? O Tupi diminui sua força como herói guerreiro? Por quê?

R: Em minha opinião não há contradição. O guerreiro se apresenta como um homem forte, que não é preguiçoso, que é valente e corajoso e serviria muito bem para eles de escravo. A única coisa que ele quer é achar o pai que anda sozinho pela floresta, ele não quer sair do ritual porque é fraco, ele quer sair apenas para achar o pai pois se preocupa com ele. Ele, teoricamente, diminui sua força pois demonstra esse "amor" pelo pai que é considerado pelos outros como fraqueza, algo que tira a virilidade do guerreiro.


[...] Existe uma variedade de razões básicas que explicam por que uma sociedade pratica canibalismo. Pode ser parte de uma cerimônia que honra os mortos; pode ser uma celebração pós-batalha, na qual a bravura de um inimigo é absorvida pelo vencedor; pode ser um meio de infligir um ultimo insulto a um inimigo derrotado; pode ser um meio desesperado de defender-se da fome extrema [...]”
3. Em seus estudos sobre a antropofagia, os historiadores estadunidenses Daniel Diehl e Mark P. Donnelly afirmam:

a) Considerando a leitura do trecho de “I-Juca Pirama”. Qual das razões apontadas no texto acima explica a pratica do canibalismo pelos Timbira?

R: O fato deles acreditarem que ao comer a carne de outros guerreiros eles, eles teriam a força e coragem deles.

b) Relacione a resposta que você deu no item acima com a atitude do chefe Timbira, que surpreendeu a todos libertando o inimigo.

R: Ele quis mostrar ou provar aos outros de sua tribo seu poder e mostrar que o inimigo era fraco comparado à eles.

4. Na penúltima estrofe do canto IV, ocorre uma anáfora.

a) Transcreva-a.

R: A anáfora presente no canto IV Juca Pirama de Gonçalves Dias fica evidente em:

"Ao velho coitado

De penas ralado,

Já cego e quebrado"

"Enquanto descreve

O giro tão breve

Da vida que teve".



b) Qual é o efeito expressivo desse recurso linguístico na argumentação que o guerreiro Tupi desenvolve a fim de permanecer vivo?

R: A anáfora foi utilizada para mostrar que o pai do guerreiro Tupi merece ser libertado já que é um homem cego e que não tem forças para lutar.

Jura Pirama faz um apelo ao povo Timbira para que liberte o seu pai.

A anáfora é uma figura de linguagem marcada pela repetição de uma ou mais palavras dentro de um texto, com o intuito de chamar a atenção do leitor.

As anáforas permitem que o texto tenha uma rima por meio da repetição de sons.
Baixar 11.02 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
ensino médio
Processo seletivo
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
minas gerais
Curriculum vitae
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
Conselho regional
ensino aprendizagem
ciências humanas
outras providências
secretaria municipal
ResoluçÃo consepe
políticas públicas
Dispõe sobre
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Colégio estadual
conselho estadual
ministério público
consentimento livre
psicologia programa
público federal
Serviço público