Regras gerais



Baixar 0,5 Mb.
Página14/26
Encontro30.11.2019
Tamanho0,5 Mb.
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   26
D) POR QUÊ – É usado em fim de frase interrogativa ou de oração.
Ex.: Você não estuda mais por quê?
Saiu cedo, não disse por quê, mas eu acho que sei o motivo.

Observação: Em final de frase a palavra que deve ser sempre acentuada, por ser um monossílabo tônico terminado em e.



Ex.: Está preocupado com quê? Tens medo de quê?


2. ONDE / AONDE / DONDE
ONDE – Indica lugar (fixo) onde se está ou se passa algo.
Ex.: Você estava onde?

Ninguém sabia onde ficava a livraria.


Formas associadas à regência de certos termos:
Ex.: Você pensa que vai aonde?

Não sei bem aonde ela quer chegar.



Donde provém a falta de ética na política?
3. MAS / MÁS / MAIS
MAS – É conjunção adversativa. Indica oposição, ressalva, mudança na direção argumentativa. Sinônimo de “porém, entretanto...”.
Ex.: Não era muito experiente, mas conseguia fazer tudo com muito empenho.

MÁS – Adjetivo. Sinônimo de “malvadas, malignas”.


Ex.: Aquelas professoras não eram más; apenas exigentes.
MAIS – Advérbio ou pronome indefinido.
Ex.: Rodrigo é mais inteligente que seu irmão. (advérbio)

Após o encontro, estávamos com mais dúvidas sobre o assunto. (pronome)





Compartilhe com seus amigos:
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   26


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal