Questões sobre psicologia do desenvolvimento


Período da Segunda infância (criança)



Baixar 386,75 Kb.
Página26/55
Encontro04.03.2018
Tamanho386,75 Kb.
1   ...   22   23   24   25   26   27   28   29   ...   55
5.4 Período da Segunda infância (criança)
Começa com a aquisição da linguagem e da locomoção e com o aparecimento dos primeiros dentes (mais ou menos 1 ano e meio), termina com o ingresso na escola do primeiro grau (mais ou menos 6 anos).

A infância é um momento na qual uma série de comportamentos começa a ser aprendidos (reforçados) e é importante frisar que comportamentos que se estabelecem muito cedo tendem a ficar.



Dependendo do teórico, teremos diferente modos de visualizar essa fase:
Piaget – Cognitivo
Fase pré-operacional, na qual a criança é capaz de representação mental de objetos ausentes, o que lhe permite iniciar a utilização de símbolos, e por conseguinte torna-se capaz de aprender a linguagem. Outras características são:

Egocentrismo, no sentido de que a criança possui incapacidade de se colocar no ponto de vista do outro e aceitar o ponto de vista diferente do delas. É um modo característico de pensamento, e não um termo pejorativo.

Centralização, na qual a criança percebe apenas um dos aspectos de um objeto ou acontecimento. Ela não relaciona entre si os diferentes aspectos ou dimensões de uma situação. Dois exemplos podem ilustrar a centralização: a) mostra-se à criança uma massa de modelar em forma de bola. Após amassar a bola e transformá-la em uma espécie de “salsicha”, é perguntado para a criança qual tem mais massa. A criança na estágio pré-operacional responde que é a “salsicha” porque é mais comprida ou que tem menos porque é mais fina. Ela, geralmente, não consegue considerar as duas dimensões: comprimento e largura; b) mostrando à criança dois copos de formato igual, cheios de líqüido até o mesmo nível, a criança facilmente concorda que ambos contêm a mesma quantidade de líqüido. Entretanto, se despejar o conteúdo de um dos copos para um mais alto e mais estreito e perguntar a criança qual tem mais líqüido, ela responderá que o copo mais estreito tem mais quantidade porque é mais alto, ou o copo anterior, porque é mais largo.

Animismo, quando a criança atribui vida aos objetos. Ex: Laurent, filho de Piaget, com 3 anos e 7 meses, quando havia perdido um trem, perguntou: “O trem não sabia que íamos nele?”




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   22   23   24   25   26   27   28   29   ...   55


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal