Psicologia da aprendizagem



Baixar 53,85 Kb.
Página1/4
Encontro04.06.2018
Tamanho53,85 Kb.
  1   2   3   4

NUNES, Ana Ignes Belém Lima; SILVEIRA, Rosemary do Nascimento. A epistemologia genética de Jean Piaget e a aprendizagem. In:______. Psicologia da aprendizagem: processos, teorias e contextos. Fortaleza: Liber Livro, 2008. Cap. 4. p. 79-93.
Página 79

Capítulo 4

A Epistemologia Genética de Jean Piaget e a Aprendizagem

Jean Piaget (1896 - 1980) nasceu em Neuchâtel, na Suíça. Obteve grau de bacharel em Ciências Naturais em 1916 e doutorou-se em Filosofia dois anos depois. Estudou Psicologia em Zürich e desenvolveu uma vasta investigação no campo da epistemologia. Percebeu, ao longo de seu per­curso como cientista, que seu interesse não se encerraria na Biologia Clássica ou na Filosofia Tradicional, mas num campo de investigação em que pudesse compreender a gê­nese do processo de construção do conhecimento huma­no. Além de seu trabalho como pesquisador, Piaget atuou "na área docente (Universidade de Paris e de Genebra).

Piaget realizou pesquisas em laboratórios de Psico­logia de base experimental. Trabalhou com os psicólogos Binet e Simon, em Paris, na segunda década do século XX, que são representantes de uma linha psicométrica de investigação da inteligência. Atuando neste contexto de pesquisa, cuja lógica era baseada na medição da inte­ligência por meio de testes, Piaget descobriu um modelo diferente de análise dos processos cognitivos.

Com seu interesse crescente por epistemologia, pelo estudo dos processos de construção do conheci­mento, Piaget fundou, na década de 50, em Genebra, um centro de referência sobre o tema. Sua abordagem


Página 80
teórica recebe o nome de Epistemologia Genética, sendo o primeiro termo referente ao estudo do conhecimento (científico) e o segundo à gênese, à origem.




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal