Psicologia Aplicada ao Direito Aula 2 ou Primeiras aulas Introdução ao estudo da Psicologia



Baixar 100,3 Kb.
Página9/16
Encontro04.03.2018
Tamanho100,3 Kb.
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   16
Os neobehavioristas

Burrhus Frederic Skinner (1904-1990)

  • Pesquisador behaviorista mais conhecido. Suas ideias, originadas no Behaviorismo clássico de Watson e nas pesquisas sobre condicionamento de Pavlov, aprimoraram o estudo do comportamento pelo Behaviorismo, e estão vivas até hoje.

  • Skinner ultrapassou o condicionamento clássico, desenvolvendo o que chamou de condicionamento operante.

  • Diferente do condicionamento clássico, no condicionamento operante, o comportamento do sujeito é modelado por suas consequências, que se constituem numa terceira variável, além do estímulo e da resposta. Você compreenderá melhor isso se entender o conceito de reforço.

  • Reforço é tudo aquilo que aumenta a probabilidade de uma resposta associada anteriormente a um estímulo acontecer novamente. É a consequência dos comportamentos, como as recompensas, por exemplo, que costuma fazer com que eles se repitam.

  • A premiação tende a funcionar muito bem. Prêmios são denominados, na teoria, de reforços positivos.

  • Comportamentos indesejáveis tendem a extinguir-se quando não são premiados ou quando a consequência deles se apresenta como um estímulo aversivo; um castigo ou punição.

  • É possível reforçar um comportamento pela retirada de um estímulo. Esta retirada é chamada de reforço negativo, que aumenta a probabilidade de a resposta desejada ocorrer.

  • Skinner utilizou-se de experimentos que ficaram famosos realizados com ratos de laboratório num equipamento que ganhou o nome de Caixa de Skinner.

  • Cada rato era colocado sozinho no interior da caixa, a qual era equipada com um bebedouro acionável pelo experimentador ou pelo próprio rato, na medida em que pressionasse numa pequena barra existente no interior do equipamento.

  • A estratégia era deixá-lo privado de água, isto é, com sede, antes da realização do experimento. Em seguida, buscava-se treinar o rato para pressionar a barra. A água lhe era oferecida cada vez que este realizava comportamentos que se aproximavam da pressão à barra. Mais adiante, a água era oferecida ao rato somente se ele pressionasse a barra de fato. Observando as consequências de seus comportamentos anteriores, o rato passava a pressionar a barra com mais frequência do que antes.

  • Dentre os behavioristas, o trabalho de Skinner é o que tem mais implicações educacionais.

  • Sua abordagem teve profundo impacto nas tecnologias de ensino, especialmente no que se refere à instrução programada.

  • Podemos concluir que, para o Behaviorismo, a aprendizagem se refere a mudanças observáveis no comportamento das pessoas, causadas unilateralmente pela ação sobre elas do ambiente material e social.

Em sentido lato, a psicologia teria por objetos de pesquisa o “comportamento” e os “processos mentais” de todos os seres vivos. (DAVIDOFF, 2001; MORRIS; MAISTO, 2004; MYERS, 1999) Define-se por comportamento toda forma de “[...] resposta ou atividade observável realizada por um ser vivo.” (WEITEN, 2002, p. 520) Por seu turno, processos mentais aludiriam às “[...] experiências subjetivas que inferimos através do comportamento – sensações, percepções, sonhos, pensamentos, crenças, sentimentos.” (MYERS, 1999, p.2)

Ciências Psicológicas”

A partir de uma reflexão epistemológica mais precisa, verifica-se que a Psicologia possuiria, de fato, diferentes objetos de pesquisa e, por conta disto, diferentes métodos e técnicas de pesquisa. Nas palavras de Japiassu: “Por isso, talvez fosse preferível falarmos, ao invés de “Psicologia”, em “Ciências Psicológicas.” (1983 p.24-6)” Por exemplo, no que concerne aos processos mentais podemos citar os mecanismos da percepção e sua influência sobre o comportamento humano (objeto da escola gestaltica); em relação ao comportamento anormal e suas injunções inconscientes, as pesquisas da escola psicanalítica. No que pese o comportamento e suas relações com os estímulos ambientais, os experimentos da escola behaviorista e assim sucessivamente.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   16


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal