Psicologia Aplicada ao Direito Aula 2 ou Primeiras aulas Introdução ao estudo da Psicologia



Baixar 100,3 Kb.
Página7/16
Encontro04.03.2018
Tamanho100,3 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   ...   16
O Behaviorismo

  • Foi a escola americana mais influente.

  • O behaviorismo, ou psicologia do comportamento, nasceu com Watson, nos Estados Unidos.

  • O termo vem do inglês "behavior" e quer dizer comportamento.

  • A psicologia como ciência do comportamento é hoje a definição universalmente aceita.

  • Recebeu influência do hedonismo, da teoria darwiniana, de Thorndike e dos reflexologistas russos, sobretudo Pavlov.

  • Assim como teve origem diversa, o behaviorismo teve também ramificações e tendências diversas.

Edward L. Thorndike

  • Considerado precursor do behaviorismo.

  • Sua investigação da conduta animal foi decisiva para a explicação do comportamento através de um controle rigoroso e sistemático.

  • Colaborou com a educação, principalmente pela elaboração de princípios da aprendizagem.

  • Formulou a lei do exercício: quanto mais frequente, mais recente e mais fortemente um vínculo é exercido, mais efetivamente será fixado.

  • Os behavioristas estudam aspectos objetivos, observáveis e mensuráveis da atividade psicológica.

  • Deixam de lado aspectos subjetivos, considerados não mensuráveis.

  • Seus partidários deixaram de lado o estudo da mente para estudar o comportamento.

  • O estudo do comportamento animal é parte importante do behaviorismo.

  • Para conhecer a psicologia animal, o método da observação, defendido pelos behavioristas, acaba sendo o caminho possível.

  • John B. Watson (1878-1958), foi quem o denominou de behaviorismo. Baseou-se no estudo da psicologia animal, já bem desenvolvida no início do século XX. O estudo, nos animais, permitia experiências impossíveis no homem

  • Watson entendia que, se a observação objetiva era um método adequado para conhecer o comportamento animal, por que não utilizá-la com seres humanos?

  • Um de seus pontos de partida foi o materialismo científico. O homem seria uma espécie de animal entre os outros. As suas reações poderiam ser estudadas como qualquer outro fato da natureza.

  • O behaviorismo nega todas as tendências inatas. Para Watson o homem herdou apenas as estruturas de seu corpo e de seu funcionamento.

  • Não herdou nenhuma característica mental: nem inteligência, nem habilidades, nem instinto, nem talentos nem dons especiais.

  • Watson dava ênfase ao ambiente, o condicionamento (S-R), exercido pelo ambiente, era responsável pelo comportamento.

  • Para Watson, o processo de condicionamento, isto é, a associação de um estímulo inicialmente neutro a uma resposta, por meio do treinamento ou repetição, era a chave para a compreensão do comportamento.




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   ...   16


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal