Psicologia – udc centro Universitário Vila a estudo dirigido – Genética Humana – Foz do Iguaçu-pr profº Ms. Leonardo E. Ferreira



Baixar 58,65 Kb.
Encontro31.08.2019
Tamanho58,65 Kb.

Psicologia – UDC Centro Universitário Vila A

Estudo dirigido – Genética Humana – Foz do Iguaçu-PR

Profº Ms. Leonardo E. Ferreira

TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO

Na(s) questão(ões) a seguir, escreva no espaço apropriado a soma dos itens corretos.

1. Com base nos estudos de Genética, é correto afirmar que:

(01) Uma planta de sementes brancas, autofecundada, será heterozigota para o caráter se entre os seus descendentes aparecerem alguns com sementes amarelas e outros com sementes brancas.

(02) Uma mulher do grupo sanguíneo A cuja mãe é do grupo O, casando-se com um homem doador-universal, terá filhos apenas do grupo sangüíneo O.

(04) Indivíduos heterozigotos para duas características produzem quatro tipos de gametas.

(08) Na interação gênica, ou polimeria, os genes de um par agem combinando-se com outro par (ou outros pares), a fim de condicionar um determinado fenótipo.

(16) Sendo a hemofilia uma anomalia condicionada por um gene recessivo ligado ao sexo, uma criança hemofílica nascida de pais normais só poderá ser do sexo feminino.

Soma ( )


2. A audição normal depende da presença de pelo menos um dominante de dois pares de genes, D e E que se segregam independentemente. Caso você examine a prole de um grande número de casamentos em que ambos os conjuges são duplo heterozigotos para esses dois pares de genes, que proporção fenotípica você espera encontrar?

3. Um casal de surdos teve dois filhos com audição normal. Sabendo se que a surdez é determinada por qualquer dos genes recessivos d ou e, em homozigose, espera se que o genótipo dos filhos seja

a) ddee.

b) Ddee.


c) DDEE.

d) DdEe.


e) DDee.

4. Em coelhos, o gene P produz pelagem preta e o seu alelo recessivo p, pelagem parda desde que esteja presente o gene A. Os animais aa são sempre albinos. Considerando que ocorra segregação independente entre esses genes, a partir do cruzamento PpAa x ppaa espera-se uma proporção fenotípica de

a) 1 preto: 1 pardo: 2 albinos.

b) 1 preto: 1 pardo.

c) 1 preto: 1 albino.

d) 1 preto: 3 albinos.

e) 1 pardo: 3 albinos.

5. O esquema a seguir representa o cruzamento entre duas variedades puras de ervilha-de-cheiro ('Lathyrus odoratus') de flor branca. A F1 resultante apresentou 100% das ervilhas com flores avermelhadas. Após autofecundação das plantas F1, foram produzidas 371 plantas com flores avermelhadas e 287 com flores brancas, na geração F2.



Analise este padrão de herança e assinale a afirmativa CORRETA:

a) Trata-se de um exemplo típico da primeira Lei de Mendel.

b) Pelos resultados, deduz-se que é um padrão de herança intermediária.

c) A proporção fenotípica 9:7 é um padrão de segregação independente.

d) O gene para a cor avermelhada é codominante em relação ao alelo.

e) O exemplo é de interação gênica já que está envolvido apenas um loco.

6. Em galinhas há quatro tipos de cristas: simples, noz, rosa e ervilha. Na determinação desses tipos de cristas atuam dois pares de genes (Rr e Ee). Assim o genótipo R_E_ determina crista noz, R_ee crista rosa, rrE_ crista ervilha e o genótipo eerr determina crista simples.

Um galo de crista noz cruzado com uma galinha de crista rosa produziu a seguinte geração: 3/8 noz, 3/8 rosa, 1/8 ervilha e 1/8 simples. A partir desses dados responda:

a) Quais os genótipos paternos?

b) Os genes em questão obedecem a segunda lei de Mendel? Justifique.

7. Em galinhas domésticas o tipo de crista é determinado por dois pares de genes com segregação independente. Observe os fenótipos e genótipos.

Crista Rosa = R_ee

Crista Ervilha = rrE_

Crista Noz = R_E_

Crista Simpes = rree

Um galo com crista noz foi cruzado com três galinhas. Com a galinha A de crista noz produziu na geração 3 noz: 1 rosa, com a galinha B de crista ervilha produziu 3 noz: 1 rosa: 3 ervilha: 1 simples e com a galinha C de crista noz a geração tinha 100% crista noz. Utilizando a tabela a seguir determine o genótipo do galo e das três galinhas.

8. Na ervilha-de-cheiro existem dois pares de genes que condicionam a cor da flor (Cc e Pp). A presença do gene C ou P ou ausência de ambos produz flor branca. A presença de ambos simultaneamente produz flor púrpura.

Cruzando-se duas plantas de flores brancas, obtém-se em F plantas produtoras de flores coloridas, na proporção de 3 brancas: 1 colorida. Os genótipos das plantas cruzadas são, respectivamente:

a) CCpp x ccPP

b) CCpp x ccPp

c) Ccpp x ccPP

d) Ccpp x ccPp

e) CcPp x CcPp

9. Observe a figura.

Todas as alternativas contêm genótipos possíveis para os porquinhos vermelhos de F2, EXCETO

a) AABB

b) AaBB


c) Aabb

d) AaBb


e) AABb

10. O esquema a seguir evidencia que a formação de melanina não depende apenas da ação de um gen. No processo ali representado, está ocorrendo a ação conjunta de dois gens.



Situações como essa são conhecidas como:

a) polialelia.

b) poligens.

c) norma de reação.

d) interação gênica.

e) alelos múltiplos.

11. Em determinada espécie vegetal, ocorrem flores vermelhas somente se a planta possuir os alelos dominantes A e B. Cruzando-se plantas de flores vermelhas com plantas de flores brancas, obtiveram-se 3 plantas de folhas vermelhas para 5 plantas de flores brancas na geração F.

Os genótipos das plantas com flores vermelhas e brancas da geração parental são, respectivamente,

a) AABB e AaBb

b) AaBb e Aabb

c) AABb e aabb

d) aaBb e Aabb

e) aabb e aabb

12. Em genética, o fenômeno da interação gênica consiste no fato de:

a) uma característica provocada pelo ambiente, como surdez por infecção, imitar uma característica genética, como a surdez hereditária.

b) vários pares de genes não alelos influenciarem na determinação de uma mesma característica.

c) um único gene ter efeito simultâneo sobre várias características do organismo.

d) dois pares de genes estarem no mesmo par de cromossomos homólogos.

e) dois cromossomos se unirem para formar um gameta.

13. A surdez pode ser uma doença hereditária ou adquirida. Quando hereditária, depende da homozigose de apenas um dos dois genes recessivos, (d) ou (e). A audição normal depende da presença de pelo menos dois genes dominantes diferentes (D) e (E), simultaneamente. Um homem surdo, casou-se com uma surda. Tiveram 9 filhos, todos de audição normal.

Assim, podemos concluir que o genótipo dos filhos é:

a) ddEE.

b) DdEe.


c) Ddee.

d) DDee.


e) DDEE.

14. As reações enzimáticas a seguir indicam a passagem metabólica que sintetiza pigmentos em uma planta.



Considere as seguintes condições:

- para as enzimas A e B, os alelos A e B produzem enzimas funcionais, enquanto os alelos a e b produzem enzimas inativas;

- uma única cópia funcional da enzima A ou da enzima B é suficiente para catalisar normalmente a sua respectiva reação.

Determine a proporção esperada entre as cores das plantas descendentes na primeira geração do cruzamento AaBb×AABb.

15. Os indivíduos albinos não possuem melanina - pigmento responsável pela cor e proteção da pele - e, por isso, são muito sensíveis à luz solar.

Neste esquema, está representada parte da via biossintética para a produção desse pigmento:

Com base nesse esquema e em outros conhecimentos sobre o assunto, é INCORRETO afirmar que

a) a ausência da Enzima 1 resulta em um aumento da concentração de tirosina.

b) casamentos entre indivíduos albinos podem gerar descendentes com melanina.

c) diferentes genótipos podem dar origem ao albinismo.

d) indivíduos AABB formam gametas do tipo AA e BB.

16. Suponha que, na espécie humana, a pigmentação da pele seja devida a dois pares de genes autossômicos com efeito aditivo. A tabela abaixo indica os fenótipos existentes.

A expressão desses genes pode ser impedida pela presença de um par de genes autossômicos recessivos. Nesse caso, o indivíduo é albino. Um casal de mulatos médios diíbridos tem uma criança albina. A probabilidade de nascer uma criança branca não albina é de:

a) 1/16.

b) 1/2.


c) 1/5.

d) 3/16.


e) 3/64.

17. As três cores de pelagem de cães labradores (preta, marrom e dourada) são condicionadas pela interação de dois genes autossômicos, cada um deles com dois alelos: "Ee" e "Bb". Os cães homozigóticos recessivos "ee" não depositam pigmentos nos pêlos e apresentam, por isso, pelagem dourada. Já os cães com genótipos "EE" ou "Ee" apresentam pigmento nos pêlos, que pode ser preto ou marrom, dependendo do outro gene: os cães homozigóticos recessivos "bb" apresentam pelagem marrom, enquanto os com genótipos "BB" ou "Bb" apresentam pelagem preta.

Um labrador macho, com pelagem dourada, foi cruzado com uma fêmea preta e com uma fêmea marrom. Em ambos os cruzamentos, foram produzidos descendentes dourados, pretos e marrons.

a) Qual é o genótipo do macho dourado, quanto aos dois genes mencionados?

b) Que tipos de gameta e em que proporção esse macho forma?

c) Qual é o genótipo da fêmea preta?

d) Qual é o genótipo da fêmea marrom?

18. Em uma exaustiva análise de genealogias humanas, com relação à surdez congênita na descendência de pais normais para a audição, cujos progenitores eram surdos, foi observado que a distribuição fenotípica para normais e surdos obedecia a uma proporção de 9:7, respectivamente, como ilustrado no quadro a seguir. Considerando esses dados, analise as proposições com verdadeiro ou falso.



( ) A surdez congênita é determinada por alelos múltiplos em um loco autossômico.

( ) Interação gênica entre dois locos justificam esses dados.

( ) Na determinação da característica analisada atuam locos gênicos ligados que distam entre si em 16 unidades de mapa.

( ) A probabilidade do nascimento de uma criança normal para a audição, a partir de um casal genotipicamente igual ao mostrado na F1, é de aproximadamente de 0,56.

( ) Cinco distintas classes genotípicas são observadas entre os descendentes surdos citados.

19. Em camundongos, a coloração da pelagem é determinada por dois pares de genes, Aa e Cc, com segregação independente. O gene A determina coloração aguti e é dominante sobre seu alelo a que condiciona coloração preta. O gene C determina a produção de pigmentos e é dominante sobre seu alelo c que inibe a formação de pigmentos dando origem a indivíduos albinos. Do cruzamento de um camundongo preto com um albino, foram obtidos apenas descendentes agutis. Qual é o genótipo desse casal?

a) aaCC x aacc

b) Aacc x aaCc

c) aaCc x AAcc

d) AaCc x AaCc

e) aaCC x AAcc

20. Em cebola, dois pares de genes que apresentam segregação independente participam na determinação da cor do bulbo: o alelo dominante I impede a manifestação de cor e o recessivo i permite a expressão; o alelo dominante A determina cor vermelha e o recessivo a, cor amarela. Uma proporção de 2 incolores: 1 vermelho: 1 amarelo é esperada entre os descendentes do cruzamento

a) IIAA x IiAa

b) IiAA x iiAa

c) IIaa x ii aa

d) IiAa x IiAa

e) IiAa x iiaa

21. Em camundongos, o tipo selvagem, encontrado comumente na natureza, apresenta pelagem de coloração acizentada (agouti). Duas outras colorações são também observadas: preta e albina.

Observe os dois pares de genes envolvidos e os fenótipos relativos aos tipos de coloração dos camundongos.

A _ B _ = Agouti

A _ bb = Preto

aaB _ e aabb = Albinos

Utilizando essas informações e seus conhecimentos, faça o que se pede.

a) Do cruzamento entre camundongos preto e albino obtiveram-se 100% de camundongos agouti. DÊ os genótipos dos camundongos envolvidos no cruzamento.

b) Do cruzamento de dois camundongos agouti obtiveram-se descendentes na seguinte proporção: 9 agouti: 3 pretos: 4 albinos. CITE todos os genótipos possíveis para os camundongos albinos obtidos e APRESENTE UMA EXPLICAÇÃO para a alteração da proporção 9:3:3:1 (esperada em cruzamento de diíbridos) para 9:3:4.

c) CITE a probabilidade de se obterem camundongos pretos do cruzamento de albinos (duplo homozigotos) com agouti (duplo heterozigotos).

22. Numa dada planta, o gene B condiciona fruto branco e o gene A condiciona fruto amarelo, mas o gene B inibe a ação do gene A. O duplo recessivo condiciona fruto verde. Considerando que tais genes apresentam segregação independentemente um do outro, responda.

a) Como se chama esse tipo de interação?

b) Qual a proporção fenotípica correta entre os descendentes do cruzamento de plantas heterozigotas para esses dois pares de genes?

23. Analisando a via metabólica hipotética, temos que:

O gene A é epistático sobre o gene B e, quando em homozigose recessiva (aa), impede a produção dos pigmentos rosa e vermelho, devido à não produção de enzima X. O gene B, em homozigose recessiva, impossibilita a conversão de pigmento rosa em vermelho. Os genes A e B são dominantes sobre os seus alelos.

Responda:

a) No cruzamento entre indivíduos de genótipos AaBb×aabb, qual será a proporção fenotípica esperada na progênie?



b) Quais são os possíveis genótipos para os indivíduos vermelhos?

c) Quais os fenótipos esperados e suas respectivas proporções em F‚ obtidos a partir de parentais AABB × aabb?


Compartilhe com seus amigos:


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
Conselho nacional
terapia intensiva
ensino médio
oficial prefeitura
Curriculum vitae
minas gerais
Boletim oficial
educaçÃo infantil
Concurso público
seletivo simplificado
saúde mental
Universidade estadual
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
assistência social
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
outras providências
recursos humanos
Dispõe sobre
secretaria municipal
psicologia programa
Conselho municipal
Colégio estadual
consentimento livre
Corte interamericana
Relatório técnico
público federal
Serviço público
língua portuguesa