Província da África Austral – Sector de Moçambique


Programa ‘Horizontes’ O encontro com Deus em “Água da Rocha”



Baixar 352,92 Kb.
Página57/72
Encontro28.11.2019
Tamanho352,92 Kb.
1   ...   53   54   55   56   57   58   59   60   ...   72
50. Programa ‘Horizontes’
O encontro com Deus em “Água da Rocha”

WEB PAGE 13/03/2009
O programa Horizontes que está em andamento, aqui em Nyungwe, Maláui, constitui iniciativa maravilhosa, e está enriquecendo os jovens Irmãos das Províncias da África Austral e da África Centro-Leste. Na semana passada, tivemos o privilégio de contar com um Irmão que nos deu um curso de Espiritualidade marista. O seu principal recurso foi o livro “Água da Rocha”. Partilhou conosco seu conhecimento e experiência, com base no livro, o que representou para todos uma verdadeira revitalização.

“Água da Rocha” propiciou-nos um real encontro com Deus Pai, repleto de amor, terno, presente, compadecido, fonte de graça, autor da vocação e verdadeiramente doador de vida.

Na medida em que a oficina de trabalho progride, tomamos consciência de que ele, como Pai, é Deus de amor. O seu amor não tem limites; ele nos ama a despeito do que somos. O seu amor é incondicional e não tem fronteiras.

No seu amor por nós, Deus Pai é também graça para todos os seus filhos. Ele provê graças para nós, em toda circunstância, de modo que sejamos capazes de levar a bom termo nossa missão, ainda que se torne desafiadora e difícil de realizar. Ele nos renova espiritualmente e potencia o nosso dinamismo apostólico, como se nós estivéssemos a empreender a primeira peregrinação (AdR, 18).

Interessante, viemos a descobrir que não somos nós que nos damos a vocação; é Deus Pai o autor de todas as nossas vocações. Ele entrou com força em nossas vidas, como havia feito com Maria e Marcelino. Quando nos convoca, concede-nos identidade própria, enquanto os nossos corações permanecem com ele. Ele nos transforma, fala aos nossos corações e envia em missão. Isso nos dá ânimo para aceitar, confiar e entregar-nos a Deus (AdR 51, 58-59).

Em outro maravilhoso encontro com Deus, percebemos que ele é fiel. O nosso Pai não muda os planos que tem para nós. Ele realiza seus planos conosco, está sempre presente, aconchegado a nós e nunca nos deixa sós (AdR 61).

Em nosso encontro com Deus, sentimos que ele é misericordioso. Ele está sempre do nosso lado, quando falamos a verdade, a despeito das consequências que pode haver para nós, quando provemos cuidados para o doente, quando recebemos e damos perdão, quando celebramos a Eucaristia e partilhamos a sua Palavra e, de fato, procedemos bem e promovemos a bondade entre os seus (AdR 57).

Não podemos encerrar o nosso encontro com Deus sem dizer que chegamos a conhecer o nosso Deus como Pessoa cheia de ternura. Realmente ele ama sem condições e a despeito das nossas limitações. Ele é o nosso amigo que nunca nos abandona, em tempo algum. Realmente, ele é o nosso maravilhoso companheiro.

Finalmente, chegamos a descobrir que Deus é Vida. Ele é o doador da vida, sem ele a nossa existência é inútil e sem sentido. Deus, nosso Pai, em verdade é a ‘Água da Rocha’ que dessedenta nossas vidas, para sempre.

___________


Preparado pelos Irmãos F. Mwambucha, E. Mwanalirenji e A. Ganiza.
Nyungwe, 29 de fevereiro de




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   53   54   55   56   57   58   59   60   ...   72


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal