Província da África Austral – Sector de Moçambique


Encerramento do Ano de espiritualidade



Baixar 352,92 Kb.
Página55/72
Encontro28.11.2019
Tamanho352,92 Kb.
1   ...   51   52   53   54   55   56   57   58   ...   72
48. Encerramento do Ano de espiritualidade
Província marista da Nigéria
web page 04/02/2009
A comissão de espiritualidade da província marista da Nigéria reservou o período entre a noite do domingo, dia 15 de dezembro, até a tarde da quarta-feira, dia 17 de dezembro último, para marcar o encerramento do Ano de espiritualidade no âmbito provincial. O local escolhido foi o centro diocesano de pastoral e de retiros de Orlu, no Estado de Imo. Grande número de irmãos e representantes de nossas fraternidades de leigos maristas estiveram presentes para esta importante ocasião.

Na manhã do dia 16 de dezembro, o bispo da diocese de Orlu, dom Augustine Ukwuoma, presidiu a celebração eucarística. Os irmãos Fabian Okeke e Elias Iwu auxiliaram os participantes com suas profundas reflexões sobre a nossa espiritualidade, procurando esclarecer e enfatizar os aspectos mais salientes de suas características mariana e apostólica.

Em uma sessão interativa, os leigos maristas, e todos aqueles que vivem nas comunidades onde os irmãos trabalham, procuraram partilhar suas impressões a respeito dos irmãos e de nossa espiritualidade, fruto da observação de como essa característica é vivida concretamente.

À noite, os participantes se dirigiram para o centro de formação marista de Orlu, para um jogo de futebol entre os irmãos professos e nossos postulantes. Essa novidade foi um momento de graças, pela partilha fraterna e pelo resultado, que terminou 3 a 3.

Na manhã do dia 17 de dezembro, para conservar o Ano de espiritualidade sempre presente e verde em nossos corações e mentes, fizemos o plantio de uma árvore simbólica na casa dos postulantes. O provincial, Ir. Christian Mbam, lembrou aos participantes que a nossa espiritualidade deveria continuar a crescer, como aquela árvore simbólica.

O bispo emérito da diocese de Orlu, dom Gregory Ochiagha, presidiu a celebração eucarística de encerramento. Devido à sua grande amizade pelos irmãos, cultivada ao longo de vários anos, ele teve a oportunidade de partilhar muitos fatos relativos a eles, agradecendo a Deus por sua presença naquela diocese. Ele nos desafiou a continuarmos ali e a permanecermos fiéis ao espírito de nosso fundador.

Em sua palavra de encerramento, o provincial, Ir. Christian Mbam, fez um retrospecto de nosso crescimento na compreensão da espiritualidade marista, enfatizando que o Padre Champagnat nos deixou como herança uma espiritualidade que é única, tanto para si como para nós, que denominou Espiritualidade marcelina.

Além disso, disse que quando este ano especial foi lançado na província, nós plantamos algumas roseiras, e que as rosas são flores de grande e admirável beleza, mas têm verdadeiros e fortes espinhos. Para chegarmos às flores da roseira, precisamos desviar dos espinhos. Esta é uma outra maneira de compreender o adágio que diz que “sem cruz não há coroa”.

Agradecemos a todos aqueles participaram destes exercícios de encerramento, incentivando a todos para que continuem trabalhando para a vitalidade da província.

Ao final, os participantes do encontro, depois de um almoço fraterno, partiram para suas respectivas casas e comunidades.






Compartilhe com seus amigos:
1   ...   51   52   53   54   55   56   57   58   ...   72


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal