Província da África Austral – Sector de Moçambique


A Escola marista de Giuliano (Nápoles)



Baixar 352.92 Kb.
Página41/72
Encontro28.11.2019
Tamanho352.92 Kb.
1   ...   37   38   39   40   41   42   43   44   ...   72
39. A Escola marista de Giuliano (Nápoles)
Encontro sobre o carisma de Marcelino, água para o novo ano escolar
web page 12/10/2008
Quando recomeça o ano escolar, se respira um clima de Grande prêmio: podemos ver as pessoas muito atarefadas, com os registros nas mãos, listas e reuniões para deixara máquina administrativa em ponta de bala. São muitas as atividades e, como acontece tantas vezes, é preciso informar-se sobre as novidades legislativas ou sobre as últimas tendências pedagógicas. Mas uma escola marista dedica especial atenção ao próprio carisma. No colégio de Giuliano, atualmente com o maior número de alunos, entre as escolas maristas da Itália, essa atenção é constante e, desde muito tempo, cuida-se para que leigos e irmãos respirem esse ar particular.

No ‘Ano da Espiritualidade’ tivemos ocasião, antes da Páscoa, de encontrar-nos com o Irmão Onorino, que nos introduziu na temática. Como sinal concreto, cada professor recebeu o texto “Água da Rocha”. Um encontro não tendo sido suficiente, pensou-se em iniciar o ano escolar bebendo dessa água.

Com um pouco de sorte e prévios acertos, conseguimos ter entre nós o Ir. Teófilo, membro da comissão que anima o “Ano da Espiritualidade”. Sem muito preocupar-nos com horários, pontos e dinâmicas para o encontro, dispusemo-nos a escutar suas palavras. Entre um power-point e alguma experiência pessoal; entre uma canção e uma série de fotos, mostrou-nos mil e um rostos da experiência marista, a partir de perspectivas novas, remotas e inesperadas. Os 40 professores do colégio viram e ouviram coisas muito simples, diretas e vitais. A experiência de Marcelino, entretanto, continua viva e fluente; não se trata de uma estátua ou de um quadro, a ser conservado cuidadosamente num museu, mas de uma proposta a enriquecer, a adaptar e atualizar.

Assim graças ao trabalho de grupo, cada um lendo e meditando uma parte do texto, pudemos partilhar nossas idéias sobre o documento. O Ir. Teófilo nos fez ver que lendo o texto assim, uma parte em cada grupo, consegue-se interiorizar melhor o conteúdo do que numa leitura pessoal. Gostaríamos que cada aluno da escola pudesse encontrar em nós, educadores maristas, o lugar e o espaço vital para crescer, florescer e produzir frutos. Na realidade difícil de Giuliano, cidade que cresceu com muita rapidez e sem ordenamento urbanístico, educar pessoas com esses horizontes é, sem dúvida, um desafio inevitável. Mas, Marcelino o faria.

__________
Ir. Giorgio B.



Baixar 352.92 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   37   38   39   40   41   42   43   44   ...   72




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
Processo seletivo
ensino médio
Conselho nacional
minas gerais
terapia intensiva
oficial prefeitura
Curriculum vitae
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
educaçÃo física
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
Conselho regional
ensino aprendizagem
ciências humanas
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Dispõe sobre
ResoluçÃo consepe
Colégio estadual
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
extensão universitária
língua portuguesa