Projeto pedagógico do curso de farmácia da faculdade de ciências sociais e agrárias de itapeva fait



Baixar 3,13 Mb.
Página236/295
Encontro30.11.2019
Tamanho3,13 Mb.
1   ...   232   233   234   235   236   237   238   239   ...   295
6.4.1. Objetivos

Os objetivos dessa política são:

- promover a educação de cidadãos atuantes e conscientes no seio da sociedade multicultural e pluriétnica do Brasil, buscando relações étnico-sociais positivas, rumo à construção de uma nação democrática;

- divulgar e produzir conhecimentos, bem como de atitudes, posturas e valores que eduquem cidadãos quanto à pluralidade étnico-racial, tornando-os capazes de interagir e de negociar objetivos comuns que garantam, a todos, respeito aos direitos legais e valorização de identidade, na busca da consolidação da democracia brasileira;

- promover o reconhecimento e valorização da identidade, história e cultura dos afro-brasileiros, bem como a garantia de reconhecimento e igualdade de valorização das raízes africanas da nação brasileira, ao lado das indígenas, europeias, asiáticas;

- promover e estimular todas as iniciativas de combate ao racismo e a toda sorte de discriminações;

- promover ações que objetivem desconstruir o mito da democracia racial na sociedade brasileira; mito este que difunde a crença de que, se os negros não atingem os mesmos patamares que os não negros, é por falta de competência ou de interesse, desconsiderando as desigualdades seculares que a estrutura social hierárquica cria com prejuízos para os negros;

- levar a comunidade acadêmica a compreender os valores e lutas dos negros, ou a de outras raças que formaram o Brasil, ser sensível ao sofrimento causado por tantas formas de desqualificação: apelidos depreciativos, brincadeiras, piadas de mau gosto sugerindo incapacidade, ridicularizando seus traços físicos, a textura de seus cabelos, fazendo pouco das religiões que professam;

- criar condições para que os estudantes negros não sejam rejeitados em virtude da cor da sua pele ou menosprezados em virtude de seus antepassados terem sido explorados como escravos e não sejam desencorajados de prosseguir estudos;

- estudar questões que dizem respeito à comunidade negra;

- cumprir a Constituição Federal em seu Art.3º, IV, repudiando o “preconceito de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação” e reconhecendo que todos são portadores de singularidade irredutível e que a formação escolar tem de estar atenta para o desenvolvimento de suas personalidades (Art.208, IV).




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   232   233   234   235   236   237   238   239   ...   295


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal