Projeto jovem aprendiz


Perfil profissional do egresso do Curso



Baixar 5,16 Mb.
Página14/24
Encontro28.11.2019
Tamanho5,16 Mb.
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   24
Perfil profissional do egresso do Curso

Este curso, oferecido pelo SENAR, ajudará a formar um perfil de profissional que o habilite a ingressar e permanecer no mundo de trabalho, de modo a desempenhar as atividades, de forma autônoma e proativa, e em conformidade com as normas e procedimentos técnicos de qualidade, segurança, higiene, saúde e preservação ambiental.

Além das habilidades específicas e das competências técnicas da qualificação profissional, estes egressos devem demonstrar competências de educação permanente, competências sociais e interpessoais, valores humanísticos e competências técnicas ao longo do curso.

Em complemento às competências e conhecimentos técnicos, existem múltiplas habilidades a serem desenvolvidas e estimuladas. Entre elas: capacidade de comunicação oral e escrita, capacidade para lidar com situações novas e desconhecidas, capacidade de liderança e de trabalhar em equipe, capacidade de lidar com situações complexas e o enfrentamento de situações problemas.

A proposta para desenvolvimento do Programa é abranger as quatro competências:




  1. Competências de educação permanente: preparar jovens para assumir a responsabilidade pela contínua formação, desenvolvimento pessoal e profissional para o convívio numa sociedade de aprendizagem ao longo de toda a vida.

Para tanto é necessário que o instrutor do SENAR:

  • Estimule a busca permanente de atualização e o desenvolvimento profissional e novas formas do saber e do fazer científico ou tecnológico;

  • Estimule a compreensão que formação profissional é um processo contínuo, autônomo e permanente;

  • Proporcione o desenvolvimento de práticas de estudos independentes visando uma progressiva autonomia profissional e intelectual;

  • Promova a identificação de oportunidades e situações que favoreçam a formação profissional e/ou elaborar projetos empreendedores de formação profissional;

  • Proporcione o desenvolvimento de autonomia de aprendizagem.




  1. Competências sociais e interpessoais: preparar jovens para o convívio social e interpessoal na vida em geral, orientada para os valores humanos, o trabalho em equipe, a comunicação, a solidariedade, o respeito mútuo, a criatividade.

Para tanto é necessário que o instrutor do SENAR-PR:

  • Proporcione atividades de comunicação e expressão oral, escrita e interpessoal;

  • Promova dinâmicas que discuta a resistência a mudanças, a necessidade de se ter capacidade de adaptação às novas situações e saber enfrentar/lidar com situações em constantes mudanças;

  • Desenvolva atividades que estimulem o participante a demonstrarem compromisso, responsabilidade e empatia nas suas interações sociais;

  • Analise o contexto social no qual está inserido e contribuir profissionalmente para a manutenção e transformação deste;

  • Proporcione atividades que discutam princípios da ética democrática: responsabilidade social e ambiental, dignidade humana, direito à vida, justiça, respeito mútuo, participação, responsabilidade, diálogo e solidariedade;

  • Estimule a cooperação grupal;

  • Proporcione atividades capazes estimular nos participantes posturas empreendedoras, de cidadania e de solidariedade.




  1. Competências técnicas: preparar jovens com capacidade para transformar o conhecimento em condutas profissionais e pessoais na sociedade, relativas aos problemas e necessidades dessa sociedade.

Para tanto é necessário que o instrutor do SENAR-PR:

  • Promova atividades de raciocínio lógico, observação, interpretação e análise crítica, ao analisar dados, informações e solução de problemas;

  • Estimule o participante a avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências teóricas;

  • Tome decisões fundamentadas visando o uso apropriado, eficácia e custo-efetividade;

  • Acompanhe e incorpore inovações tecnológicas (informática, comunicação, novos materiais,) no exercício da profissão;

  • Aplique conhecimentos teóricos que garantam a apropriação crítica do conhecimento disponível, assegurando uma visão abrangente dos diferentes métodos e técnicas;

  • Reconheça e identifique problemas, equacionando soluções, intermediando e coordenando os diferentes níveis da tomada de decisão;

  • Articule teoria, pesquisa e prática social;

  • Assimile criticamente conceitos que permitam a apreensão de teorias e usar tais conceitos e teorias em análises críticas da realidade e na solução de problemas;

  • Desenvolva e crie mecanismos para o desenvolvimento sustentável nas dimensões humana econômica e ambiental.




  1. Valores humanísticos: Preparar jovens para a postura reflexiva e analítica dimensão social e ética que envolve os aspectos de diversidade étnico-racial e cultural, gêneros, classes sociais, escolhas sexuais, entre outros.

Para tanto é necessário que o instrutor do SENAR-PR:

  • Demonstre consciência da diversidade, respeitando as diferenças de natureza ambiental ecológica, étnico-racial e cultural, de gêneros, faixas geracionais, classes sociais, religiões, necessidades especiais, escolhas sexuais, entre outras;

  • Interprete as relações entre homem, cultura e natureza e, as artes, no contexto temporal e espacial;

  • Oriente escolhas e decisões em valores e pressupostos metodológicos alinhados com a democracia, com respeito às culturas e à biodiversidade;

  • Reconheça e valorize as diversas manifestações artísticas, estéticas e culturais;

  • Tenha postura reflexiva, analítica, e visão crítica da conjuntura econômica, social, histórica, política, ambiental e cultural;

  • Tenha uma sólida formação ética e cultural;

  • Respeite os princípios éticos, legais, culturais e humanísticos das diversas áreas de atuação profissional;

  • Paute-se em princípios éticos, legais e na compreensão da realidade social, cultural e econômica do seu meio;

  • Compreenda as incidências culturais, éticas, educacionais e identifique e analise as rápidas mudanças econômicas e sociais em escala global e nacional que influem no agronegócio.







  1. Compartilhe com seus amigos:
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   24


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal