Processos de cómico1 CÓmico de carácter



Baixar 20,28 Kb.
Encontro30.09.2018
Tamanho20,28 Kb.

PROCESSOS DE CÓMICO1

  1. CÓMICO DE CARÁCTER

“É cómica a personagem que segue automaticamente o seu caminho sem se preocupar em entrar em contacto com os outros. O riso surge para corrigir a sua distracção ou para a arrancar ao seu sonho. (...) Geralmente, são deveras os defeitos de outrem que nos fazem rir – (…) acrescentemos que esses defeitos nos fazem rir mais pela sua insociabilidade do que pela sua imoralidade.” (Henri Bergson, O Riso: Ensaio sobre a Significação do Cómico, Relógio d'Água, Lisboa, 1991, pp.88-91).

Gil Vicente legou-nos uma vasta galeria de personagens-tipo que se destacam pelo seu carácter marcadamente insocial. [ex: o Parvo]

Não só a insociabilidade serve para marcar o cómico de carácter de uma personagem, pois em certos casos basta um defeito ou fraqueza do foro psicológico para determinar o riso. [ex: quando o Fidalgo pensa que vai para o Céu porque a mulher e a amante rezam por ele]

A diferença de personalidades também pode conduzir ao cómico de carácter. [ex: o Frade]

Cómico de carácter - a personalidade, a apresentação e o comportamento da personagem tornam-se ridículos.

  1. CÓMICO DE LINGUAGEM

Segundo a definição proposta por Henri Bergson: “Devemos distinguir entre o cómico que a linguagem exprime e aquele que a linguagem cria. (…) [ O cómico que a linguagem cria] Deve o seu ser à estrutura da frase ou às palavras escolhidas. (…). É a própria linguagem, aqui, que se torna cómica.” (O Riso: Ensaio sobre a Significação do Cómico, Relógio d'Água, Lisboa, 1991, pp.69-70).

No Auto da Barca do Inferno, Gil Vicente explora este tipo de cómico em particular com a personagem Joane, o Parvo, tipo marginal e grosseiro por definição, a quem a sociedade não cobraria defeitos de expressão linguística, como as célebres respostas em calão que dá ao Diabo que o quer encaminhar para a Barca do Inferno: “DIA.: De que morreste? / JOA.: De quê? / Samicas de caganeira. / DIA.: De quê? / JOA.: De cagamerdeira, / má ravugem te dê!”. Outros exemplos no teatro vicentino, sempre modelar no recurso ao cómico, pode ser (…) a utilização de latim macarrónico (Auto da Barca do Inferno).

Cómico de linguagem - recurso a vários tipos de linguagem para provocar o riso.

  1. CÓMICO DE SITUAÇÃO

“Uma situação é sempre cómica quando pertence ao mesmo tempo a duas séries de acontecimentos absolutamente independentes, podendo interpretar-se alternadamente em dois sentidos completamente diferentes.” (Henri Bergson, O Riso: Ensaio sobre a Significação do Cómico, Relógio d'Água, Lisboa, 1991, pp.65-66).

Gil Vicente utiliza este tipo de cómico [ex: o Fidalgo querer regressar a Terra, o Frade jogar esgrima com o Diabo…]



Cómico de situação – o resultado da própria situação em que as personagens se inserem ou das circunstâncias por eles criadas fazem rir.


PARA SABER!

Personagens planas ou tipos:

As personagens planas ou tipos representam grupos sociais, uma qualidade e/ou defeito. Não têm vida interior própria. São, normalmente, estáticas, isto é, não se modificam ao longo da acção.


Tipos de cómico:

Cómico de linguagem: recurso a vários vocábulos, de diferentes níveis, a fim

de provocar o riso. Cómico de carácter: apresentação de comportamentos e atitudes ridículas por parte das personagens. Cómico de situação: criação de

situações cujas circunstâncias expõem as personagens ao ridículo.
Modos de caracterização:

Directa: apresentação das características ou atributos por parte do narrador, da própria personagem (autocaracterização) ou de outras personagens.

Indirecta: conhecimento das características da personagem através

dos seus comportamentos, atitudes, linguagem, etc. Mista: coexistência dos dois tipos de caracterização.







1 Dicionário de termos literários, Carlos Ceia



Compartilhe com seus amigos:


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
Conselho nacional
terapia intensiva
ensino médio
oficial prefeitura
Curriculum vitae
minas gerais
Boletim oficial
educaçÃo infantil
Concurso público
seletivo simplificado
saúde mental
Universidade estadual
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
assistência social
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
outras providências
recursos humanos
Dispõe sobre
secretaria municipal
psicologia programa
Conselho municipal
Colégio estadual
consentimento livre
Corte interamericana
Relatório técnico
público federal
Serviço público
língua portuguesa