Procedimentos de análise sintática utilizados por alunos do ensino fundamental



Baixar 85.5 Kb.
Página2/8
Encontro16.04.2018
Tamanho85.5 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8
Introdução

Dados do SAEB - Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (INEP, 2001) têm apresentado resultados preocupantes sobre o desempenho dos alunos em língua portuguesa. Confirmando resultados de outros estudos (Batista, 1997), tais dados revelam desempenho insatisfatório dos alunos do ensino fundamental nesta disciplina. Os alunos vêm apresentando defasagem significativa entre a série em que se encontram e os conhecimentos de língua portuguesa que dominam. Conforme os relatórios oficiais, alunos em final de 8a série apresentam conhecimentos correspondentes à 6a série, enquanto os alunos desta série, apresentam desempenho correspondente aos de 4a série. Este atraso pode ser explicado, entre outros aspectos, pela ineficiência das metodologias de ensino de língua portuguesa que vem sendo utilizadas pelas escolas (Brasil, 1998; Batista, 1997; Travaglia, 1996).

Pesquisas recentes (Calsa, 2002) a respeito dos conteúdos ministrados pela escola tem denunciado o uso ainda freqüente de um ensino baseado em algoritmos canônicos. Algoritmos canônicos são procedimentos que especificam de forma muito precisa a seqüência de ações e de decisões que devem ser respeitadas para desenvolver um determinado problema. Esta forma de ensino, por representar uma aquisição de conhecimentos fixada na memorização de informações, acaba por limitar e padronizar as ações dos alunos. Além disso, os conhecimentos adquiridos desta maneira tendem a ser facilmente esquecidos pelos alunos ao deixarem de ser usados com freqüência (Coll, 1998).

Alguns trabalhos na área de gramática (Travaglia, 1996; Possenti,1996; Batista, 1997; Santos e Lonardoni, 2001), por outro lado, têm destacado a necessidade de reflexão no processo de aquisição de conhecimentos gramaticais. Ao longo da última década, em conjunto com os Parâmetros Curriculares Nacionais (Brasil, 1998), estas propostas vêm ampliando os objetivos do ensino de língua portuguesa, enfatizando a formação do pensamento reflexivo e crítico dos alunos.

Levando em conta as dificuldades da escola no desenvolvimento de um novo modelo de ensino de gramática, este projeto teve como objetivo identificar as dificuldades que os alunos enfrentam na aprendizagem de sintaxe. Para tanto, escolheu-se como foco o processo de identificação do sujeito de uma frase – sujeito oculto, composto e simples. Os resultados revelaram dificuldades importantes na realização deste tipo de atividade nas quatro séries investigadas. Além disso, tais dificuldades pareceram relacionadas ao tipo de ensino veiculado pela instituição escolar.



Baixar 85.5 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
ensino médio
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
Curriculum vitae
oficial prefeitura
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
educaçÃo física
saúde conselho
assistência social
santa maria
Excelentíssimo senhor
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
outras providências
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
secretaria municipal
Dispõe sobre
Conselho municipal
recursos humanos
Colégio estadual
consentimento livre
ResoluçÃo consepe
psicologia programa
ministério público
língua portuguesa
público federal
Corte interamericana