Poder judiciário justiça federal goiáS


JORNAL – O POPULAR (MAGAZINE) -.08.06.2009 – PÁG.03



Baixar 231,3 Kb.
Página4/19
Encontro28.11.2019
Tamanho231,3 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   19
JORNAL – O POPULAR (MAGAZINE) -.08.06.2009 – PÁG.03
Outra do português

Wolney Unes


“As consoantes são o esqueleto, e as vogais, a carne das palavras.”

Schopenhauer, pensador alemão, no século 18


Nova letra
Com o novo acordo, a letra Y volta a integrar o alfabeto. Mas, afinal, trata-se de uma vogal ou de uma consoante?

Vladimir Zaccariotti – Alphaville, Goiânia


O novo acordo ortográfico incluiu três letras no alfabeto português: K, Y e W. O leitor é observador e está correto em sua dúvida.

Vogais e consoantes


Antes de entrar no assunto, é importante definir vogal e consoante. Para isso precisaremos recorrer à fonologia. Vogais são sons em que o ar flui livremente pelo trato respiratório. É o contrário das consoantes, em que há algum tipo de pressão em algum ponto entre a glote e os lábios.
Cinco

Tradicionalmente, aprendemos na escola que são cinco as vogais do nosso idioma. Mas isso não é bem verdade. Temos, sim, cinco símbolos para representar vogais, mas muito mais sons vocálicos. Por exemplo, o símbolo A pode ser usado para representar os sons Ã, Â ou Á, o símbolo O, representa Ô, Ó, Õ, entre outros. Temos portanto cinco símbolos para vogais em português, mas pelo menos 20 sons vocálicos. Não custa lembrar que o português é um dos idiomas mais ricos em sons vocálicos do planeta.


Uai
Além de vogais e consoantes, existem também aqueles sons em que há algum tipo de passagem de ar pelo trato vocal, mas que não formam sílabas como bá, bé, bi. São chamados semivogais. Como uma semivogal não consegue formar sílabas, elas precisam sempre vir juntas a outras vogais: uai.
Yes

Afinal, e o Y, o que é? O Y pode ser usado como vogal: Paraty. É uma vogal legítima, como o som igualzinho ao do I. O Y pode também ser usado como semivogal, apoiada numa vogal: yes! O próprio nome deste colunista tem um Y numa posição típica de semivogal. Conclusão: o sinal Y pode ser usado para várias finalidades: vogal ou semivogal. Pode até ser usado para indicar uma bifurcação numa rodovia.


VOCÊ SABIA?
Advertência

O verbo advertir já pressupõe que é contra algo. Então “advertir contra” é redundância?


Denise Zorzetti Jardim América, Goiânia
Vários verbos exigem uma preposição depois deles. É o que a gramática chama de regência. Por isso, mesmo que o verbo já inclua um sentido, há casos em que a preposição é necessária. E a regência diz que o verbo advertir pede uma preposição: “advertir dos perigos”, “advertir contra os males”.




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   19


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal