Período: agosto/2016 a janeiro/2017 ( X ) parcial



Baixar 84,55 Kb.
Página7/9
Encontro17.10.2018
Tamanho84,55 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9







REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:


1.Heise LL. Violence against women: an integrated framework. Violence against women 1998; 4(1):262-290. 



2.Dahlberg LL, Krug EG. Violence: a global public health problem. Cien Saude Colet 2006; 11(1): 1163-1178.

Deslandes SF, Lemos MP. Participatory development of descriptors for evaluation of cores prevention of accidents and violence, Brazil. Rev Panam Salud Publ 2008; 24(6): 441-448.



  1. OMS (Organização Mundial da Saúde). Relatório mundial sobre saúde e violência. Brasília, DF; 2008.

  2. Silva MMA, Malta DC, Morais Neto OL, Rodrigues EMS, Gawryszewski VP, Matos S, Costa VC, Gazal-Carvalho C, Castro AM. Agenda of priorities for surveillance and prevention of accidents and violence approved by the I National Seminar on Non-Communicable Diseases and Conditions and Health Promotion. Epidemiol Serv Saude 2007; 16(1): 57- 64. 6.

  3. Minayo MCS, Deslandes SF. Analysis of network deployment of attention to victims of accidents and violence from the National Policy for Reduction of Morbidity and Mortality on Violence and Health. Cien Saude Colet 2009; 14(5): 1641-1649.

  4. Silva, AF, Lima, VLA, Sena, LX, Gomes, VR, Santos, ACB, Augusto, AO. A versão da mídia e os anos potenciais de vida perdidos (APVP) de mulheres vítimas de violência. Revista do Laboratório de Estudos da Violência da UNESP/Marília. Novembro/ 2014. Edição 14. P.98 – 112.

  5. Garcia MV; Ribeiro LA; Jorge MT; Pereira GR; Resende AP. Caracterização dos casos de violência contra a mulher atendidos em três serviços na cidade de Uberlândia, Minas Gerais, Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 24(11):2551-2563, nov, 2008

  6. Deslandes SF, Gomes R, Silva CMFP. Caracterização dos casos de violência doméstica contra a mulher atendidos em dois hospitais públicos do Rio de Janeiro. Cad Saúde Pública 2000; 16:129-37

  7. LIMA, V. L. A. Violência contra mulheres paroaras: contribuições para Enfermagem. 2009. 233p. Tese (Doutorado em Enfermagem)- Programa de PósGraduação em Enfermagem, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2009.

  8. Minayo MCS. A difícil e lenta entrada da violência na agenda do setor saúde. Editorial. Cad Saúde Pública 2004; 20:646-7.

  9. Garbin CAS, Garbin AJI, Dossi AP, Dossi MO. Violência doméstica: análise das lesões em mulheres. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 22(12):2567-2573, dez, 2006

  10. Chiaperini A, Bérgamo A, Bregagnolo LA, Bregagnolo JC, Watanabe MGC, Silva RHA. Correlações presentes entre danos bucomaxilofaciais e lesões corporais em mulheres: uma revisão de literatura. Saúde, Ética & Justiça. 2008;13(2):72-8.

  11. LAMOGLIA, C.V.A.; MINAYO, M.C.S. 2009. Violência conjugal, um problema social e de saúde publica: Estudo em uma delegacia do interior do Rio de Janeiro. Ciência & Saúde Coletiva, 14:595-604.

  12. Minayo MCS. A violência social sob a perspectiva da saúde pública. Cad Saúde Pública 1994; 10(S1): 07-18.

  13. Garcia MV; Ribeiro LA; Jorge MT; Pereira GR; Resende AP. Caracterização dos casos de violência contra a mulher atendidos em três serviços na cidade de Uberlândia, Minas Gerais, Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 24(11):2551-2563, nov, 2008

  14. Morgado Rosana. Impacto da violência na saúde dos brasileiros. Ciênc. Saúde coletiva [serial on the Internet]. 2006 June [cited 2012 Jan 11]; 11(2): 537-540. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413- 81232006000200030&lng=en.http://dx.doi.org/10.1590/S1413-1.

81232006000200030.

  1. Schraiber Lilia Blima, D'Oliveira Ana Flávia P L, França-Junior Ivan, Diniz Simone, Portella Ana Paula, Ludermir Ana Bernarda et al. Prevalência da violência contra a mulher por parceiro íntimo em regiões do Brasil. Rev. Saúde Pública [serial on the Internet]. 2007 Oct [cited 2012 Jan 11] ; 41(5): 797-807. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034- 89102007000500014&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102007000500014.

  2. Saliba O, Garbin CAS, Garbin AJI, Dossi AP. Responsabilidade do profissional de saúde sobre a notifi cação de casos de violência doméstica. Rev Saúde Pública 2007;41(3):472- 7

  3. WORLD HEALTH ORGANIZATION. Oral health surveys: basic methods. 4 ed. Geneva: ORH/EPID, 1997.

  4. MINISTÉRIO DA SAÚDE. SB Brasil 2010- Pesquisa Nacional de Saúde Bucal. Resultados Principais. Brasília: Departamento de Atenção Básica, Secretaria de Atenção Básica, Ministério da Saúde, Brasília, 2011.

  5. Vanrell, J. P. Odontologia Legal e Antropologia Forense. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 2008.






Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal