Pensamento Para se cogitar sobre ações de segurança, não despreze suas sensações de medo. É prudente. O autor. ÍNdice



Baixar 89,16 Kb.
Página2/10
Encontro10.03.2018
Tamanho89,16 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10
1
SEGURANÇA É UMA MERA SENSAÇÃO

Por segurança, podemos entender que é uma palavra, sinônima de ausência de ameaças e sobre este tema, penso que já escrevi.


Sendo assim definida, além de segurança ser mera sensação, nada mais há, que requeira tanta fé, quanto este conceito e a ações dele decorrentes, afinal, com tanto incentivo dado á criatividade, e a franca noção de livre arbítrio, tudo o quanto pode ocorrer num lugar, no qual uma ação ou evento, desejosamente, seguro se dará, é a sensação de insegurança, que por existir, além de requer vigília, não deve invalidar, paradoxalmente, a possibilidade da existência e possível ocorrência das competências alheias, devotadas á prestação dos serviços congêneres, seja nos atos de proteção humana individual ou coletiva, de outro bem, nem sempre útil, e embora qualquer, requer proteção.
No contexto, ou cenário de possibilidades, no qual chances de incidentes ou eventos indesejados, podem ocorrer, por mais olhares que postem sobre cada palmo de chão, pessoas ou ações, sempre a segurança se moverá, depois que um ato for praticado contra ela não sendo este ato, menor, por ser, por exemplo um atentado, pois, se a nossa espécie é capaz de tudo, e tudo, temos que fazer, para superar nossas limitações e debilidades, então, no tudo, o algoz é igual ao herói, embora, o primeiro seja patologicamente considerado e mesmo assim com imprecisão da suspeita ciência. Em segurança, tão importante quanto racionalizar é agir como animais: NO SILÊNCIO.
Por fim, a o que cogitam que com orações, ficarão longe de almas, atentem par o fato de serem os espíritos, desejosos e luz. Assim, sempre, quando mais rezares, mas assombrações lhe assediarão, mas só desejosas de um viver. Vamos caminhar?

Sandive Santana / RJ.






Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal