Os estilos de aprendizagem dos alunos do curso de licenciatura em pedagogia: um estudo de caso



Baixar 118,55 Kb.
Página3/7
Encontro03.03.2018
Tamanho118,55 Kb.
1   2   3   4   5   6   7
2 MATERIAIS E MÉTODOS
O modelo de estilos de aprendizagem elaborado por Felder e Silverman (1988 apud SILVA, 2012) considera que o estilo de aprendizagem é definido pela maneira como o indivíduo recebe, retém e processa as informações (GRANITO, 2008). A versão mais recente do modelo classifica os indivíduos em quatro dimensões, cada uma contemplando dois polos contrários, conforme se observa no quadro que segue (Quadro 1) (SILVA, 2012).
Quadro 1: Características do aprendiz das dimensões dos estilos de aprendizagem

Dimensão

Perfil

Percepção

Sensorial: apreciam fatos e dados, são concretos, práticos, metódicos e detalhistas.

Intuitivo: gostam de símbolos, diagramas, modelos, teorias, inovações e são criativos. Lidam melhor com a abstração e não com detalhes.

Retenção

Visual: Tem maior facilidade na recepção da informação em representações visuais, como diagramas, filmes imagens, gráficos, entre outros.

Verbal: Possuem boa memória auditiva, facilidade em lidar com palavras escritas ou faladas e gostam de fazer anotações.

Processamento

Ativo: Preferem estudar em grupos, de maneira mais extrovertida e dinâmica com experimentações que não possibilitem a passividade do aprendiz.

Reflexivo: Preferem a reflexão para o processamento. São teóricos e gostam de trabalhar individualmente com tempo e espaço para abstração e levantamento de hipóteses.

Compreensão

Sequencial: Compreendem melhor com uma sequência lógica de etapas e lidam melhor com conhecimentos fragmentados para depois construir uma visão geral do assunto.

Global: necessitam de uma visão geral do conteúdo para compreendê-lo e interrelacionar os fragmentos descontextualizados.

Fonte: Silva, 2012
Estas preferências podem variar de acordo com as situações de aprendizagem, com o conteúdo e com as experiências do aprendiz (CAVELLUCCI, s.d.). A variação pode ocorrer com o tempo bem como em função do assunto e ambiente de ensino e a preferência por uma categoria pode ser forte, moderada ou fraca, o equilíbrio é ideal (TREVELIN et. al, 2008). Para a definição dos estilos de aprendizagem dos alunos do curso de Licenciatura em Pedagogia foi utilizado o Índice de Estilos de Aprendizagem (Index of Learning styles- ILS) de Felder e Soloman (1991 apud SILVA, 2012).

O instrumento é composto por 44 afirmativas incompletas que devem ser completadas pelo respondente, escolhendo uma das duas alternativas oferecidas (alternativa a ou b) (SENRA, 2009). O instrumento compreende 11 questões para avaliar as quatros diferentes dimensões, e as alternativas representam os polos contrários (CATHÓLICO, 2010).





Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal