Olhares da História 2 Brasil e mundo


Analise uma fonte primária



Baixar 3,11 Mb.
Página544/678
Encontro01.06.2019
Tamanho3,11 Mb.
1   ...   540   541   542   543   544   545   546   547   ...   678
Analise uma fonte primária

7 a) A mulher indígena tupi foi retratada em pé, carregando um bebê no braço direito. Seu braço esquerdo segura uma cesta apoiada no alto da cabeça. A mulher veste uma espécie de saia (um pano branco) e olha para a frente, para o observador.

b) Como vimos, os indígenas chamados de "tupil tiveram maior contato com o colonizador. É possível que o artista, na intenção de retratar a "bondadel e a quase "civilidadel dos tupis, tenha representado a mulher tupi utilizando elementos e objetos que podem representar tanto a engenhosidade dos tupis como o seu contato (e seu "aprendizadol) com o colonizador: as vestes brancas, para cobrir a nudez; a cabaça; o cesto (com objetos artesanais e com um vegetal dentro dele); o cabelo trançado, etc.

c) O cenário da pintura, especialmente à esquerda, apresenta outros aspectos de "civilidadel: a casa de uma fazenda, com plantações e com pessoas trabalhando. Esse cenário, tão próximo da mulher tupi, indica que ela, também, se aproxima e convive com os valores dos "homens brancosl.

d) A obra representa, em grande medida, a intenção do colonizador europeu de dividir os indígenas brasileiros entre "tupisl e "tapuiasl, ou seja, entre os povos "amigáveisl e os "estranhosl. Para os colonizadores, os "tapuiasl deveriam ser combatidos para dar prosseguimento ao projeto de expansão colonial. Se desejar ampliar a discussão com os alunos, você pode comparar a representação da mulher tupi com o retrato da mulher tapuia, produzida pelo mesmo artista. Para acessar essas obras de Eckhout, consulte: http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa10299/albert-eckhout. Acesso em: 2 fev. 2016.






Compartilhe com seus amigos:
1   ...   540   541   542   543   544   545   546   547   ...   678


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal