Olhares da História 2 Brasil e mundo



Baixar 3,11 Mb.
Página432/678
Encontro01.06.2019
Tamanho3,11 Mb.
1   ...   428   429   430   431   432   433   434   435   ...   678
287

Bibliografia

AKCELRUD, Isaac. O Oriente Médio. São Paulo: Atual/Campinas: Unicamp, 1985.

ALGRANTI, Leila M. D. João VI: os bastidores da independência. São Paulo: Ática, 1987. (Princípios).

ANDERSON, Perry. Linhagens do estado absolutista. São Paulo: Brasiliense, 1995.

ARIÈS, Philippe; DUBY, Georges. História da vida privada. São Paulo: Companhia das Letras, 1991-2. v. 5.

ARRUDA, José Jobson de. A grande Revolução Inglesa, 1640-1780: Revolução Inglesa e Revolução Industrial. São Paulo: Hucitec, 1996.

BARRACLOUGH, Geoffrey (Ed.) Atlas da história do mundo . São Paulo: Folha de S.Paulo/The Times, 1995.

BASCHET, Jérôme. A civilização feudal: do ano mil à colonização da América. São Paulo: Globo, 2006.

BERBEL, Márcia. Escravidão e política Brasil e Cuba (1826-1865). São Paulo: Hucitec: Fapesp, 2010.

BERNARDES, Denis. Um Império entre repúblicas: Brasil século XIX. São Paulo: Global, 1983.

BESOUCHET, L. Pedro II e o século XIX. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1993.

BETHELL, Lídia (Org.). História da América Latina. São Paulo: Edusp, 1998-2001. v. 1 a 4.

BITTENCOURT, Circe (Org.) O saber histórico na sala de aula. São Paulo: Contexto, 1997.

BRUIT, Hector. O imperialismo. São Paulo: Atual, 1986.

BUENO, Eduardo. A viagem do descobrimento: a verdadeira história da expedição de Cabral. Rio de Janeiro: Objetiva, 1998. (Terra Brasilis).

BURKE, Peter. A fabricação do rei: a construção da imagem pública de Luís XIV. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1994.

CALDEIRA, Jorge. Mauá: empresário do Império. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

CARDOSO, Ciro Flamarion (Org.). Escravidão e abolição no Brasil. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1988.

CARVALHO, Marcus. A construção da ordem: a elite imperial. Rio de Janeiro: Ed. da UFRJ/Relume-Dumará, 1996.

_______. Teatro de sombras: a política imperial. Rio de Janeiro: Ed. da UFRJ/Relume-Dumará, 1996.

CARVALHO, Maria Sílvia de. Homens livres na ordem escravocrata. São Paulo: Unesp, 1997.

CATANI, Afrânio Mendes. O que é imperialismo. São Paulo: Brasiliense, 1981. (Primeiros Passos).

CHAUÍ, Marilena. Brasil, mito fundador e sociedade autoritária. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2000.

_______. Conformismo e resistência: aspectos da cultura popular no Brasil. São Paulo: Brasiliense, 1996.

CHIAVENATO, Júlio J. As várias faces da Inconfidência Mineira. São Paulo: Contexto, 1997.

COOK, Michael. A. Uma breve história do homem. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2005.

COSTA, Emília V. da. Da senzala à colônia. São Paulo: Unesp, 1998. _______. A abolição. São Paulo: Unesp, 2010.

COSTA e SILVA, Alberto da. A enxada e a lança. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2006.

CROUZET, Maurice (Dir.). História geral das civilizações. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1996. v. 17.

CUNHA, Manuela C. História dos índios no Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

CURRAN, Mark. História do Brasil em cordel. São Paulo: Edusp, 1998.

DEANE, Phyllis. A Revolução Industrial. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1969.

DOBB, Maurice. A evolução do capitalismo. 9. ed. Rio de Janeiro: LTC, 1987.

DORATIOTO, Francisco. Maldita guerra: nova história da Guerra do Paraguai. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.

EISENBERG, Peter Louis. Guerra civil americana. São Paulo: Brasiliense, 1982.

FALCON, Francisco J. C. Mercantilismo e transição. São Paulo: Brasiliense, 1981.

FAORO, Raymundo. Os donos do poder. 10. ed. São Paulo: Globo, 1996.

FARIA, Sheila de Castro. A colônia em movimento. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1998.

FAUSTO, Bóris (Dir.). História do Brasil. São Paulo: Edusp, 1994.

_______. História geral da civilização brasileira. 3. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1995. v. 10-1.

FERRO, Marc. História das colonizações: das conquistas às independências, séculos XIII a XX. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.

_______ (Org.). O livro negro do colonialismo. Rio de Janeiro: Ediouro, 2004.

FLORENZANO, Maria Beatriz. As revoluções burguesas. São Paulo: Brasiliense, 1981.

FORTES, Luiz R. S. O Iluminismo e os reis filósofos. São Paulo: Brasiliense, 1981.

FREITAS, Marcos Cezar de (Org.). Historiografia brasileira em perspectiva. São Paulo: Contexto, 1998.

FURET, François. Dicionário crítico da Revolução Francesa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1989.

FURTADO, Celso. Formação econômica do Brasil. 25. ed. São Paulo: Nacional, 1995.

GODECHOT, Jacques. A Revolução Francesa: cronologia comentada, 1787-1799. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1989.

GOMBRICH, Ernst H. História da arte. 16. ed. São Paulo: LTC, 2000.

GONZÁLEZ, Horácio. A comuna de Paris: os assaltantes do céu. São Paulo: Brasiliense, 1981.

GOODY, Jack. O roubo da História. São Paulo: Contexto, 2008.

GORENDER, Jacob. Marxismo sem utopia. São Paulo: Ática, 1999.

GRINBERG, Keila e SALLES, Ricardo (Org.). O Brasil Imperial III: 1870-1889. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2009.

HALPERIN DONGHI, T. História da América Latina. 2. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1989.

HILL, Cristopher. O eleito de Deus: Oliver Cromwell e a Revolução Inglesa. São Paulo: Companhia das Letras, 1988.

_______. O mundo de ponta-cabeça: ideias radicais durante a Revolução Inglesa de 1640. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.

HOBSBAWM, Eric. A era das Revoluções: Europa - 1789-1848. 19. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2005.

HOLANDA, Sérgio B. de; FAUSTO, Boris (Dir.). História geral da civilização brasileira. 6. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1996. v. 1-11.

HOURANI, Albert H. Uma história dos povos árabes. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

IGLÉSIAS, Francisco. A Revolução Industrial. São Paulo: Brasiliense, 1981.

JANCSÓ, Istvan. Na Bahia, contra o Império: história do ensaio de sedição de 1798. São Paulo: Hucitec/Salvador: Ed. da UFBA, 1996.

KARNAL, Leandro. [et al.] História dos Estados Unidos: das origens ao século XXI. São Paulo: Contexto, 2008.

LEGOFF, Jacques. História e memória. Campinas: Unicamp, 1992.

_______. Por amor às cidades: conversações com Jean Lebrun. São Paulo: Unesp, 1988.

LETTS, Rosa Maria. O Renascimento. São Paulo: Círculo do Livro, [s.d.]

288

LINHARES, Maria Yedda (Org.). História geral do Brasil. 5. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1990.

MAESTRI, Mário. O escravismo no Brasil. São Paulo: Atual, 1994.

MARQUES, Maria Eduarda C. M. A guerra do Paraguai: 130 anos depois. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1995.

MARX, Karl. Formações econômicas capitalistas. São Paulo: Paz e Terra, 1985.

_______. Manifesto do Partido Comunista. São Paulo: Global, 1984.

MATTOSO, Kátia de Queirós. Ser escravo no Brasil. São Paulo: Brasiliense, 1990.

MAXWELL, Keneth. A devassa da devassa: a Inconfidência Mineira, Brasil e Portugal, 1750-1808. São Paulo: Paz e Terra, 1995.

MELATTI, Júlio Cezar. Índios do Brasil. São Paulo: Hucitec, 1993.

MELLO, Alex Fiuza de. Marx e a globalização. São Paulo: Boitempo, 1999.

MELLO, Evaldo Cabral de. O negócio do Brasil. Rio de Janeiro: Topbooks, 1998.

_______. Olinda restaurada. Rio de Janeiro: Topbooks, 1997.

MICELI, Paulo. O mito do herói nacional. São Paulo: Contexto, 1997.

MONTEIRO, Hamilton M. Brasil Império. São Paulo: Ática, 1990. (Princípios).

MOTA, Carlos Guilherme (Org.). Brasil em perspectiva. São Paulo: Difel, 1976.

_______ (Org.). Viagem incompleta: a experiência brasileira (1500-2000). São Paulo: Senac, 2000. v. 2.

MULLETT, Michael. A contrarreforma. Lisboa: Gradiva, 1985.

MUMFORD, Lewis. A cidade na História. Belo Horizonte: Itatiaia, 1965.

MUNANGA, Kabengele. Origens africanas do Brasil contemporâneo: histórias, línguas, culturas e civilizações. São Paulo: Global, 2009. p. 93.

NOVAES, Adauto (Org.). A descoberta do homem e do mundo. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

NOVAIS, Fernando A. (Dir.). História da vida privada no Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 1998. 4. v.

_______. Portugal e Brasil na crise do antigo sistema colonial. 4. ed. São Paulo: Hucitec, 1986.

OZOUF, Mona. Varennes: a morte da realeza. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

PARRON, Tâmis. A política da escravidão no Império do Brasil, (1826-1865). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

PEREGALLI, Enrique. A América que os europeus encontraram. São Paulo: Atual, 1994.

PERRAULT, Gilles (Org.). O livro negro do capitalismo. Rio de Janeiro: Record, 1999.

PERROT, Michelle. Os excluídos da história: operários, mulheres e prisioneiros. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.

PERRY, Marvin et al. Civilização ocidental: uma história concisa. São Paulo: Martins Fontes, 1985.

PINSKY, Jaime (Org.). A escravidão no Brasil. São Paulo: Contexto, 1998.

_______. História da América através de textos. São Paulo: Contexto, 1994.

POMER, Leon. As independências na América Latina. São Paulo: Brasiliense, 1981.

_______. Paraguai: nossa guerra contra esse soldado. São Paulo: Global, 1984.

PRADO JÚNIOR, Caio. Formação do Brasil contemporâneo. 21. ed. São Paulo: Brasiliense, 1989.

_______. História econômica do Brasil. 38. ed. São Paulo: Brasiliense, 1990.

PRIORE, Mary del; VENÂNCIO, Renato Pinto. Ancestrais: uma introdução à história da África Atlântica. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

RAMOS, Rui (Coord.). História de Portugal. Lisboa: A Esfera dos Livros, 2009.

RESENDE, Maria Efigênia Lage; VILLALTA, Luiz Carlos (Org.). História de Minas Gerais: as minas setecentistas. Belo Horizonte: Autêntica/Cia. do Tempo, 2007. v. 1-2.

REVISTA Brasileira de História: Dossiê Identidades/Alteridades. São Paulo. v. 19, n. 38, 1999.

REVISTA de História da Biblioteca Nacional. Vários números. Rio de Janeiro: Sabin.

REVISTA História Viva. Vários números. São Paulo: Duetto.

RIBEIRO, Renato Janine. A etiqueta no Antigo Regime: do sangue à doce vida. São Paulo: Brasiliense, 1983.

RODRIGUES, Antonio E. M.; FALCON, Francisco J. C. Tempos modernos: ensaios de História Cultural. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2000.

SALE, Kirkpatrick. Inimigos do futuro: a guerra dos luditas contra a Revolução Industrial e o desemprego: lições para o presente. Rio de Janeiro: Record, 1999.

SANDRONI, Paulo. Novíssimo dicionário de Economia. São Paulo: Best Seller, 2000.

SANTIAGO, Theo (Org.). Do feudalismo ao capitalismo: uma discussão histórica. São Paulo: Contexto, 1992.

SCHWARCZ, Lília Moritz. As barbas do imperador. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.

________(Dir.). A construção Nacional: 1830-1889. Rio de Janeiro: Objetiva, 2012.

________; REIS, Letícia V. de S. (Org.). Negras imagens: ensaios sobre cultura e escravidão no Brasil. São Paulo: Edusp, 1996.

SCHWARTZ, Stuart B. Segredos internos. São Paulo: Companhia das Letras, 1988.

SELLERS, C.; MAY, H.; McMILLEN, N. R. Uma reavaliação da história dos Estados Unidos: de colônia a potência imperial. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1990.

SEVCENKO, Nicolau. O Renascimento. 17. ed. São Paulo: Atual, 1994.

SKINNER, Quentin. As fundações do pensamento político moderno. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

SOBOUL, Albert. A Revolução Francesa. São Paulo: Difel, 1974.

SOUZA, Laura de M. E. Desclassificados do ouro. Rio de Janeiro: Graal, 1986.

_______. O império deste mundo, 1680-1720. São Paulo: Companhia das Letras, 2000. (Virando Séculos, 4).

STALLYBRASS, Peter. O casaco de Marx: roupas, memória, dor. Belo Horizonte: Autêntica, 1999.

THOMPSON, Edward P. A formação da classe operária. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987. v. 3.

TOCQUEVILLE, A. A democracia na América. São Paulo: Edusp, 1977.

TODOROV, Tzvetan. A conquista da América: a questão do outro. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

TULARD, Jean. História da Revolução Francesa (1789-1799). Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1989.

VAINFAS, Ronaldo (Dir.). Dicionário do Brasil Colonial (1500-1808). Rio de Janeiro: Objetiva, 2000.

_______. Dicionário do Brasil imperial (1822-1889). Rio de Janeiro: Objetiva, 2002.

_______. Dicionário do Brasil joanino. Rio de Janeiro: Objetiva, 2008.

VOVELLE, Michel. A Revolução Francesa (1789-1799). São Paulo: UNESP, 2012.

_______. .Jacobinos e jacobinismo. Bauru, SP: Edusc, 2000.

WASSERMAN, Cláudia (Coord.). História da América Latina: cinco séculos. Porto Alegre: UFRGS, 1996.

WEBER, Max. A ética protestante e o espírito do capitalismo. 8. ed. São Paulo: Pioneira, 1994.

WESSELING, Hill L. Dividir para dominar: a partilha da África (1880-1914). Rio de Janeiro: UFRJ/Revan, 1998.

WILSON, Edmund. Rumo à estação Finlândia. São Paulo: Companhia das Letras, 1986.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   428   429   430   431   432   433   434   435   ...   678


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal