O sustento, só por si, não basta



Baixar 42,4 Kb.
Página1/8
Encontro10.04.2018
Tamanho42,4 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8

TEMA III | EU COM OS OUTROS
p. 187

O sustento, só por si, não basta

No trabalho com crianças institucionalizadas tenho observado que a comida e as coisas necessárias à subsistência não são o suficiente. Provence e Lipton (1962) estudaram um grupo de crianças num orfanato que eram alimentadas de quatro em quatro horas e recebiam cuidados de uma maneira rotineira, aparentemente adequada. Sobreviviam bastante bem fisicamente, mas não se desenvolviam em muitos outros aspetos. Estavam atrasadas em relação aos marcos motores de referência e pareciam preferir ficar deitadas na cama todo o dia a olhar para as mãos ou para um móbil por cima das cabeças. Não conseguiam sentar-se ou pôr-se de pé e mostravam pouco interesse quando as ajudavam a fazê-lo. Não provocavam reações nos adultos presentes e reagiam pouco nitidamente quando as levantavam ou pegavam nelas ao colo. Retraíam-se se alguém tentava falar ou brincar com elas, escondendo-se por detrás das mãos abertas e esticadas. À medida que cresciam, foram desenvolvendo reações estereotipadas, sem emoção, que não eram estimulantes para as pessoas que as rodeavam. Continuaram, no entanto, a desenvolver o comportamento motor até cerca dos quatro ou cinco meses de idade, mas, depois, esse desenvolvimento cessou e a maioria começou a regredir. A resposta emocional neutra aos estímulos exteriores passou a ser acompanhada de uma falta de impulso para continuarem, por si mesmas, a ter iniciativa. Finalmente, estes bebés tornaram-se retraídos, aparentemente deficientes e atrasados em todas as realizações comportamentais. Este estudo mostrou-me que há um impulso interno suficiente para o bebé prosseguir durante alguns meses, mas que sem estímulos interpessoais e ambientais a energia para o desenvolvimento subsequente acaba decorridos quatro ou cinco meses.






Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
Conselho nacional
terapia intensiva
ensino médio
oficial prefeitura
Curriculum vitae
minas gerais
Boletim oficial
educaçÃo infantil
Concurso público
seletivo simplificado
saúde mental
Universidade estadual
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
assistência social
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
outras providências
recursos humanos
Dispõe sobre
secretaria municipal
psicologia programa
Conselho municipal
Colégio estadual
consentimento livre
Corte interamericana
Relatório técnico
público federal
Serviço público
língua portuguesa