Novo currículo para o curso de psicologia



Baixar 348,75 Kb.
Página1/7
Encontro04.03.2018
Tamanho348,75 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7


CONEP – UFSJ

Parecer No 001/2011

Aprovado em 23/02/2011

CURSO DE PSICOLOGIA

PROJETO PEDAGÓGICO


DO
CURSO DE PSICOLOGIA

SÃO JOÃO DEL-REI

2010

Colegiado do Curso de Psicologia

Coordenador: Prof. Wilson Camilo Chaves


Vice-Coordenador: Prof. João César de Freitas Fonseca
Membros do Colegiado:
Profª Maria Nivalda de Carvalho Freitas

Profª Marina de Bittencourt Bandeira

Profª Maria Amélia Cesari Quaglia

Acadêmica Marília Santana Alves



SUMÁRIO
I . Apresentação

II. Justificativa



III . Princípios gerais

1.Objetivos

2.Perfil do profissional
IV. Currículo do Curso de Psicologia:


  1. Núcleo Comum da Formação do Psicólogo

1.1. Eixos Estruturantes do Núcleo Comum

  1. 1.2. Competências e Habilidades do Núcleo Comum

  2. 1.2.1.Competências do Núcleo Comum

  3. 1.2.2. Habilidades do Núcleo Comum

  4. 1.3. Unidades curriculares, atividades complementares e estágios do Núcleo

  5. Comum

  6. 1.4. Distribuição e carga horária das unidades curriculares e estágios do Núcleo

  7. Comum


2. Formação Específica nas Ênfases Curriculares

2.1. Competências da Ênfase curricular em Psicologia Clinica e Saúde Mental

2.2. Competências da Ênfase curricular em Processos Psicossoais e Socio-

educativos

2.3. Distribuição e carga horária das unidades curriculares e estágios específicos
V . Estratégias de ensino/aprendizagem

1.Princípios básicos

2.Atividades acadêmicas

3.Avaliação


VI. Matriz curricular

VII. Sistema de Avaliação Periódica do Curso



VIII. Considerações finais

ANEXOS
Anexo I . Unidades curriculares e estágios correspondentes aos Eixos Estruturantes e às Habilidades e Competências.
Anexo II. Ementas, objetivos, conteúdo programático e bibliografia das unidades curriculares obrigatórias.

Anexo III. Ementas, carga horária e pré-requisitos das unidades curriculares optativas e dos estágios.
PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PSICOLOGIA


I -APRESENTAÇÃO
O Colegiado do Curso de Psicologia da UFSJ propõe a atualização do seu projeto pedagógico, com base nas exigências das Diretrizes Curriculares Nacionais estabelecidas pelo MEC para os cursos de graduação em Psicologia, aprovadas pelo Parecer CNE/CES 072/2002 e atualizadas pela Resolução CNE, N.8/2004 e com base, ainda, nas exigências do Parecer CNE/CES 184/2006, do Parecer CNE/CES 153/2007 e da Resolução CNE/CES de 18/06/2007. Este projeto pedagógico está em consonância ainda com as normas previstas na Resolução 001/2003 do Conselho Acadêmico, na Resolução 023/2008 do CONEP e no Regimento Geral da UFSJ.

Baseando nos documentos do MEC, citados acima, o projeto pedagógico do Curso de Psicologia, aqui proposto, foi atualizado com relação à distribuição das competências e habilidades a serem desenvolvidas pelos alunos, ao longo do curso, tal como estabelecido pelas Diretrizes Curriculares para todos os cursos de Psicologia do Brasil. Foi atualizado, também, para contemplar a exigência de um patamar mínimo de horas de curso (4.000 horas), respeitando-se a porcentagem máxima de horas (20%), deste total, que devem ser destinadas às atividades acadêmicas referentes a estágios e atividades complementares.

Este projeto pedagógico foi atualizado, ainda, para contemplar a exigência, estabelecida pela UFSJ, de um aumento no total de horas das unidades curriculares a serem lecionadas no curso, de forma a serem oferecidas durante 18 semanas, a cada semestre letivo. Para isto, as unidades curriculares do presente currículo, previamente definidas em 60 horas, foram aumentadas para 72 horas, enquanto que as de 30 horas foram aumentadas para 36 horas. Este acréscimo será preenchido, em cada unidade curricular do curso, por meio de diversos conteúdos e procedimentos pertinentes aos seus objetivos, visando o aprofundamento da formação teórico-metodológica dos alunos, nas competências e habilidades que necessitam ser desenvolvidas por eles, tal como exigido pelas Diretrizes Curriculares. Tendo em vista a complexidade destas habilidades e competências previstas na formação do aluno e a diversidade de campos do conhecimento a que se referem, assim como as diversas áreas de aplicação a que se dirigem, este acréscimo de horas será importante para o aprofundamento e a consolidação destes conhecimentos desenvolvidos em cada unidade curricular.

O curso de Psicologia visa a formação do aluno em conhecimentos bastante diversificados, previstos nas Diretrizes Curriculares, tais como a fundamentação histórica e epistemológica, os conhecimentos de outras áreas que fazem interface com a Psicologia, como as áreas biológicas (Neuroanatomia e Neurofisiologia) e Ciências Sociais e Humanas (ex. Filosofia, Antropologia e Sociologia), os fundamentos teórico-metodológicos de produção do conhecimento e as habilidades instrumentais básicas (diferentes metodologias de pesquisa, instrumentos de medida e estratégias de avaliação e estatística) e os conhecimentos dos fenômenos e processos psicológicos básicos, que constituem classicamente objeto de investigação da Psicologia. Além disso, o curso prevê ainda a formação do aluno nas habilidades e competências básicas da Psicologia, tais como a observação de indivíduos e grupos em diversos contextos, a entrevista psicológica, a avaliação psicológica, a elaboração e validação de instrumentos, dentre outras. A formação básica do aluno envolve ainda os conhecimentos das teorias psicológicas do desenvolvimento humano, diferentes teorias da personalidade e abordagens psicoterapêuticas diversas e os conhecimentos dos transtornos mentais em diferentes perspectivas. Envolve ainda a formação do aluno nas habilidades e competências específicas a serem desenvolvidos nas diversas áreas da Psicologia (área da Psicologia Clinica e Saúde Mental, da Psicologia Escolar/Educacional, da Psicologia Social, da Psicologia do Trabalho e da Psicologia Experimental). Uma descrição detalhada dos conhecimentos, habilidades e competências a serem contempladas na formação do aluno de Psicologia, encontra-se na descrição deste Projeto Pedagógico.

Esta diversidade, própria do curso de Psicologia, requer um aprofundamento e uma consolidação constantes dos conhecimentos, habilidades e competências adquiridas pelos alunos, por meio de recursos a serem utilizados nas unidades curriculares, aulas teóricas e aulas práticas, assim como estágios supervisionados. O aumento da carga horária para 18 semanas, conforme exigência da UFSJ, fornecerá mais uma oportunidade de consolidação da formação do aluno. Os conteúdos e práticas a serem integrados, a cada unidade curricular, poderão ser desenvolvidos, a critério de cada professor, tanto em sala de aula, quanto por meio do ensino a distância ou em situações práticas de aplicação do conhecimento, segundo sua pertinência aos objetivos visados.

O Curso de Psicologia realizou, ainda recentemente, uma modernização curricular, com base nas Diretrizes Curriculares, onde foi feita uma mudança radical na composição do seu conteúdo, bem como uma redução em sua carga horária e no numero de suas unidades curriculares. Esta modernização foi feita a partir de uma ampla discussão com o corpo docente e discente, em um longo processo de reuniões sucessivas de sub-grupos, grupos, várias comissões curriculares e assembléias.

Foi feita ainda uma reorganização das unidades curriculares, em torno de duas ênfases, conforme exigência das Diretrizes Curriculares, que permitiu a flexibilização do curso, podendo o aluno, desde então, direcionar a sua formação, a partir de uma ou duas destas ênfases, conforme a sua necessidade e suas aspirações. Esta flexibilização permite, portanto, que o aluno termine o curso em maior ou menor tempo de formação, em função de sua orientação referente às ênfases curriculares, respeitada a legislação pertinente, que estabelece um mínimo de 5 anos, para a integralização do Curso de Psicologia (art.2, inciso III, letra d, da Resolução N.2 de 18/06/2007 do CNE/CES). Esta modernização curricular é muito recente (primeiro semestre de 2004) e se encontra ainda em processo de consolidação, tendo em vista que, no segundo semestre de 2009, o Colegiado ainda gerenciava a transição de alunos ao novo currículo. O Colegiado considera, portanto, que tendo em vista este contexto de mudanças recentes no curso de Psicologia da UFSJ, a atualização proposta, neste documento, contempla todas as mudanças necessárias para atender as exigências legais. Cabe ressaltar que o curso de Psicologia da UFSJ foi bem avaliado pelo INEP/MEC, em 2006, tendo sido classificado no 5º lugar, dentre os demais cursos de Psicologia do país. Além disso, em uma recente pesquisa de levantamento junto ao corpo discente, realizada em final de 2009, constatou-se que a maioria dos alunos considerou como boas ou muito boas as condições oferecidas para a formação dos conhecimentos, das habilidades e das competências básicas e específicas da formação do psicólogo, estabelecidas pelas Diretrizes Curriculares. Dentre os 34 itens de avaliação das condições de formação dos alunos, 32 foram avaliados como bons ou muito bons.

O objetivo geral do Curso de Graduação em Psicologia da UFSJ, em consonância com as Diretrizes Curriculares Nacionais, é o de promover a formação do psicólogo para a atuação profissional, para a pesquisa e para o ensino, preservando assim a indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão. Entretanto, embora tenham sido previstas atividades acadêmicas que preparem o aluno para o ensino, o Colegiado decidiu que este projeto pedagógico não contemplará a capacitação específica de Professor de Psicologia, a qual requer um projeto pedagógico complementar e diferenciado (CNE, N8/2004, art. 13).

A formação do psicólogo contemplada neste projeto pedagógico se baseia nos princípios e compromissos estabelecidos pelas Diretrizes e tem como objetivo geral dotar o profissional dos conhecimentos requeridos para o exercício das competências e habilidades gerais ali definidas e descritas no decorrer deste texto. A formação em Psicologia, aqui descrita, contempla ainda a articulação dos conhecimentos, competências e habilidades do profissional em torno dos Eixos Estruturantes definidos pelas Diretrizes. O curso de Psicologia visa garantir uma formação plural e generalista do aluno, nas principais abordagens teórico-metodológicas e modelos explicativos deste campo de conhecimento e assegurar uma atuação profissional em diferentes contextos institucionais e sociais.

A estrutura do curso de Psicologia da UFSJ, em conformidade com as exigências das Diretrizes Curriculares, contempla dois componentes: 1. A formação básica do aluno em um Núcleo Comum, que constitui a base homogênea para a formação do Psicólogo no País e visa o desenvolvimento de competências e habilidades básicas à formação profissional; 2. A Formação Específica, diferenciada em duas ênfases curriculares, as quais constituem um conjunto delimitado e articulado de competências e habilidades específicas, que configuram oportunidades de concentração e aprofundamento do conhecimento, a partir do oferecimento de unidades curriculares e estágios específicos. As duas ênfases curriculares oferecidas são: 1. Processos Psicossociais e Sócio-educativos e 2. Psicologia Clinica e Saúde Mental. Segundo as Diretrizes Curriculares, a estrutura do curso deve prever o oferecimento de, pelo menos, duas ênfases curriculares, que permitam a sua flexibilização, assegurando a possibilidade de escolha pelo aluno. As duas ênfases curriculares oferecidas, neste projeto pedagógico, permitem esta flexibilização e oferecem oportunidades de aprofundamento da formação dos alunos, em diversos contextos da prática profissional, adaptadas às condições institucionais e às necessidades regionais.

A estrutura do curso inclui ainda, em conformidade com as exigências das Diretrizes Curriculares, estágios curriculares supervisionados oferecidos em dois níveis e distribuídos ao longo do curso: 1. O Estágio Básico, que visa a prática das competências e habilidades básicas da formação do aluno, no Núcleo Comum e 2. O Estágio Específico, que visa a prática das competências e habilidades específicas do psicólogo, definidas nas Ênfases curriculares, visando o aprofundamento e consolidação da formação do aluno. Estes estágios estão programados para serem oferecidos, respeitando-se a exigência máxima de horas (20%), em relação ao total de horas do curso como um todo (Resolução CES/CNE, 06/2007).

O projeto pedagógico de Psicologia da UFSJ contempla a integração entre o curso de graduação e o Programa de Mestrado em Psicologia da UFSJ, que já se encontra em funcionamento desde março de 2008. Esta integração está prevista na realização de estágios curriculares e atividades acadêmicas complementares, onde os alunos de graduação poderão participar de atividades conjuntas com os mestrandos, no desenvolvimento de projetos e sub-projetos de pesquisa, contemplados nos estágios e na iniciação científica, articulados com as dissertações dos alunos do mestrado. Está prevista, ainda, a participação supervisionada dos mestrandos (estágio docência) em atividades de orientação e ensino nas unidades curriculares da graduação. Além disso, atividades conjuntas podem ser realizadas, como, por exemplo, a participação em palestras e conferencias e apresentação conjunta de trabalhos de pesquisa.

Este projeto pedagógico inclui ainda um Sistema de Avaliação Periódica do Curso de Psicologia, que visa uma constante melhoria de suas condições de oferta, a partir da informação obtida em avaliações periódicas integradas. Este sistema envolve a realização de avaliações a respeito da percepção que os professores, alunos e coordenadoria apresentam a respeito de suas condições de funcionamento.

O Curso de Psicologia é oferecido em dois turnos, um integral e o outro noturno, que envolvem a formação do aluno em 10 períodos letivos e 11 períodos letivos, respectivamente. São oferecidas 35 (trinta e cinco) vagas para cada turno, em dois processos seletivos distintos de ingresso no curso.

Esse documento apresenta, a seguir, a descrição das condições de oferta do curso de Psicologia, assim como a descrição dos objetivos, das competências e habilidades do Núcleo Comum e da Formação Específica nas duas ênfases curriculares. Apresenta, ainda, as atividades acadêmicas a serem realizadas pelos alunos no decorrer do curso, a matriz curricular, o ementário, a carga horária, o conteúdo programático e os pré-requisitos das unidades curriculares e estágios.





Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal