No caso a caso da escola


AS CONVERSAÇÕES: “que cada um contribua com pequena quota”



Baixar 29.79 Kb.
Página2/7
Encontro18.03.2018
Tamanho29.79 Kb.
1   2   3   4   5   6   7
AS CONVERSAÇÕES: “que cada um contribua com pequena quota”
As Conversações não seriam uma “conversa qualquer”, embora possam acolher, inicialmente, “qualquer conversa”, em grupo. Seu princípio ético tem na psicanálise sua base: ‘falar livremente’ sobre o que perturba o funcionamento do sujeito e da instituição, em um substrato que toma a cadeia discursiva, onde um significante chama outro significante. Cada palavra nova relança representações que deslocam sentidos ou criam novos argumentos, dando abertura às invenções singulares.

O termo “conversação” evoca os diálogos de Sócrates e Platão na Grécia antiga, quando, nos ‘banquetes’, se debatiam os temas propostos. Não se tratava de uma conversa qualquer, pois envolvia “concurso íntimo entre pessoas”, afirma Jacques Lacan. E interroga: “O que é, então, o banquete?” (LACAN, [1960-1961] 1985, p. 29). Responde afirmando que se trata de uma ‘cerimônia’ marcada por regras e ritos, em que a troca de intimidades propiciava um jogo de sociedade. “O regulamento que ali se impõe nada tem de excepcional – que cada um dê sua quota, sob forma de uma pequena contribuição, que consiste num discurso pautado sobre um tema” (LACAN, [1960-1961] 1985, p. 29). “Que cada um dê sua quota” sobre um tema comum que se discute parece ser o ponto de ligação entre as Conversações com base psicanalítica e os diálogos de Platão.

As Conversações não acatam estatutos de verdades generalizáveis, mas aceitam o desafio de que, em grupo, uma cisão intrapsíquica subjetiva opere. Assim, o sujeito do inconsciente poderá se expressar, dando contornos aos efeitos perturbadores do mal-estar na cultura, em cada um, com chance de encontrar palavras que o representem. “Aquele que vai tomar a palavra escapa à razão e ao entendimento”, lembra Philippe Lacadée (2003, p. 14). Aí, então, novas e inesperadas janelas poderão se abrir para aquele que se enuncia pela palavra.


Catálogo: secoes -> inst -> novo -> agenda eventos -> inscricoes -> PDF SWF
PDF SWF -> Jornadas de criação – arteterapia no espaço de formação de professores
PDF SWF -> O que o jornal de hoje nos traz? reflexões acerca do discurso sobre o autismo na mídia
PDF SWF -> O adulto e a dimensão traumática da educação Roséli M. Olabarriaga Cabistani1
PDF SWF -> O brincar entre a criançA, o analista e a instituiçÃo educacional primária
PDF SWF -> Riscos na internet: se inserir ou sair da cena do mundo1 Patricia da Silva Gomes2
PDF SWF -> O princípio político da/na educaçÃo infantil brasileira: uma discussão sobre práticas democráticas e cidadania infantil
PDF SWF -> Autora: Lucineia Silveira Toledo
PDF SWF -> Adolescência e violência: o encontro traumático com o real thaís Sarmanho Paulo
PDF SWF -> ContribuiçÕes psicanalíticas acerca da posiçÃo subjetiva do adolescente na sua relaçÃo com o saber
PDF SWF -> Conversas na praçA

Baixar 29.79 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
ensino médio
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
Curriculum vitae
oficial prefeitura
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
educaçÃo física
saúde conselho
assistência social
santa maria
Excelentíssimo senhor
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
outras providências
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
secretaria municipal
Dispõe sobre
Conselho municipal
recursos humanos
Colégio estadual
consentimento livre
ResoluçÃo consepe
psicologia programa
ministério público
língua portuguesa
público federal
Corte interamericana