Matriz de atividade individual



Baixar 499,31 Kb.
Página1/6
Encontro03.03.2019
Tamanho499,31 Kb.
  1   2   3   4   5   6



Matriz de atividade individual*





Módulo: TI nas organizações- estratégias e conceitos

Atividade: Analisar o papel da internet como ferramenta de TI e seus impactos nos diversos setores da economia

Título: Papel da internet como ferramenta de TI e seus impactos nos diversos setores da economia

Aluno: Walter Dominguez

Conhecimento: Gestão da tecnologia da informação

Turma: GTIEAD_T0069_0811 GTIEAD

Introdução
Nos diversos papeis da internet como ferramenta de TI, o assunto escolhido foi a customização em massa por demanda de tópicos de conhecimento, através da visualização de dados independentes da estrutura de arquivamento.



Justificativa
Um dos gargalos tecnológicos ao meu ver, esta no excesso de dados, poucas informações e escasso conhecimento. Portanto há necessidade de filtros inteligentes e com bom senso, que customizem visualizações de informações, permitindo criar e gerenciar relacionamentos dinâmicos entre conjuntos de dados e suas camadas de dados, independente da forma como estão armazenados.


Desenvolvimento
Vamos começar com alguns conceitos:
Customização – Buscando o conceito cognitivamente distante em outra área (ver em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1679-39512009000400004 ) é algo que tenha sido personalizado conforme a necessidade do usuário.
Cognitivamente distante – ver o item “O problema com oportunidades cognitivamente distantes” no artigo “a nova psicologia da lideranças estratégica” da revista HBR.
Demanda em massa – é a procura de informação personalizada por uma grande quantidade de usuário.
Visualização- são filtros para representar dados com precisão em qualquer lugar, com qualquer quantidade de usuários e independente de processos de obtenção.
Regras – ë um conjunto de condições que determinam uma ou mais ações para serem usadas como guia.
A medida que as regras de negócios sejam informadas pelos próprios especialistas através de interfaces elaboradas por eles mesmos (pois são eles quem entendem do negocio) essa lacuna entre o usuário e TI irá desaparecer. Caberá a TI disponibilizar os recursos para que a solicitação seja atendida, não havendo necessidade da TI adquirir o conhecimento que o usuário já possui, sem precisar reinventar a roda.

A Wikipédia é um exemplo em que os próprios usuários colocam seus próprios conhecimentos, onde a interface para o conhecimento esta na própria enciclopédia de tópicos sem a necessidade de um sistema para isto.



Imagine um contador criando um plano de contas e colocando estas regras de classificação em uma interface elaborada por ele mesmo (na linguagem dele mesmo ou seja na linguagem contábil) que faz parte do tópico plano de contas.
Interface de Conhecimento (plano de contas) e interface de dados (lançamentos) são transformados e atualizados de forma assíncrona em enciclopédias de tópicos. Assim diversos componentes (interfaces feitas por administradores, auditores, donos de negócios, stakeholders...) podem usar o conhecimento já existente.





A existência de bancos de dados com bibliotecas virtuais de conhecimento consolidado permite armazenar e agilizar a busca por características (filtros) que mais se aproximem das variáveis das necessidades do usuário, o que contribui para uma visualização mais rápida e menos complexa. Nesse sentido, uma alternativa para otimizar as atividades de customização envolve a adoção do paginas dinâmicas que se auto configurem.

Clicar no link abaixo para ver figura customizada no site em desenvolvimento utilizando os conceitos aqui mencionados.
http://apoie.net.br/desenvolvimento/ProcessoVisualizacao.html#Quero(['1'])
melhor visualizado no firefox



Conclusão
O usuário (individuo) é que sabe o que quer (necessidades, desejos e sonhos) e é ele quem define o que quer, independente de lugar, tempo e processo, usando para isto a internet como ferramenta de TI e impactando na absorção mais produtiva, dos diversos tópicos de conhecimento, utilizados nos vários setores da economia.





Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal