Marcos Cabral Uso da Língua Tétum no ensino-aprendizagem do Português le na Universidade Nacional Timor Lorosa´e


Período de ocupação indonésia (1975-1999)



Baixar 2,09 Mb.
Página7/44
Encontro21.06.2019
Tamanho2,09 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   ...   44
Período de ocupação indonésia (1975-1999)

Durante o período de ocupação indonésia, a política linguística das autoridades foi idêntica àquela que fora seguida no restante arquipélago indonésio: o bahasa indonésia foi introduzido como língua de unificação e modernização. O ensino do português foi praticamente proibido (com poucas exceções, por e.g. Externato de S. José) e o uso do tétum nas salas de aulas e escolas era desencorajado. A transmigração também promoveu a disseminação do indonésio (Taylor-Leech, 2005: 117), no território timorense.



Em 2004, as autoridades de Timor-Leste realizaram o primeiro censo da população e habitação. Uma das perguntas do questionário era sobre a “língua materna” dos respondentes, definida como “a língua habitualmente usada na casa do respondente durante a infância”. Os dados obtidos, para uma população total de 741530 habitantes, foram os apresentados no quadro seguinte:

Língua




Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   ...   44


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal