Literatura Brasileira e Estrangeira continuação página 78



Baixar 343,52 Kb.
Página1/9
Encontro05.07.2018
Tamanho343,52 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9

Literatura Brasileira e Estrangeira continuação página 78

Fatal

TÍTULO ORIGINAL: FATAL
IDIOMA: Português.
ENCADERNAÇÃO: Brochura  | Formato: 14 x 21  | 448 págs. 
AUTOR: Michael Palmer
TRADUTOR: Haroldo Netto

A dor de garganta de Nattie Serwanga, uma jovem garçonete grávida, resulta em dores violentas e numa morte repentina. Logo, outros habitantes da pacata cidade de Belinda são acometidos do mesmo mal misterioso e fatal. Num hospital completamente ocupado por pacientes em estado de emergência, confusos, cheios de dor e sem perspectivas de cura, cabe ao médico Matt Ruttledge descobrir uma explicação para a violenta epidemia. Assim começa a trama de Fatal, publicado pela Rocco, décimo livro do médico americano Michael Palmer, que descobriu sua verdadeira vocação como escritor, no exercício do suspense clínico. Mais uma vez Palmer desenvolve uma história em que uma pesquisa médica ganha tons de investigação policial e na qual os vilões são poderosos membros de instituições para os quais o lucro vale mais do que vidas humanas. Em sua luta para salvar seus concidadãos, Matt Ruttledge escolhe como primeiro inimigo a empresa mineradora que garante os empregos em Belinda sem se preocupar com a segurança dos empregados ou os estragos ao meio ambiente. O perigo, no entanto, se revela ainda maior.


Ruttledge descobre que as mortes são resultado dos efeitos colaterais de uma vacina experimental testada na população da cidade anos atrás. A vacina, batizada de Omnivax, está para ser lançada no mercado em breve, prometendo revolucionar totalmente a prevenção de doenças. E a poderosa indústria farmacêutica responsável pelo produto não tem nenhuma intenção de abandonar essa mina de ouro por conta da oposição do médico de uma pequena cidade com um modesto grupo de seguidores e fará de tudo para impedi-los de lançar dúvidas sobre a eficiência da supervacina. Palmer cria um herói simpático e vilões detestáveis usando seus 20 anos de experiência tanto nas unidades de emergência onde pessoas abnegadas lutam contra a morte quanto nos contatos com grandes empresas americanas da área de saúde que tratam a doença como um negócio. E aproveita para soltar discretas farpas contra o programa de vacinação do governo americano.
O desejo de se tornar escritor sempre foi grande no jovem médico Michael Palmer mas o sonho só começou a se realizar durante as noites de leitura do grande sucesso dos anos 1970 Coma, do também médico Robin Cook. Palmer diz ter perguntado para a irmã por que Cook, seu colega de escola de medicina alguns anos mais velho, podia escrever um romance e ele não. O resultado da dúvida foi A irmandade, romance de 1982 sobre um grupo de enfermeiras que praticavam eutanásia em pacientes terminais, primeiro de uma série de sucessos. Com Fatal, Palmer confirma sua habilidade para transformar o cotidiano do exercício da medicina em tramas de suspense que contagiam o leitor.




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal