Julianna pereira gandra



Baixar 246,74 Kb.
Página2/14
Encontro16.01.2020
Tamanho246,74 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   14
(Carroll, 2002:13)

Ao meu pai, João José Gandra (in memorian),



que, lá em casa, sempre me achou corajosa”.





AGRADECIMENTOS

Hoje, mais do que nunca, compreendo a existência de uma força maior... Sei que essa força me ajudou a seguir este caminho que chegou ao fim. Sei também que será essa mesma força que me fará seguir sempre em frente por qualquer caminho. A Deus, que trouxe ao mundo a lei do amor, ofereço minha vida e peço sua benção para minha nova jornada que se inicia.

Agradeço a minha Mãe, Liana da Rocha Pereira Gandra, exemplo de força a ser seguido, e exemplo de amor, desprendimento, tantos momentos difíceis e também muitos alegres passamos juntas, e ela sempre esteve comigo, ao meu lado sempre pronta a me estender a mão.

Agradeço ao meu irmão, João José Gandra Júnior, pela força e palavras de incentivo, pois sempre me disse que sabia que eu iria conseguir, muito obrigada, por ser mais que um irmão, meu melhor amigo.

Agradeço ao meu noivo, Maurício Rocha de Carvalho Medeiros, através do seu apoio consegui chegar aqui, você sempre acreditou em mim e esteve ao meu lado, com seu amor sei que posso romper todas as barreiras que estiverem no meu caminho. Essa conquista também é sua.

Agradeço aos meus avós, tios, primos, que em suas orações, sempre estiveram comigo. Em especial aos meus tios Wilson José Pereira Filho (Val) de quem tenho apoio e a dedicação de um segundo pai e Angela Maria da Rocha Pereira Mesquita ao qual foi minha Supervisora de Campo e também exemplo para a escolha da minha profissão.

Agradeço a toda à equipe da Secretaria Municipal de Assistência Social de Cardoso Moreira, que me acolheu com tanto carinho durante os dois anos de Estágio Supervisionado.

Agradeço as minhas amigas Jaqueline Ferreira Pontes (amizade que nasceu pela fé), Vera Lúcia S. S. Jacuru e Lucy Venuto Gonçalves, que compartilharam comigo todos os momentos dessa trajetória, rimos juntas, choramos juntas, estivemos lado a lado em todos os momentos.

Agradeço aos Professores e Mestres Marco Antônio Pedro Vieira e Paulo Santos Freitas Júnior, que em toda trajetória do Curso de Graduação em Serviço Social, Foram mais que professores, amigos e principalmente exemplos de profissional a ser seguido.

Agradeço a Orientadora e Mestre Thais Tavares Bernardo, em que apesar do pouco tempo de convivência, mostrou-se muito amiga, paciente, onde me acolheu em minhas dificuldades, contribuindo no meu processo de conhecimento e pela dedicação para a realização deste trabalho.













Há homens que lutam e são bons. Há outros que lutam um ano e são melhores. Há os que lutam muitos anos e são muito bons. Mas há os que lutam toda a vida, esses são imprescindíveis.”



Bertold Brecht

RESUMO

Com o título “Criminalização do Dependente Químico e Atuação do Serviço Social frente aos Usuários de Álcool e outras Drogas: Uma realidade desafiadora ao Assistente Social”, este trabalho monográfico se propõe a realizar uma abordagem sobre o uso abusivo de álcool e outras drogas pela sociedade e apresentar alguns motivos que levam a dependência química a ser abordada com um viés de cunho criminal, ou seja, o indivíduo é excluído pela sociedade e visto como criminoso. Para tanto, conceituamos a categoria dependência química na sociedade brasileira, bem como o uso abusivo das substâncias psicoativas, apresentando e destacando também o papel do Estado na garantia dos direitos sociais. Dando ênfase para o papel dos Assistentes Sociais na efetivação dos direitos sociais dos usuários de álcool e outras drogas, e na inclusão social dos mesmos.

(1. Saúde 2. Uso Abusivo de Álcool e outras Drogas 3. Criminalização

4. Serviço Social)










Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   14


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal