Instituto de desenvolvimento educacional do alto uruguai faculdades ideau


Figura 6. Porque você escolheu a Psicologia? (2016) PSICO 01



Baixar 247.19 Kb.
Página9/11
Encontro04.03.2018
Tamanho247.19 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11
Figura 6. Porque você escolheu a Psicologia? (2016) PSICO 01
No gráfico acima é possível perceber que 50% dos entrevistados relataram ter escolhido a Psicologia por achar fascinante o desenvolvimento e os processos psíquicos, e 50% relataram ter escolhido a Psicologia por eliminação de matérias ou por estarem em dúvida em relação a qual profissão escolher. Mas mesmo esses que não tinham bem definido que realmente queriam a Psicologia, relataram que após a faculdade e que depois que ingressaram no mercado de trabalho, se apaixonaram pela Psicologia e hoje não se imaginam em outra profissão. Muitos á escolheram ou por se identificar ou talvez pelo simples fato de querer ajudar as pessoas ou entender a sí próprio como muitos dizem.



Baixar 247.19 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
ensino médio
terapia intensiva
Conselho nacional
minas gerais
oficial prefeitura
Curriculum vitae
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
saúde mental
educaçÃo infantil
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
Conselho regional
ensino aprendizagem
ciências humanas
políticas públicas
ResoluçÃo consepe
outras providências
secretaria municipal
catarina prefeitura
recursos humanos
Dispõe sobre
Conselho municipal
Colégio estadual
consentimento livre
psicologia programa
ministério público
conselho estadual
público federal
Serviço público