Este é o segundo número da Revista "Presença Ética" que tem como tema: Ética, Política e Emancipação Humana


Notas reflexivas sobre a concepção de



Baixar 0,94 Mb.
Página33/58
Encontro02.03.2019
Tamanho0,94 Mb.
1   ...   29   30   31   32   33   34   35   36   ...   58
Notas reflexivas sobre a concepção de

política em Hannah Arendt

Mary/ucia Mesquita42

Sâmya Rodrigues uemos43

Silvana Mara Morais Sentos44



Introdução
Hannah Arendt, filósofa e pensadora política, é identificada, comumente, com o pensamento neo-aristotélico, apesar de sempre ter procurado fugir de qualquer classificação no âmbito da teoria política. Preocupada com as questões de seu tempo, relembrou os ensinamentos da polis grega ao se interrogar pelo sentido da política na contemporaneidade. Ao formular tal questão, seu pensamento evidencia as marcas aristotélicas, afinal, assim como em Aristóteles, para Arendt, a política é a ciência arquitetônica da sociedade. Não temos, neste artigo, pretensão de desenvolver uma análise exaustiva sobre o pensamento de Hannah Arendt, mas tão somente sinalizar notas críticas 50bresua concepção de política, direcionando a argumentação para a seguinte Questão: ao admitir que a política, entendida enquanto ação cujo sentido é a liberdade, está na centralidade da vida' social, fica cancelada, no seu pensamento, a possibilidade objetiva quanto à superação da ordem burguesa.



Compartilhe com seus amigos:
1   ...   29   30   31   32   33   34   35   36   ...   58


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal