Ementa da disciplina



Baixar 150.5 Kb.
Página1/14
Encontro16.09.2018
Tamanho150.5 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   14




Programa de Pós Graduação em História – Mestrado

Profa. Dra. Marize Helena de Campos

Disciplina Gênero e Poder

2º. Semestre 2012

EMENTA DA DISCIPLINA

A disciplina Gênero e Poder tem por finalidade introduzir o mestrando em uma área de reflexão acerca da integração entre gênero e poder. Gênero tornou-se uma categoria e uma reflexão teórica muito relevante nas ciências humanas nas últimas três décadas. Sua produção teórica específica tem tido um desenvolvimento e uma produção crescente desde a década de 1970, em diálogo com as teorias sociais, com reflexões acerca das formas de poder e de desigualdade que são social e culturalmente produzidas. Sugere-se que sejam analisados, em primeiro momento, os mecanismos pelos quais o estudo de gênero se enquadra como uma categoria de análise histórica. A seguir, devem ser tratados os fenômenos sociais e os discursos que cercam o gênero na divisão sexual de poder e de trabalho. Em um terceiro momento serão observadas as mudanças sociais com o advento do capitalismo, uma vez que a maior necessidade da força de trabalho feminina dentro e fora do ambiente doméstico provocou tensões que afetaram a estrutura da sociedade, promovendo inúmeros questionamentos sobre a participação da mulher na sociedade. Por fim, devem ser considerados também os movimentos femininos que buscam romper com valores tradicionais, o que implica a observância do ‘machismo’ na consecução da busca pelo poder político e econômico e na afirmação de sua outra face, o ‘marianismo’.



METOLOGIA DE ENSINO

Aulas expositivas e dialogadas; exposição de filme para discussão; seminários.



ATIVIDADES DISCENTES (TEÓRICAS)

Estudo da bibliografia que será indicada.



ATIVIDADES DISCENTES (PRÁTICAS)

Apresentação de seminários;

Participação em debates sobre as leituras indicadas.

PROCEDIMENTOS DE AVALIAÇÃO

A avaliação será realizada levando em consideração as leituras propostas pela professora, a participação nos debates em sala de aula e a forma e conteúdo dos seminários apresentados.



BIBLIOGRAFIA

ALMEIDA, Maria Suely K. Colcha de retalhos: estudos sobre a família no Brasil. São Paulo: Brasiliense, 1982.

AZEVEDO, Francisca L. Nogueira de. Biografia e gênero. In: GUAZZELLI, Cesar Augusto Barcellos et al. (org.). Questões de teoria e metodologia da história. Porto Alegre: Ed. da UFRGS, 2000.

BADINTER, ELISABETH. Um amor conquistado: o mito do amor materno. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1985.

BASSANEZI, Carla. Virando as páginas, revendo as mulheres: revistas femininas e relações homem-mulher. 1945-1964. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1996.

BEAUVOIR, Simone. O segundo sexo: a experiência vivida. 2. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1980.

BELOTTI, Elena G. Educar para a submissão. Petrópolis: Vozes, 1985.

BESSE, Susan K. Modernizando a desigualdade: reestruturação da ideologia de gênero no Brasil. 1914-1940. São Paulo: EDUSP, 1999.

BRUSCHINI, Maria Cristina Aranha. Mulher, casa e família. São Paulo: Fundação Carlos Chagas: Vértice: Editora dos Tribunais, 1990.

BUSSOLA, Carlo. O feminismo: história de uma ideologia moderna. Revista de Cultura da UFES, Vitória, n. 34, p. 47-63, 1985.

BUTLER, Judith. “Corpos que pesam: sobre os limites discursivos do 'sexo'”. In:

BUTLER, Judith. Problemas de gênero. Feminismo e subversão da identidade. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

BUTLER, Judith. Problemas de Gênero. Rio de Janeiro, Civilização Brasileira, 2003. Prefácio, Capítulo 1 (itens 1, 2, 3 e 4), capítulo 3 (item 4) e Conclusão.

CANO, Gabriela: “Amélio Robles, andar de velho soldado: fotografia e masculinidade na revolução mexicana”, Cadernos Pagu, n. 22, 2004.

CARDOSO, Irede. Mulher e trabalho: as discriminações e as barreiras no mercado de trabalho. São Paulo: Cortez, 1980.

CLASTRES, Pierre: "O arco e o cesto" in: A Sociedade Contra o Estado, Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1978.

CORRÊA, Mariza: “Do feminismo aos estudos de gênero no Brasil: um exemplo pessoal” cadernos pagu, 16, 2001, pp. 13-30

COSTA, Albertina de Oliveira; BRUSCHINI, Cristina (Org.) Entre a virtude e o pecado. Rio de Janeiro: Rosa dos Tempos, 1992.

DEBERT, Guita Grin e GREGORI, Maria Filomena: Violência e gênero: novas propostas, velhos dilemas. Revista Brasileira de Ciências Sociais, Fev 2008, vol.23, no.66, p.165-185 (disponível no scielo)

DIAS, Maria Odila Leite da Silva. Teoria e método dos estudos feministas: perspectiva histórica e hermenêutica do cotidiano. In: Vários. Uma questão de gênero. São Paulo: Editora Rosa dos Tempos, 1991.

ENGEL, Magali: “Psiquiatria e Feminilidade” em Del Priori, M. (org.): História das Mulheres no Brasil, São Paulo, Contexto, 1997

Entrevistas recentes e cartoons de Laerte Coutinho.

FONSECA, Claudia: “Ser mulher, mãe e pobre” em Del Priori, M. (org.): História das Mulheres no Brasil, São Paulo, Contexto, 1997.

FOUCAULT, Michel. A Microfísica do Poder. Rio de Janeiro: Graal, 1984.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e Punir. Petrópolis: Vozes, 2006.

FOUCAULT, Michel: História da Sexualidade – A vontade de saber, Vol. 1, Rio de Janeiro, Graal, 1977 (é ideal ler o livro todo, mas se não for possível, concentrar-se em capítulo I, capítulo IV partes 1, 2 e 3, e capítulo V). *

HAHNER, June E. A mulher no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1978.

LAQUEUR, Thomas: Inventando o sexo: corpo e gênero dos gregos a Freud, Rio de Janeiro, Relume-Dumará, 2001 – capítulos 1 e 6. * (se possível, vale a pena ler o livro todo)

LOURO, Guacira Lopes. O corpo educado: pedagogias da sexualidade. Belo Horizonte, Ed. Autêntica, 1999. (tradução da Introdução de BUTLER, Judith: Bodies That Matter , New York, Routledge, 1993)

MACHADO, Paula Sandrine: “O sexo dos anjos: um olhar sobre a anatomia e a produção do sexo (como se fosse) natural”, Cadernos Pagu, n.24, 2005

MEAD, Margaret: Sexo e Temperamento, São Paulo, Ed. Perspectiva, 1999. Introdução, “A padronização do temperamento sexual”, “O inadaptado”, Conclusão.

MOORE, Henrietta: "Compreendendo Sexo e Gênero" In: Tim Ingold (org.) Companion Encyclopedia of Anthropology, London, Routledge, 1997. (tradução de Júlio Assis Simões). *

NADER, Maria Beatriz. Mulher: do destino biológico ao destino social. 2. ed. Vitória: EDUFES, 2001.

NICHOLSON, Linda. Interpretando o gênero. Estudos Feministas. Florianópolis, v. 8, n. 2, 2000.

RAGO, Margareth. Do cabaré ao lar: a utopia da cidade disciplinar. Brasil 1890-1930. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1985. SAFFIOTI, Heleieth. A mulher na sociedade de classe: mito e realidade. Petrópolis: Vozes, 1979.

RAGO, Margareth. As mulheres na historiografia brasileira. In: SILVA, Zélia Lopes da (org.). Cultura histórica em debate. São Paulo: UNESP, 1995.

RUBIN, Gayle: “O Tráfico de Mulheres: notas sobre a ‘economia política’ do sexo”, tradução de Júlio Simões do artigo originalmente publicado em: REITER, Rayna (Ed.): Toward an Anthropology of Women. Nova York, Monthly Review, 1973.

SAMARA, Eni de Mesquita. (org.) Trabalho feminino e cidadania. São Paulo: Humanitas, 1999.

SCHPUN, Mônica Raisa (org.). Gênero sem fronteiras. Florianópolis: Editora Mulheres, 1997.

SCOTT, Joan. Gênero: uma categoria útil de análise histórica. Educação & realidade. Porto Alegre: FACED/UFRGS, 20(2): 71-99, julho/dezembro 1995.

SCOTT, Joan. História das mulheres. In: BURKE, Peter (org.). A escrita da História: novas perspectivas. São Paulo: UNESP, 1992.

VALE DE ALMEIDA, Miguel: “Género, Masculinidade e Poder: revendo um caso do sul de Portugal”, Anuário Antropológico/95, RJ, Tempo Brasileiro, 1996.

YALOM, Marilyn. A história da esposa: da Virgem Maria a Madonna. O papel da mulher casada dos tempos bíblicos até Hoje. Rio de Janeiro: Ediouro, 2002.

! esta biliografia poderá sofrer alterações sempre que necessário.


Catálogo: siteantigo
siteantigo -> Ministério público do estado de pernambuco 2ª promotoria de justiça de água preta
siteantigo -> A gerência de Saúde e Assistência Social
siteantigo -> Revista Querubim 2005 Vol 01 nº 01a(ago/dez-2005)
siteantigo -> Janaína Alexandra Capistrano da Costa (uft – to)
siteantigo -> Vi semana de integraçÃo católica e sociedade
siteantigo -> A crítica literária e a identidade nacional na formação da literatura brasileira
siteantigo -> Apelação cível ensino particular propaganda veiculada de forma ampla, acerca de desconto, no percentual de 40%, para alunos diplomados, sem qualquer restrição ao curso de medicina artigos 30 e 35 do cdc recurso provido
siteantigo -> Exmo. Juiz de Direito da a Vara Empresarial da Comarca da Capital o ministério público do estado do rio de janeiro
siteantigo -> Exmo. Juiz de direito da ª vara empresarial da comarca da capital
siteantigo -> Ministério público do estado do rio de janeiro

Baixar 150.5 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   14




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
Processo seletivo
ensino médio
Conselho nacional
minas gerais
terapia intensiva
oficial prefeitura
Curriculum vitae
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
educaçÃo física
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
Conselho regional
ensino aprendizagem
ciências humanas
secretaria municipal
outras providências
políticas públicas
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Dispõe sobre
ResoluçÃo consepe
Colégio estadual
psicologia programa
consentimento livre
ministério público
público federal
extensão universitária
língua portuguesa